Ronda da Semana: Representatividade, polêmica e Kardashians!

26/01/2018  •  Por Thereza  •  RDS

Antes de começarmos com os assuntos da nossa Ronda da Semana, venho por meio deste post lembrar que domingo temos Grammy! O tapete vermelho mais ousado e animado do ano terá cobertura completa aqui no Fashionismo, portanto não se esqueçam e venham prestigiar :) Dito isso, partiu RDS!

POLÊMICA NA ALTA COSTURA

O mundo da moda presenciou uma reveladora polêmica essa semana! Tudo começou quando a estilista russa, Ulyana Sergeenko, enviou um cartão com flores para a amiga Miroslava Duma e esta compartilhou no Instagram. Até aí tudo ok, gentileza de amigas durante a semana de alta costura, o problema é que o cartão tinha a “n-word”, palavra de cunho racista e ignorado pelas duas brancas.

Após fajustos pedidos de desculpas, o blogueiro Bryanboy trouxe à tona um vídeo da Miroslava que corroborou para descobrirmos o lado preconceituoso da até então adorada influenciadora. Nele, ela revela opinião homofóbica, transfóbica e sobra até pra Kim Kardashian e Paris Hilton. O video você consegue ver aqui no insta do Bryan e acima a bela resposta dele ao ataque preconceituoso de Miroslava, que no vídeo o chama de “estranho” por vestir roupas de mulheres.

No dia seguinte, ela explicou que o vídeo era antigo e que mudou de pensamento, mas sem dúvida sua imagem ficou arranhada, sendo demitida inclusive de uma das empresas na qual era co-fundadora. Lembrando que ano passado postei aqui o novo posicionamento da russa, focado mais no universo tecnológico e trazendo soluções sustentáveis para a moda. Apesar do pedido de desculpas controverso e limitado (ela não pediu desculpas diretamente ao Bryan), eu fiquei bem decepcionada.

REVLON LIVE BOLDLY

Depois da Revlon contratar Gal Gadot para ser seu novo rosto, a marca chega com mais um time poderoso pra compor esse novo momento agora mais empoderado do que nunca. A brasileira Raquel Zimmermann, Adwoa Aboah, Imaan Hammam e a top plus size, Ashley Graham.

Num entrevista, Ashley conta que é muito difícil mulheres gordas conseguirem contratos de beleza e que apesar do movimento body positive estar crescendo, o universo de beleza ainda não tinha se atentado que “mulheres gordas também se maquiam”. Vale lembrar que se tornar embaixadora de marca de beleza é o que mais enche o cofrinho das modelos, portanto, se a top foi a 10ª mais bem paga de 2017, esse ano já começa promissor!

MAIS KARDASHIAN BEAUTY

Depois de Kylie Jenner (oi, sumida) e sua retumbante Kylie Cosmetics e Kim Kardashian e sua esforçada KKW Beauty, abram espaço para Khloé e Kourtney! Essa semana foi descoberto que as duas deram entrada para oficializar suas novas marcas registradas. Khloé registrou oficialmente “KOKO Kollection by Khloé Kardashian” e “KOKO Kollection”, enquanto Kourt escolheu “Kourt” and “2Die4Kourt” como nome.

Ainda não se sabe oficialmente o que cada uma fará, mas em se tratando de K-Family sabemos que fará sucesso! Aguardando agora Kendall Jenner e sua linha também.

AGORA KARDASHIAN HAIR

Tanto tempo que não falo da família que agora volto com outra notícia e dessa vez capilar! Tanto Kourtney quanto Kendall debutaram novos cortes de cabelo essa semana. Nada de muito inventivo, enquanto Kendall cortou pouquinho, mas reforçou o longbob, Kourt cortou uns 4 dedos e tá quase virando um super-extra-long-bob. Aprovados?!

 

 

Miroslava Duma: Moda, Tecnologia e Ciência

20/06/2017  •  Por Thereza  •  Cultura

O ano era 2008, muita gente estava começando a ler blogs e havia uma it girl, uma principal e soberana it girl, o nome dela era Miroslava Duma. A russa veio antes mesmo de Olivia Palermo e conquistava geral com seus looks cheios de personalidade, estilo e doses de fashionismo.

Bom, se você ainda é ligada nas redes sociais da vida pode cruzar com uma ou outra foto de Miroslava, mas a moça anda mais discreta, só que muito atuante. Casou, teve filho, mas ela foi além, ela se transformou: Miroslava agora investe seu rico dinheirinho (dinheiríssimo, muita grana, bilionária russa mores) em tecnologia de moda.

Miroslava se desgarrou dos looks do dia e agora usa sua experiência com ciência e tecnologia para moda pra tentar mudar o mundo a médio prazo. Em entrevista à Bazaar US do último mês ela revela o que tem feito e achei fantástico, logo, compartilho com vocês.

COMO A VISÃO DA MODA MUDOU

Na entrevista, Miroslava revela como rolou essa mudança de percepção sobre o mundo da moda, “Nasci na Sibéria, onde tem as maiores reservas de óleo da Rússia, com isso cresci sabendo que não havia nada pior para o planeta que isso. Com a minha relação com a moda, descobri que a poluição ia além do óbvio e que a indústria têxtil também era responsável por grande parte da degradação do ambiente e eu fiquei chocada”.

Miroslava ainda acrescentou que se sentiu envergonhada por “compactuar” com isso e diz que é constrangedor as pessoas se envolverem em algo tão poderoso e que rende muito dinheiro, sem ao menos se preocupar com o ambiente. Foi aí que ela começou a se envolver com mais pessoas interessadas no lado tecnológico da moda do que fashionistas que “só querem dar pinta”.

UM NOVO COMEÇO

Miro é fundadora do site de moda Buro247, mas recentemente ela foi além e abriu a Fashion Tech Labs Ventures Inc, um fundo de investimento e acelerador de tecnologia que visa conectar e apoiar boas ideias e alternativas de moda que não prejudiquem o meio ambiente. A empresa foi lançada no último mês e já tem como meta inicial o capital de U$50mi para investimento nessas ideias.

Miroslava revelou que hoje em dia ela frequenta mais São Francisco (sede da empresa e conhecida como celeiro tecnológico) do que semanas de moda, pois lá ela consegue se conectar com cientistas, engenheiros e empreendedores em geral que buscam essa transformação no universo da moda.

OS PROJETOS DA VEZ

A empresária revela alguns projetos que a fascinaram e ela já vem apoiando como, por exemplo, um laboratório que desenvolve couro e pele para roupa através de célula-tronco. Uma empresa que recicla a casca da laranja, transformando-a em cetim (Salvatore Ferragamo já lançou uma coleção usando esse material). E também uma empresa que está desenvolvendo diamantes sintéticos usando energia solar (Leonardo DiCaprio também apóia essa empreitada).

ELA VÊ UM NOVO COMEÇO DE ERA

Como Miroslava vê a roupa do futuro? “Elas serão fabricadas com os tipos de materiais que colhem energia do sol e do vento, e também podem coletar dados do seu corpo – os passos e movimentos que você faz. E ainda ajustar a temperatura do seu corpo quando começar a sentir frio ou quente”. E quando Miroslava é questionada quais estilistas já estão a frente nesse quesito? Ela é categórica “Nenhum!”.

Ela conta que essas novas tecnologias ainda seguem em laboratório para estudos e testes, mas que busca levar essas inovações para faculdades de moda, para que os novos estilistas se adequem e já cheguem ao mercado de trabalho com essa nova visão.

Fiquei bastante impressionada com essa nova Miroslava e feliz em ver essa revolução além do look do dia! 

 

E essa obrigação de ser fashion o tempo todo?

24/01/2014  •  Por Thereza  •  Moda, Pense

Deve cansar. Criatividade vai no limite e a espontaneidade pras cucuias. Estava selecionando as fotos pro LDS e parei pra reparar nos 891742932 looks que a Miroslava Duma usou só nessa semana (3 dias na realidade) de alta costura francesa. Lembram que em 2009 Miro era a ~it girl~, a representante new generation de estilo?

 010714_Tommy_Ton_Menswear_Fall_2014_slide_112

Ela e Olivia Palermo disputavam o posto de melhor no que fazem: se vestir muito bem, inspirar, ousar na medida e depois disso tudo, atravessar a rua para um clique de look do dia, como se nada tivesse acontecido, mas com tudo planejado.

Mas confesso que dei uma cansada da Miroslava. A russa vem exagerando temporada após temporada e seu estilo, que antes era fofo, experimental (como ela mesma diz), mas charmoso, hoje em dia tá peeera que eu sou a versão russa da ADLR. Vendo as fotos dessa semana confirmei o que já observava: e essa tal obrigação de ser fashionista montadona o tempo todo?

1miro1

Mas a menina tá numa semana de moda e você quer o que?  Claro, mas eu tenho apenas a ligeira sensação que é tudo tão calculado, tão distante que… não inspira. Não vejo consistência ou naturalidade nas roupas que a Miroslava usa. Parece forçado, cansativo e olhando certos looks, parece que a menina tá sufocada. Lembram daquela história de adequação de idade da Kylie? Olhando certas fotos da Miroslava, me parece que ela tem muito mais idade que seus 28 anos reais, e olha que ela tem rosto de garotinha. No caso da Kylie fica legal, mas no caso da Miro tenho a sensação que passou do ponto.

E seja semana de moda ou qualquer outro evento, Miroslava não relaxa. É tudo meio over que até a exoticidade da Anna ainda é mais interessante porque parece que ela não leva a sério, que ela brinca com a moda, já na Miro, é mais pensado, sério e, consequentemente, cansativo. Não sei vocês, mas me canso só de ver.

2miro2

Acho super legal se inspirar – adaptando à nossa maneira – observando esses looks dessas fashionistas, mas  acho que chega uma hora que o distanciamento fica tão grande (e não tô falando isso relacionado a marca$), que essa sensação de inspiração tá mais pra decepcão.

4miro curti

Mas a questão é, lóóógico que Miroslava não tem obrigação nenhuma de ser inspiração diária, mas até que ponto ela se veste pra causar e forçar a barra e tudo isso vira um grande exagero? Eu não sei bem, mas analisando o histórico dela, um estilo que era tão fresh, admirável e interessante, parece que perdeu o viço e virou refém dessa tal obrigação de ser fashion o tempo todo.

O que vocês acham do Caso Miro? Ainda se inspiram ou ela já passou do limite e virou refém disso tudo?

Página 1 de 3123