Como harmonizar queijos e vinhos!

03/03/2016  •  Por Rodrigo  •  Gastronomia, Vinho

Hoje o Vinho de Quinta vai falar de um assunto que muita gente adora, mas ainda tem dúvidas: queijos e vinhos! Por mais que essa combinação seja clássica e utilizada em diversas ocasiões, é preciso seguir algumas regrinhas pra que a harmonização seja certeira e traga à tona o melhor dos dois mundos.

Queijos e vinhos andam juntos quando são harmonizados corretamente, caso contrário, os sabores de um podem se sobrepor aos do outro deixando tudo uma bagunça papilar. Aspectos como acidez, cremosidade, intensidade, doçura e sal (principalmente sal!), devem ser levados em consideração na hora da escolha desse “casamento”.

V_KJWC_Main_WineCheese_934x4341 

Tábuas de queijos, além de bonitas para apresentação, são muito versáteis por juntar diversos estilos de queijo em uma única degustação. Aqui em casa é um sucesso, além de ser uma graça ver a Thereza preparando com tudo que tem direito e ir além, “enfeitando” com tomates cereja, frutinhas, alecrim e outras invenções de moda dela.

E pra harmonizar? Como os queijos variados possuem características distintas, é bem difícil escolher um único vinho que combine com todos. Caso você receba mais pessoas, pode pensar em ter mais de um estilo de vinho para harmonizar com os queijos. Se for uma coisa mais intimista, tipo a dois, o ideal é escolher queijos com sabores parecidos tendo em vista que haverá apenas uma garrafa. Lembrando que as meias-garrafas podem ajudar nessa questão. Vamos aos destaques!

QUEIJOS E VINHOS

Muçarela de Búfala: da família dos queijos frescos, ela é perfeita pra iniciar a degustação. Seu sabor delicado e textura macia pedem um vinho branco leve e de boa acidez pra manter a delicadeza do queijo sem apagar o sabor. Os Sauvignon Blancs são excelentes, assim como os Pinot Grigios italianos como o Antigiano Pinot Grigio,  que possui uma mineralidade perfeita para o frescor da muçarela.

Brie e Camembert: dois queijos de mofo branco bem populares no Brasil, são especiais pela cremosidade. Assim sendo, minha dica é escolher brancos encorpados da uva Chardonnay, envelhecidos em madeira. O Santa Helena Siglo de Oro  é untuoso, cremoso e seu toque tropical vai complementar a maciez do queijo. Um tinto leve como o Pinot Noir também fará bonito!

Gruyere, Gouda e Emmental: de massa média e sabor adocicado, esses queijos são bem versáteis. Se quiser manter um vinho branco, Chardonnay fresco ou Torrontés dão conta do recado. Outra alternativa legal são os vinhos da uva Riesling que possuem dulçor e acidez pra “cortar” a gordura do queijo.

Se optar por um tinto, tente um com corpo leve ou médio, como os Merlot da América do Sul ou um Pinot Noir como o Marea, que mostra aromas frutados de morangos e cereja.

Provolone: taí um queijinho complicado pra harmonizar, mas que todo mundo gosta! Pelo fato de ser defumado e mais salgado, não é uma boa degustar com vinhos muito tânicos e secos, pois os taninos quando em contato com o sal do queijo, podem deixar um sabor muito amargo na boca. Entretanto, dá pra fazer uma harmonização interessante.

Tintos muito frutados e adocicados como os Zinfandel ajudarão a manter o sal em equilíbrio. Outro vinho que faz sucesso com o provolone é o francês da região do Rhone, Chateau Pesquié, com seus taninos macios, aromas florais e sabores que lembram alcaçuz.

Grana Padano: o preferido aqui em casa, é da família dos queijos de massa dura e possui sabor acentuado e levemente picante. Pede vinhos tintos com estrutura e bom corpo como os Malbecs argentinos, Cabernet Sauvignon ou Shiraz.

É importante que o vinho tenha bastante concentração de fruta pra segurar a intensidade de queijo. Um exemplar chileno maravilhoso é o Maycas Del Limari Sumaq Syrah. Seus aromas de ameixas e chocolate e seus taninos quase doces de tão maduros ficarão ainda mais redondos quando harmonizados com esse tipo de queijo, que por sua vez vai parecer areia doce na boca, se é que isso existe!

Gorgonzola ou Roquefort: esses queijos azuis, gordurosos, densos e deliciosos são os pares ideais para os vinhos de sobremesa. Vinhos do Porto, vinhos brancos de sobremesa, Jerez ou moscatel casarão maravilhosamente. Tintos secos não precisam ficar de fora, contanto que sejam encorpados e robustos. O italiano Antigniano R Rosso di Torgiano tem elegância de sobra e belíssima acidez pra domar o queijo, que ainda possui gordura suficiente pra amaciar o vinho.

Cabra: picante e com uma pitadinha cítrica esse queijo harmoniza com o quê? Champagne, e como harmoniza! Não só com Champagne, mas como espumantes em geral. As notas de torrefação da bebida suavizam a acidez do queijo e as borbulhas limpam a boca preparando para a próxima mordida. Um bom exemplar de espumante nacional é a Cave Geisse. Amendoada e com notas de pêra madura e pão tostado.

  e2b0699be1f6691a1607639530913e01

Bom, essas foram as minhas sugestões. Espero que tenham gostado e se tiverem alguma dúvida sobre harmonização ou queijos que eu não tenha citado (afinal, são muitos), deixem um comentário. Abraços!

Deixe seu comentário!
*Preenchimento obrigatório (seu email não será divulgado).
Quer que a sua foto apareça no comentário? Clique aqui e cadastre-se!

12 Comentários
  1. Flávia - 04/03/16 - 09h39

    Adorei!!!! :wine_glass:

    Responder
    • Thereza - 05/03/16 - 13h21

      Valeu, Flávia!
      OBS: é o Rodrigo, mas ta logado como Thereza!!

  2. Ana Luísa - 04/03/16 - 10h34

    já quero experimentar tudo!!! :wine_glass: :wine_glass: :wine_glass:
    Parabéns Rodrigo, mais uma vez um post muito bem explicado!!! :clap: :clap: :clap:

    Responder
    • Thereza - 05/03/16 - 13h21

      Obrigado, Ana.
      Abs.
      OBS: é o Rodrigo, mas ta logado como Thereza!!

  3. Ingrid - 04/03/16 - 14h52

    Rodrigo, sempre adoro os posts do Vinho de Quinta. Esse tá maravilhoso! Adoro queijo e adoro vinho mas realmente sempre ficava na dúvida pra harmonizar. Vai ser super útil! Comprei várias das suas dicas – pode continuar indicando, você e Thereza tem a maior credibilidade. Beijos pro casal.

    Responder
    • Thereza - 05/03/16 - 13h22

      Valeu, Ingrid.
      Fico feliz em poder ajudar. Qualquer dúvida, me fala.
      Abs.
      OBS: é o Rodrigo, mas ta logado como Thereza!!

  4. Naty - 04/03/16 - 18h47

    Torcendo pra chegar o inverno pra queijos e vinhos!

    Responder
    • Thereza - 05/03/16 - 13h23

      Somos dois, Naty!!
      OBS: é o Rodrigo, mas ta logado como Thereza!!

  5. Elisa - 04/03/16 - 20h04

    Thereza ou Rodrigo,
    Onde costumam comprar quejos aqui no Rio?
    Obrigada!

    Responder
    • Thereza - 05/03/16 - 13h24

      Oi, Elisa.
      Costumamos comprar no Zona Sul e Pão de Açucar.
      Abs.
      OBS: é o Rodrigo, mas ta logado como Thereza!!

  6. Lorraine Faria - 05/03/16 - 18h19

    Rodrigo, acho que o esquema do provolone é a cervejinha mesmo :D haha

    Responder
  7. Marcela - 01/06/16 - 00h18

    Sentindo falta dos posts de vinho!! :):)

    Responder