Beleza na gravidez: 4 produtos que tenho usado!

30/07/2020  •  Por Thereza  •  maternidade

Quando o assunto é beleza e gravidez, tem um mantra que você sabe antes mesmo de engravidar: taca óleo na barriga para não surgirem estrias! Daí quando você engravida de fato, já chega preparada pra se besuntar toda, mas a rotina de beauté de uma grávida vai um pouco além disso.

Fiz uma seleção de produtos que estou usando na gravidez com foco na barriga e pernas cansadas, dois pontos importantes e que merecem o cuidado diário!

O tal do óleo a gente já escuta no automático e seu benefício é justamente proteger a pele do estiramento natural devido ao crescimento da barriga. O óleo atua como uma hidratação profunda e que ajuda a evitar que elas surjam.

Vale dizer que ele não opera milagre, pois estria também envolve questões genéticas e, acima de tudo, é preciso manter uma boa alimentação durante a gravidez, beber muuuuita água e não usar roupas muito apertadas. O óleo não é santo, muito menos faz milagre, mas é um item que faz diferença se você caprichar no pacote do cuidado completo.

Dito isso, tenho usado desde o início da gravidez o famoso Huile Tonic – Tonic Body Treatment Oil da Clarins. Já usei ele em outras oportunidades e provavelmente é o óleo mais recomendado entre as famosas, ou seja, 100% influenciada com sucesso, mas independente disso, a Clarins é uma marca que gosto muito e até agora ele é só sucesso na minha rotina.

O óleo é formulado 100% com puros extratos vegetais, ele hidrata e ajuda a firmar, restaurando a elasticidade da pele, ou seja, tudo que uma grávida precisa. Seus ingredientes? Atentem ao cardápio maravilhoso: Alecrim, Gerânio e Menta, ajudam a firmar, tonificar e restaurar a elasticidade da pele. O óleo de avelã recupera a umectação natural da pele, retendo sua hidratação. Por fim, tem botânicos aromáticos que estimulam os sentidos e promovem uma sensação de bem-estar.

O que eu gosto dele é que o cheiro não é forte, passou com louvor no 1tri, quando eu sentia enjoo de rigorosamente tudo quanto é cheiro. Sobre a absorção, ele tem médio corpo, com isso ela não é rápida, você sente o óleo penetrando na pele no tempo que tem que ser. E, o mais importante, tem surtido efeito, pois até agora não tive estrias.

Passo ele 2 vezes ao dia (ok, às vezes esqueço e passo 1), mais cedo na hora do banho e depois quando vou dormir e fazer o ritual de bate-papo e música com a Maria Eduarda e o Rodrigo, é um momento muito gostoso! Tem dele aqui na Época por R$379.

Agora vale lembrar: não adianta passar o óleo sozinho, é preciso primeiro passar uma camada de hidratante para preparar a pele. Eu tenho usado o Creme de Massagem para estrias da Palmers, ele tem Colágeno, Elastina, Centella Asiática, Óleo De Argan e de Amêndoas, ou seja, já prepara a pele pro grande óleo. Tem dele aqui na Amazon por R$108.

 

Uma outra coisa que descobri no início da gravidez e que ajuda a potencializar todo o processo de super hidratação na barriga, quadril e outras áreas propensas à estrias na gravidez: esfoliar!

Esfoliar ajuda a limpar a pele do excesso de produtos que ela recebe nesse período. Lógico que tudo com ternura rs e 1x por semana, vale esfoliar a barriga e região.

Uso o Crushed Cabernet Scrub da Caudalie que é uma delícia, tem cheiro bom, a esfoliação é potente e ainda suave, tem um efeito drenante e é cheio de bons ingredientes. Ele tem semente de uva, é rico em mel, açúcar mascavo e 6 óleos essenciais. E acho que tem um excelente preço pro padrão Caudalie de qualidade, R$149 aqui na Sephora.

Esse produto foi uma novidade que eu não conhecia e o próprio pessoal da Clarins me apresentou e recomendou como ótimo para grávidas, o Lait Jambes Lourdes da Clarins é um Revitalizante para pernas cansadas.

Ele é uma emulsão energizante com extratos de camomila, manjericão, salva e cipreste para repousar, tonificar e redinamizar as pernas cansadas. Ele ajuda a manter a hidratação ideal da pele para pernas suaves, flexíveis e frescas. A sua textura ultraleve permite que seja aplicada a qualquer momento do dia, até mesmo por cima de meia-calça.

Ele ainda tem laranja amarga, que ajuda no repouso. Hipericão, Hortelã, Cipreste e Hamamélis, que são tonificantes, refrescantes e adstringentes. E óleos de gérmen de trigo e de amêndoa doce, que são nutritivos, ou seja, pacote completo para grávidas e pessoas que ficam muito tempo em pé e sentem as pernas cansadas ao longo do dia.

Os meus pés ainda não estão inchados, mas às vezes, especialmente nesse início de 3tri, sinto minhas pernas mais pesadas e cansadas, sabe? Daí mando Rodrigo exercer sua função de marido rs e ele aplica em toda a minha perna massageando e é bom demais. O cheiro é muito bom (super refrescante) e o líquido em si é bem levinho e absorve rápido. Boa dica pra quem sofre com essa questão. Tem dele aqui na Sephora por R$259.

Vale lembrar que todas essas minhas dicas são pessoais e antes conversadas com minha obstetra e também dermatologista!

 

Patches para todos os lugares do corpo!

13/07/2020  •  Por Thereza  •  Beleza

Esqueça por um minuto as sheet masks que há anos vem encantando as entusiastas de skincare: o assunto hoje são patches! Enquanto um é descartável, o outro você pode seguir usando forever. Enquanto uma tem foco no rosto, ou outro você pode usar e reusar em qualquer trecho do corpo!

A SiO é uma marca americana que surgiu e cresceu com esse foco em patches. A fundadora buscava um produto que cuidasse do colo além de um creme qualquer, com isso, 180 protótipos depois e 4 anos de desenvolvimento de produto, veio a marca.

A linha pioneira foi com foco no colo (falei dele aqui em 2017), mas de um tempo pra cá eles lançaram patches para cada canto do corpo e talvez eu diga isso literalmente falando!

Tem patches para a mão, para a papada, para a testa, para o cotovelo, para o joelho, para o bigode chinês, para o queixo, pra cada canto do rosto e por aí vai!

Dizem que a tal tecnologia é super eficiente e até mesmo simples (SIlicone e Oxigênio, daí o nome SiO!), um microclima com oxigênio + a sua pele hidratada e restaurada, tudo visando suavizar rugas, praticar um lifting e cuidado pontual pra cada canto do corpo.

Gosto da ideia do produto pois sendo reutilizável, me parece útil e eficiente. Li boas resenhas dele pela internet e pra quem se preocupa com cantos específicos do corpo, é uma boa dica! O preço está na faixa de U$20-40, o que com o dólar do jeito que tá é muito, mas na torcida pra marcas brasileiras fazerem suas versões! Vocês conhecem algo parecido?

A tentativa da volta do loiro chapado

02/07/2020  •  Por Thereza  •  Cabelos

Quando o assunto é cabelo e meu momento gestante, uma coisa eu devo agradecer: a moda de cabelo ombré e mechas texanas® (isso tudo potencializado pelo fato de tecnicamente sequer poder sair de casa por conta da quarentena). Comecei a fazer luzes aos 15-16 anos e desde então a regra era clara: luzes fininhas, bem grudadas à raiz e retocada religiosamente a cada 60 dias. 

Esse era o padrão loirice brasileira por muito anos, diria décadas. Umas era mais sutis e elegantes e outras mais retas e diretas. Isso tudo mudou e arrisco dizer que essa geração digital tenha uma grande influência.

Com o tempo vieram cabelos mais sutis, as mechas californianas ganharam espaço e até aqui nesse humilde blog inventamos dois termos que até já saíram em capa de revista: mechas texanas e morenoira. De quebra, nosso post mais lido de todos os tempos é “A COR DE CABELO MAIS BONITA DO MUNDO” [clica aqui pra saber detalhes caso você não se lembre desse icônico post datado de 2010].

A cor de cabelo da Jessica Biel foi o marco libertatório rs de mulheres que por anos se tornaram reféns de salões, tintas e papilotes e puderam ao menos descansar o bolso e o fio por uns meses ao mais e esticando esse período de retoque.

Falo por experiência própria, nunca deixava minha raiz com mais de 2 dedos e isso era exatamente 2 meses e já batia um desespero. Já tem uns 4 anos que tenho escurecido de leve – e aquecido – mais minha raiz, trabalhado com uma técnica que esfuma mais e cria menos contraste e isso facilita muito pra não ter aquela raiz marcada.

A última vez que fiz luzes foi em dezembro e, por conta da gravidez, já poderia até ter voltado a retocar – sutilmente ou não – mas não tenho nenhum plano de fazer isso por conta da gravidez-e-quarentena e me sinto extremamente bem e confortável com o cabelo assim. Aliás, tive sorte de ser daquelas grávidas que o cabelo ficou bem melhor na gestação, mas sei que o pós vem aí rs.

 

Junho/20 - 6 meses sem luzes x Novembro/18 - acabei de sair do salão

 

Sabe pq eu tô dizendo isso? É que a mesma onda de famosas e influenciadoras que disseminaram a cor de cabelo mais, digamos, democrática, são aquelas que tão querendo fazer o loiro chapado acontecer novamente!

Como assim? Sim, aquele loiro, que uns chamam de odonto, chapado, sem nuances e camadas e com um amarelo beeeem característico está na moda no verão americano e eu gostaria que você visse com seus próprios olhos.

Emily Ratajkowski, indiscutivelmente linda. A modelo pintou o cabelo na última semana e causou. O loiro é chapado, mas tem até umas nuances de luzes, a raiz é levemente escurecida, mas amada, você vai ter que virar refém do salão. Pra ela é fácil, mas imagina pra nós, reles mortais? Por isso que eu digo que é um tipo de influência que não deve necessariamente voltar.

Kylie Jenner, cada mergulho, um cabelo. Tudo bem que isso é obviamente um lace, mas endossa a onda dos loiros chapados e o dela é chapadérrimo mesmo. Coragem! Outro dia ela estava ostentando umas luzes anos 90 tão bonitas e bem mais inspiradoras.

Por fim, Kaia Gerber e a personificação do meme “O começo de um sonho – Deu tudo errado”. Parece a gente cazamigas brincando de blondor em 1997. Provavelmente esse cabelo é fruto de algum editorial bem crazy conceitual, mas mais uma vez prova que tão querendo fazer o loiro chapado acontecer.

E vocês, gostam do loiro mais declarado ou aquele discreto?