O QUE É CAFONA PRA VOCÊ?

03/08/2015  •  Por Thereza  •  Estilo, Moda, Pense

Pro dicionário é adj m+f De mau gosto: Chapéu cafona. s m+f 1 Pessoa que se caracteriza pela falta de bom gosto ou pelo gosto estragado, principalmente no trajar e nas coisas da vida cotidiana. 2 Pessoa sem modos, acafajestada.

E sabe de onde vem a origem da palavra cafona? Segundo meu amigo etimólogo, Deonísio da Silva, autor do livro “De onde vêm as palavras” (e de tantos outros, sem contar que também é vizinho blogueiro!)veio do Italiano “cafone”, palavra derivada do Latim “Cafo”, nome de um centurião romano de hábitos rudes, grosseiros.

b2fcb4e96b5a7a5c17419f9debbd4f6a

Digo tudo isso porque outro dia vi uma pessoa falando que uma peça x era “muuuito cafona”. Daí pensei, “iiisso é cafona?”, mas por quê? Nunca imaginei que tal coisa pudesse ser chamada de cafona (se eu contar vocês nem acreditam). Tipo, não era algo ~popularmente cafona~ como uma pochete ou um saruel, era uma roupa normal, do cotidiano, que você aí usa de boa e que essa pessoa simplesmente achou (“muuuito”) cafona.  Ué, mas por que esse danado é considerado cafona? Porque essa pessoa definiu isso como cafona? Acho que ela tem todo o direito, mas também acho arbitrário.

Daí me veio outra historia que li na última semana da jornalista que sou fã, Cora Rónai, que em sua coluna chamou algo de espelunca, esse algo (uma pizzaria) se sentiu logicamente ofendido e Cora fez uma excelente mea culpa e reflexão sobre o poder das palavras. Em cada ouvido, uma sentença e um peso que pode ser razoável para uns, mas pode soar infeliz para outros.

Voltando à cafonice, se você acompanha o blog há 7 dias ou 7 anos sabe que evito ao máximo (e geralmente  consigo) empregar a palavra cafona. Acho pesado e até grosseiro usar o termo assim deliberadamente. Existem maneiras bem mais sutis – e inteligentes! – de desgostar de algo, de achar feio, ultrapassado, demodé (taí palavra demodé, demodé). Chamar uma coisa x de cafona é muito raso e generaliza algo individual. Também acho um pouco arrogante e, eventualmente cafona, alguém com a pretensão de ditar o que é cafona ou não.

anigif_enhanced-31373-1400113150-1

É óbvio que no nosso dia a dia chamar algo de cafona é mais que natural, mas ao mesmo tempo, rótulos assim não estão ultrapassados? Palavra como essa não tem um peso desnecessário, ou pior, soa esnobe? Lógico que a pessoa em questão era pública, com isso o peso muda e a força da palavra também. Eu, enquanto blogueira, me preocupo mil vezes – até demais – com o tom das minhas palavras, preciso ser responsável e cuidadosa e, no que diz respeito à cafonice, jamais me atrevo a ditar algo tão relativo, salvo raras e inevitáveis exceções… como a pochete, tô brincando pochete, você foi só um caso clássico! :)

Acho que nos dias de hoje, nos quais as pessoas estão bem mais conscientes, libertas de rótulos e livres de preconceitos, cafona se torna uma palavra desnecessária, com o perdão do nobre centurião italiano.

Resumindo, pra mim, cafona é ditar algo de cafona e pra você, afinal, o que é cafona?

Deixe seu comentário!
*Preenchimento obrigatório (seu email não será divulgado).
Quer que a sua foto apareça no comentário? Clique aqui e cadastre-se!

23 Comentários
  1. Ana - 03/08/15 - 16h37

    Sensacional Thê! Essa percepção de que os nossos conceitos são apenas NOSSOS CONCEITOS, NOSSAS OPINIÕES, é muito clara pra mim, mas tem MUITA GENTE no mundo, e na internet que não sabe disso, que tá por aí comentando de moda a política como se sua opinião fosse a verdade pura e absoluta!

    Responder
  2. Bethania - 03/08/15 - 16h39

    The do Céu! Falou o milagre mas não falou o Santo!!!! Hahahahahaha!!! Conta ai pra gente quem foi essa louca!!!… Estou com saudades do “FASHIONISMO PERGUNTA”! Beijos! :kiss: :kiss:

    Responder
  3. gil - 03/08/15 - 16h48

    oi the, eu posso usar o rotulo cafona para algo e dizer: isso é cafona para mim mas quando vejo em alguem nao critico porque cada um se sente bem vestindo e fazendo o q bem entende, muita coisa q esta na moda q é tendencia eu nao uso pode ser ridiculo mas quem compra bonito lhe parece, gosto é gosto e nao se discute <3
    the, me visite também:
    http://www.gilvaniaevans.com

    Responder
  4. Eve - 03/08/15 - 17h00

    O que é cafona pra mim: maioria dos vestidos de formatura, cheios de tules, renda e pedras. A maioria adora e acha que está arrasando. Pessoalmente acho horrível, mas cada um com o sei próprio gosto!

    Responder
    • Isabele - 04/08/15 - 13h08

      Nossa, eu concordo demais! Não consigo ver beleza ou bom gosto em vestidos de formatura/festa. Uns tecidos estranhos, umas cores duvidosas… kkkkkkkk Parece fantasia! Eu me sinto fantasiada vestindo esses vestidos!

  5. Yasmine - 03/08/15 - 17h14

    Sempre fico em dúvida se uma coisa é brega ou é cafona, taí outra boa reflexão.

    Responder
    • Thereza - 03/08/15 - 17h20

      haha boa pergunta, mas acho que brega vai mais pro antiquado e cafona pro gosto pessoal, mas no final das contas sao praticamente sinonimos mesmo!

  6. Thai - 03/08/15 - 17h22

    The, eu também acho. Concordo com você.

    Outro dia, li no site da maior revista de casamentos do Brasil, uma matéria sobre o que é “CAFONA” e “PROIBIDO” em casamentos. A matéria utiliza palavras pesadas, e praticamente fazia chacota dos itens que citava como fora de moda.
    Eu me casei ano passado, e não usei nenhum daqueles itens citados na matéria, mas poderia ter usado se quisesse, e por que não? Se o casamento é meu, quem decide sou eu.

    Acho muito errado um veículo utilizado pelas noivas, impor o que se pode ou não fazer. O mesmo vale para moda.
    As pessoas devem e merecem ser livres para fazer suas escolhas.

    Responder
  7. Carla - 03/08/15 - 17h34

    The, há um tempo atrás eu fiz um post falando que todo mundo tem seu lado cafona, mas eu nunca tinha pensado no emprego da palavra dessa forma. Talvez por eu preferir empregar essa palavra quando eu estou inclusa no grupo cafona, eu nunca levei para esse lado, sempre levei mais para a brincadeira. Mas talvez, eu também só tenha levado mais na brincadeira porque eu me permiti me zuar, né? Tem muitas coisas que eu não curto, não gosto, mas não julgo quem gosta e tento cada vez mais apontar menos dedos (as vezes é inevitável, mas nunca é publicamente, rs). Mas amei o seu texto! :) Beijoooos

    Responder
  8. Tata - 03/08/15 - 18h09

    Se tem algo cafona é quem acha tudo cafona! Isso porque sempre que ouço alguém usar esse adjetivo sinto um tom de arrogância

    Responder
  9. Marta - 03/08/15 - 18h44

    Tava pensando nisso outro dia, e no meu entendimento ficou como se fosse um comportamento ou objeto que não está em harmonia com o meio, pq explica quando as vezes acho que certa roupa em uma pessoa ficou cafona e em outra não. Tem um documentário, ” A Arquitetura da Felicidade” cujo o autor tenta explicar isso usando de exemplo casas falsamente clássicas ou coloniais construídas há pouco tempo em meio ás cidades modernar e como está em desacordo com com a paisagem e a vida da sociedade atualmente, acho que podemos usar o que ele concluiu no documentário sobre arquitetura e trazer pra moda. Não sei se expliquei claramente, mas só jogar no youtube haha.

    Obs.: The, esse fds foi o casamento do principe Pierre Casiraghi e da Beatrice Borromeo, cada look lindo pra casórios informais! Adoraria uma visão sua, vc escreve tão bem!

    Responder
  10. Rayane - 03/08/15 - 19h43

    Por este e outros posts (tipo: TODOS haha), sou sua leitora assídua, The.
    Cafona, pra mim, é acreditar que só porque alguém usa/prefere algo diferente do que você usaria/gostaria de usar, ela é, de certa forma, “inferior”: no gosto, nas escolhas que faz. Não, não é.

    Beijos!

    Responder
  11. alessandra faria - 03/08/15 - 21h24

    Concordo com você Thereza.
    Já vi posts em alguns blogs ditos como muito conceituados com listas das peças mais cafonas do momento.
    Algumas das coisas eram para mim básicas.
    Acho que, como vc disse, podemos desgostar de algo e até pensarmos ser cafona, mas ditar como regra a ponto de influenciar a opinião alheia… Isso, para mim, é cafonice. Pois hoje a liberdade no vestir impera.
    Bjos
    http://www.alessandrafaria.com

    Responder
  12. […] Curti muito esse artigo da Tereza Chammas,super pertinente o ponto de vista dela sobre o que é cafona.Respeitar as diversidades é incrível e faz um bem pra convivência.O que bonito pra você pode não ser pra fulano e assim caminha a humanidade.Vale muito o click!O que é cafona? […]

    Responder
  13. Clarissa - 04/08/15 - 11h29

    Theeee, como faço pra entrar no #melhorgrupismo?! Me ajuda? Bjss,

    Responder
  14. Mayara Cordeiro - 04/08/15 - 13h40

    Penso exatamente como você e não me lembro de já ter usado essa palavra. Porque achar ou não cafona é algo tão relativo, tão pessoal que fico indignada de ver tanta gente na internet utilizando esse termo de forma banalizada, com a única pretensão de dizer o que os outros devem vestir/fazer/comprar.

    Responder
  15. Laura - 04/08/15 - 13h44

    Thereza, maravilhoso este post. É por essas e outras que o seu blog é o único em que dou uma espiadinha diária

    Responder
  16. danielle - 04/08/15 - 15h59

    Simplesmente ADORO seu site, rs. Você escreve tudo o que eu penso! Deve ser identificação de taurinas, haha! Então, usei muito na (pré) adolescência as tais correntinhas no pescoço, de veludinho, com pingentes pendurados. Depois virou cafona, coisa de cigana que lê a sorte nos bares da vida, rs, e eu parei de usar. Este ano, pra minha (feliz) surpresa, as fashionistas voltaram a usar, com uma nova leitura, vários colares juntos… enfim, o termo cafona nunca foi tão cafona!

    Responder
  17. Jakeline Dias - 05/08/15 - 13h03

    Não acredito que algo seja totalmente cafona ou brega no sentido literal das palavras, mas acho, muitas vezes, que as pessoas não tem bom senso na hora de se vestirem. Eu , por exemplo, tenho cintura fina e pernas grossas, para não ficar fora do contexto ( meu, é obvio) tento esconder as coxas que não gosto e priorizo elementos que me destacam na parte superior, coloco uma saia um dedo abaixo do joelho e uma blusa mais acinturada…ai..caio na noite, sem medo …tem pessoas que não tem este bom senso, acham que por estar na moda podem usar tudo. Concordo com o seu texto sobre rotular alguém de cafona, mas amiga às vezes fica difícil viu??? Tem blogueiras que se acham mara……Na verdade as pessoas que não tem noção até são mais “felizes” sabia…sei lá… Agora , na minha humilde opinião, quando vc se propõe a usar uma coisa “da moda” vc tem que se informar quais os outro elementos que combinam com uma determinada peça, pois colocar uma saia midi com uma sandália flip flop JÁ É DEMAIS..Ta na dúvida, tem o velho “blue jeans” , camisa branca e um scarpin..BJS…AMO SEU BLOG

    Responder
  18. Neide - 08/08/15 - 22h27

    Que post maravilhoso, obrigada!
    http://www.bpxdesign.blogspot.com.br/

    Responder
  19. Neide - 08/08/15 - 22h29

    Obrigada, adorei a aula!!!
    http://www.bpxdesign.blogspot.com.br/

    Responder
  20. Rosana Maia - 11/08/15 - 14h01

    The, acho cigarro EXTREMAMENTE cafona, demodè, Last season…

    Responder