AS MAIS
LIDAS!

Customizando uma Chanel

23/01/2012  •  Por Thereza  •  Acessórios, Fashion Week

Dentro da correria do backstage da Colcci (antes do Ashton, é claro #teamcharliesheen), avistei uma bolsa pra lá de exótica, quem diria, uma Chanel 2.55, mas não uma qualquer, não uma nova edição elaborada por Karl e cia, olha só:

Chanel – cartelinha de adesivo R$1 edition! Achei sensacional! E não é aquela colagem aleatória artística, cada adesivo está milimetricamente centralizado em cada losango da bolsa mais famosa do mundo! What would Gabrielle think?

A dona da bolsa contou que ela foi especialmente customizada pra ela, pela stylist da Colcci, Victoria Young. E o bacana é que se você tirar, fim, vira uma bolsa clássica qualquer normal. Tem coragem?


Deixe seu comentário!
*Preenchimento obrigatório (seu email não será divulgado).
Quer que a sua foto apareça no comentário? Clique aqui e cadastre-se!

53 Comentários
  1. Michelle - 23/01/12 - 04h17

    gente rica e suas excentricidades

    Responder
    • Thereza - 23/01/12 - 04h20

      Kkkkkkk ne?!

  2. juliana alves - 23/01/12 - 05h50

    sério: quem customiza uma chanel? afe. não gostei, não.

    Responder
  3. Elisa Lobato - 23/01/12 - 10h37

    Desculpe Michelle, mas se rica eu fosse, extremamente excêntrica eu seria. Eu AMEI a ideia! Eu sempre achei estranho como todo mundo tem neura em ver gente usando roupa igual a sua, mas sonha em usar uma 2.55, Speedy ou Birkin que “um monte de gente” (pelo menos numa SPFW) tem igual. Eu adoro quando aparece alguém que tem coragem de exercitar a criatividade numa it bag. E se eu tivesse dinheiro, andaria feliz da vida com a minha 2.55 customizada com adesivos de $1 sim!

    Responder
    • Bruna - 23/01/12 - 11h12

      Concordo plenamente!
      Sem contar que ficou uma fofura.

  4. Luciana - 23/01/12 - 11h36

    Jamais faria isso com uma Chanel!! Imagina, correr o risco daquela colinha do adesivo ficar grudadinha na bolsa depois?!?! Afff. Bom, se eu fosse MUITO ryca e não desse valor ao dinheiro aí poderia até correr esse risco, caso contrário na na ni na não. rsrs
    bjss da Lu ;*
    http://www.f-utilidadesdalu.blogspot.com

    Responder
  5. Thalita - 23/01/12 - 11h55

    Que criiiiiiimeeeee!!!!

    Responder
  6. Gabi - 23/01/12 - 12h17

    CORAGEM! Ou muita$ coragen$??? Eu não tenho nenhum dos dois… :/
    hahahaha… Beijosss G.

    Responder
  7. nadiah leal - 23/01/12 - 14h47

    achei legal, mostra que tem personalidade e muito $$! rsrsrsr
    Acho tão boring td mundo uniformizado, não que eu tenha uma chanel, mas já deixou de ser exclusivo faz tempo, principalmente esse modelo.

    Responder
  8. nadiah leal - 23/01/12 - 14h49

    nossa The, esse batom Fause Haten tá maravilhoso! Bem editorial, bem chic! Usaria sim com ctza!

    Responder
  9. Mackeli Cypriani - 23/01/12 - 15h15

    Lembrou daqueles adesivos que vinha no chips para colar no celular HAHAHAHA

    Responder
  10. Cintia - 23/01/12 - 15h25

    Tem louco pra tudo nesse mundo!
    Eu não teria coragem de fazer isso com uma bolsa que custa mais de 3 mil reais, pelo amor.
    Esses adesivos deixam marcas de cola…
    Enfim excentricidades de gente rica!

    Responder
  11. Amanda Passos - 23/01/12 - 15h38

    Até curto isso de customizar bolsas e bla bla bla, mas sério que alguém pagou outra pessoa pra colar esses adesivinhos na sua bolsa?

    Gosto é gosto, eu n questiono se tá bonito ou não (NAAAAAÃO), mas gente, tem que tá com grana sobrando pra MANDAR fazerem isso, hehe.

    Responder
  12. Elisa Bax - 23/01/12 - 16h28

    Eike loucuuuuura!!!
    Não curti a vibe dos adesivos não…ficou meio Harajuku demais pra mim…
    mas vou confessar que já vi uma Chanel grafitada(lembro de um evento na Colette de Paris…um artista estava grafitando as Chanelas das rycas que quisessem…) e curti! ahahha

    xxx,

    Elisa Bax .

    http://www.3chics.com

    Responder
  13. Hellen Katherine Martins dos Santos - 23/01/12 - 16h52

    Adesivinho em qualquer bolsa ficaria horrível, gente!

    Horrorooooso oO

    Responder
  14. Biessa - 23/01/12 - 16h59

    Ixi, curti não. Achei muito infantil.

    Responder
  15. Luiza - 23/01/12 - 17h10

    Este post deveria ser chamado “como estragar sua Chanel em um passo”. (:

    Responder
  16. Tiemi - 23/01/12 - 17h19

    Não é questão de coragem, é questão de bom gosto.

    Responder
    • Bruna - 04/02/12 - 14h36

      Concordo. Tem gente que quer tanto pagar de cool que perde a noção.

      Customizar é legal pra mostrar sua personalidade, mas se sua personalidade for de retardada mental, melhor esconder.

  17. Bia - 23/01/12 - 18h12

    Dinheiro não compra bom gosto e estilo! Excentricidade e cafonice NÃO caminham lado a lado MESMO!

    Responder
  18. franceli - 23/01/12 - 18h27

    não importa que seja uma Channel,mas quem consegue usar uma bolsa com cara de travessura de criança?

    Responder
    • Thereza - 23/01/12 - 18h35

      acho que uma mae conseguiria hehehe
      e é bem capaz – eu nao perguntei – que ela tem filha novinha e toda menina acha isso fofo, sabe ;))

  19. Lígia - 23/01/12 - 19h56

    vish, apareceu na tia shame!

    Responder
    • Thereza - 23/01/12 - 20h04

      vish!
      povo tb não entende que eu não endossei, que eu não critiquei, que não elogiei, apenas comentei uma coisa bem inusitada.
      Achei ousada a idéia dela e ponto. Ai povo tem que ser menos cricri e mais ‘compreendedor’ de textos ou ao menos um parágrafo que for.

    • Bia - 23/01/12 - 20h39

      Thereza, vc vai me desculpar mas você escreveu exatamente o oposto no post… “Chanel – cartelinha de adesivo R$1 edition! Achei sensacional! E não é aquela colagem aleatória artística, cada adesivo está milimetricamente centralizado em cada losango da bolsa mais famosa do mundo! What would Gabrielle think?” palavras suas!! Pra reforçar… S-E-N-S-A-C-I-O-N-A-L … ou foi outra pessoa quem escreveu o post?
      Eu acho que todo mundo sabe o significado da palavra sensacional, sendo assim a interpretação foi feita de forma correta.
      Se ser “cricri” é ter uma opinião contrária a sua, e de quem customizou, então sou, alguns são cricri sim!
      E não é pq pensamos diferentes de você e, de quem gostou dessa “customização” barata e bizarra, que não possuímos compreensão!
      As pessoas são diferentes e fim! Não há o q argumentar…
      Você nos permite emitir opiniões, mas estas não significam que são iguais as suas, que todos tem que dizer amém!

    • Thereza - 23/01/12 - 21h08

      Bia, achei sensacional a idéia sim, mas, principalmente, a eventual “subversão” de um clássico. Hoje em dia as pessoas vivem numa zona de conforto tão grande, que quando alguém cola uma cartelinha de adesivo de R$1 já causa uma “comoção”.
      Usaria? Não.
      Customizaria? Também não.
      Mas não pude deixar de observar e postar, ponto, nada demais. O que acho cricri é quem leva muito a sério coisas banais e sai julgando, mas não o fato de emitir opinião.
      Se é rica exótica, mulher pertubada, o que for, é apenas uma bolsa, um adesivo, um post. Não dá pra levar muito a sério.

      Já parou pra pensar no outro lado da moeda? Vai que a filha dela de 5 anos colou o adesivo na brincadeira, ela achou graça e colou em tudo pra agradar a filha. Não tenho filho ainda, mas né, acho que mãe faz tudo pelos seus. Ou vai até que ela não aguenta mais a bolsa “careta” e resolveu ser diferente. Sei lá, várias hipóteses, entre elas da bolsa ser feia e fim, próximo.

      Quanto à emissão de opinião, o blog sempre foi livre, nunca coibi nada, pelo contrário, sempre achei um lugar democrático e acredito que as leitoras também, já que nunca recebi reclamações sobre. Respeito as opiniões que rolam aqui, mas também não posso deixar de manter a minha, espero que entenda. Desculpe se fui mal interpretada por você, mas não achei nada demais como um todo, sabe?
      Se eu fiz um post às 4 da manhã e foi parar em blog que gonga, responsabilidade minha, mas também é responsabilidade das pessoas compreenderem o que escrevo, terem predisposição contra blogueira x e principalmente não levar nada muito a sério, daí as coisas até seriam mais fáceis, viu.

      Agora só lamento a foto da minha fotógrafa ter parado por lá e mais, a foto da bolsa de uma mulher que nem deve saber do que se trata blog, até um belo dia que a bolsa dela apareceu no “google imagens”, mas enfim, faz parte.
      Bjs!

    • Lígia - 23/01/12 - 22h01

      não gosto muito do tom da tia shame também, não…

    • Bruna - 04/02/12 - 14h43

      Se tivesse sido a filha dela que colou e ela tivesse achado graça e saído com a bolsa assim, até seria legal. Mas o caso é que os adesivos foram milimetricamente colados por uma estilista!!!

      Ó, nada contra vc ou contra o blog, mas fica mais feio tentar consertar e dizerb que vc nõa disse o que disse do que admitir que o post não foi uma boa ideia. Ou então assuma de uma vez que você gostou da bolsa e que ninguém tem nada com isso e ponto (eu achei horrível, mas você tem todo direito de ter gostado).

  20. Dani Boyd - 23/01/12 - 20h49

    Não gostei. Achei infantil, nada excentrico e bem brega.

    Responder
  21. Tati Moraes - 23/01/12 - 22h02

    Isso não se faz nem com uma bolsa da Renner!! Pode ter sido feito pela stylist (???) X, Y ou Z, mas ficou horroroso e ponto.

    Responder
    • Thereza - 23/01/12 - 22h03

      isso, ponto! Mas pelo que eu entendi a stylist era amiga dela e ela não contratou pra isso..
      bjss

  22. Miss Chanel - 23/01/12 - 22h14

    Acabaste de assassinar a tua carteira…Vives em que mundo? Colar porcarias numa Chanel??? Tás louca? Por aqui se vê que as pessoas não dão valor ao que têm… Aqui na Europa temos muito respeito pelo trabalho dos grandes criadores, não se vê ninguém a colar essas coisas nojentas de crianças de 4 anos nas suas L.V, Chanel, YSL, MK,etc. Elas custam o dinheiro que custam porque já obras de arte, são perfeitas.
    Queres um conselho? Cola uma etiqueta na tua carteira a dizer: ”Procuro novo dono”.
    Ah e pede para o criador dessa estupidez te devolver o dinheiro!

    Responder
    • Thereza - 23/01/12 - 22h17

      ué, mas eu não gastei um centavo com isso hehehe ;)

  23. Miss Chanel - 23/01/12 - 22h39

    Ainda bem pra ti! Porcaria por porcaria pelo menos foi de graça… De graça ou pago prima pelo verdadeiro mau gosto.
    Até te consigo imaginar a entrar no Museu do Louvre para fazeres uns bigodes à Mona Lisa… Pelo amor da santa… Existem pessoas que criam outras que estragam.

    Responder
    • Thereza - 23/01/12 - 22h43

      Mas ela tb não é minha ;)
      E como arquiteta, de fato acho um acinte bagunçarem com Mona, mas tb acho um pouco diferente desse caso hehe
      A Monalisa é praticamente um “monumento” de visitação, já a bolsa é dela.
      Mas como escrevi no post “o que Chanel pensaria disso” ainda bem que ela se foi neam?

  24. Eliete - 23/01/12 - 23h43

    Ahh, eu achei legal…como disse a autora do blog, adoro a ideia de desconstruçao do clássico…aff, é só uma bolsa (tdo bem, cara, mas é uma bolsa) e nao um monumento…achei divertido, moda e diversao combinam…e isso é só um pto de vista…

    Responder
  25. Bia - 24/01/12 - 00h10

    Thereza, eu concordo com você em partes. Eu também acho que a vida pode e deve ser mais leve. Maaaaas, a “comoção” não foi por ela ter colado adesivos de uma cartela de $1,00 em uma bolsa seja esta a marca que for. Eu credito esse burburinho a importância que foi dada: ser publicado (lê-se ibope) em um site sobre moda, sendo que o que há na “criação”, é tudo, menos moda. Mas essa é minha opinião.
    Você tem a sua e eu respeito. Só decidi comentar a sua resposta pq no post você disse uma coisa e em resposta a alguém você disse outra… só isso!
    Todos estamos sujeitos a críticas, faz parte como você mesma disse. Aos que tem uma opinião parecida com a minha foi apenas um post infeliz.
    Eu tenho certeza que algo chamou sua atenção na peça, caso contrário não a teria publicado. Alguns curtiram, outros não. Normal.
    Só tenho mais uma observação a fazer antes de finalizar. Você disse: “achei sensacional a idéia sim, mas, principalmente, a eventual “… subversão” de um clássico…” Acredito que você tenha se enganado ao utilizar a palavra subversão, pois significado desta faz referência ao negativo. Não seria uma releitura do/ de um clássico?!?
    Beijos

    Responder
    • Thereza - 24/01/12 - 00h29

      Bia, na realidade, eu ia originalmente linkar esse post com outro que fiz na última spfw, mas na correria da madrugada acabei esquecendo de mencionar e contextualizar o post.
      Coloquei a bolsa da Ju Ali que era uma LV customizada por ela mesma.
      http://www.fashionismo.com.br/2011/06/18485/
      Mencionei que achei interessante, não teria coragem, mas admiro quem tem. E nesse caso é a mesma coisa, daí o post.
      Quanto a ser desnecessário ou não, o que importa agora é que foi reflexivo de alguma forma e esse papo pra mim vale mais que qualquer adesivo no matelassê.
      E na semana de moda, acabamos postando mais que o habitual, coisas mais ou menos relevantes (pra uns ou outros), mais ou menos pontuais, mas acho importante sempre atualizar o blog com notícias, sejam elas quais forem, pode ser ruim pra você, mas bacana pra outra pessoa e vice-versa. Da Chanel estilizada ao Chuck paraguaio, é tipo uma semana de posts múltiplos, em contrapartida, durante todas as outras semanas do ano, o blog tem posts constantes e mais completos (se reparar, todo post meu tem mais de uma foto ou montagem, diferente desse).

      Quanto a ser releitura ou subversivo, não sei, acho que o termo se aplica à uma insubordinação aos meios habituais da moda, uma “revolta”.
      Acho que uma releitura interessante – e original – foi feita pela própria marca nesse modelo aqui
      http://cdn.purseblog.com/images/chanel_charm_255_handbag_spring_2007.jpg
      Poderia fazer um post com dezenas de ‘Chanéis’ customizadas, sejam toscas ou artesanais, tem várias espalhadas por aí, mas acho que a “polêmica” só rolou porque foi parar por lá, acontece hehe
      http://news.80spurple.com/wp-content/uploads/2011/03/Chanel-x-colette-Pop-Up-Opening-with-Kevin-Lyons-11.jpg
      Agora olha que fofo, nunca faria nem com uma bolsa de 3 dígitos da Zara, mas posso achar fofo e você tosco, enfim.

      Agora nunca ressaltei a “criação”, mas sim a coragem dela, só isso :)
      bjs!

  26. Laura - 24/01/12 - 00h38

    Nossa, que falta de humor das pessoas. É só uma bolsa, mais nada. E cara ou não, o mundo está cheio delas.

    Responder
    • Thereza - 24/01/12 - 00h43

      bem lembrado: humor! ;)

  27. Alê - 24/01/12 - 01h44

    Eu fiquei com peninha da bolsa, imaginando os adesivos começando a soltar e a cola melequentinha grudada rsrs
    Mas o povo faz um drama por tudo agora, que chatice! Gente mal humorada, cruzes!

    Responder
  28. Silvia - 24/01/12 - 01h53

    Muita discussão por conta de uma rebeldia de uma perua que não sabe o que fazer para chamar a atenção. Acho legal de renovar o clássico, dar uma cara nova a peça como fez a Juliana Ali na bolsa LV no post que você mencionou ou na ideia da Chanel grafitada, mas encher a bolsa com adesivinhos infantiloides dos camelôs não dá né. Opiniões diversas aqui!!! bjj ;)

    Responder
  29. Lívia - 24/01/12 - 09h23

    Eu nunca faria isso se tivesse uma bolsa dessa.
    Mas cada um tem a sua opinião, e gosto não se discute né! Que auê ne!
    A partir do momento que eu entro em vários blogs, sei que posso encontrar coisas que vou amar ou odiar. Enfim..cada um c a sua opiniao!
    beijos thereza!

    Responder
  30. fAbI - 24/01/12 - 11h25

    Acho que o blog da Shame nasceu pq existem realmente blogueiras que merecem ser gongadas, mas o f* é que as vezes não tem material suficiente aí inventa de gongar um post sem tanta relevância e acaba atraindo tanta gente mal educada. Realmente não curti a customização, mas concordo plenamente com a Laura sobre a falta de humor, simples assim. The, eu não curto o f*hits, mas respeito muito o seu trabalho. bjO.

    Responder
    • Thereza - 24/01/12 - 11h47

      Oi Fabi, muito obrigada pelo comentário ;)
      Super entendo que as pessoas possam ter alguma restriçâo com o fhits e tento agir com a maior clareza e lisura possivel, tb sempre tento refletir e manter a essência original do blog e espero estar conseguindo ;)
      quanto ao post acho que faz parte, sei que tenho muitas leitoras que nao gostam de gossip girl, mas continuam leitoras do blog mesmo com a enxurrada de posts heheh mas assim como um jornal ou revista, tem materia que é mais ou menos interessante, acho que faz parte e tá na chuva é pra se molhar, mas o humor de fato é sempre fundamental já que mais que blog de moda é blog de entretenimento, só isso ;))

      bjsss

  31. Rita - 25/01/12 - 00h18

    The, estou de boca aberta com tanta IGNORÂNCIA! Causar tanto auê por causa de um post que expressa a opinião da DONA do site? Aff…… Tem gente que quer (precisa!) aparecer e não sabe como, então entra na vida de pessoas de bem para tentar alfinetar e ver se consegue “causar”. Educação é uma coisa que vem de berço, e quando falo “berço”, não quero dizer “berço de ouro”, “riqueza”, “ostentação” e sim da “origem” da pessoa, de suas raízes. E isso nada tem a ver com dinheiro! E essa “miss” alguma coisa aí de cima, de miss não tem nada. Aliás, tem muito o que aprender em relação à respeito ao próximo (princípio básico de qualquer mulher educada).

    Responder
  32. Sara - 04/02/12 - 12h13

    No meio de tanta coisa igual, de tanta falta de criatividade quando surge uma pitada de ousadia todos apedrejam. Acho que esse tempo de ditar regras, ser fashion como as revistas dizem que se deve ser, vestir isso ou aquilo porque agora ‘tem que usar assim’ já passou. A mulher moderna busca qualidade mas tb quer exclusividade. Foi o tempo em que uma bolsa Chanel era inacessível, que uma LV era uma LV, hoje no meio de tanta falsificação, de tanta cópia, quem pode e quer ter uma bolsa dessa, ainda quer ter o ar de ‘exclusividade’; e a customização, está aí para isso (!) para caracterizar da maneira que a cliente quer. A própria Chanel, já fez isso em uma loja em Tokyo e foi um sucesso! Parabéns, Thereza, pelo seu trabalho.

    Responder
  33. Bruna - 04/02/12 - 14h29

    Aff… Quantos anos ela tem?

    Além de ter ficado feio pacas, ela pediu pra uma estilista fazer isso? Só espero que ela não tenha pagado…

    Responder
  34. Mayra - 09/05/12 - 13h37

    Thereza, eu leio o seu blog todos os dias e acho que tinha visto esse post antes, mas ele foi tão irrelevante pra mim que passei batido até pelos comentários (que eu leio sempre, acho que sempre complementam o post), achei crime o que fizeram na Chanel, por isso pulei pro próximo post. Hoje vendo o blog da Shame vi nos comentários o link para o post da Shame referente ao seu, fiquei curiosa e resolvi ler os comentários do post de lá e dos daqui também.
    Fiquei chocada como um post tão bobinho (no sentido que é meio fora dos que você costuma fazer) deu tanto pano para a manga.
    Na minha opinião, não gostou, passa pro próximo post! Sem drama, nem polêmica!

    Responder
  35. ELVER SAVIETTO - 24/05/12 - 21h48

    Tereza, que comentário infeliz, dizer que colagem artística é aleatória. Artistas, nem querendo, fazem arte aleatória, muito menos os que trabalham com colagens. Você que é admiradora da cultura pop, de uma olhada nas colagens dos anos 60 e 70, e verá que de aleatório não tem nada. Arte não para jovens que só pensam em vestir-se e maquiar o rosto para parecer fashion, é bem mais complexa que escolher a cor do batom que irá combinar com a roupa que estará usando.
    Abraços, e espero que você respeite mais as técnicas artísticas.

    Responder
    • Thereza - 25/05/12 - 03h18

      Oi Elver, desculpe se deixei transparecer algo errado, mas a idéia foi de longe essa.
      Quando disse “colagem aleatória”, foi relacionando-a de maneira involuntária e casual só isso hehe nada demais.
      Na realidade foi tudo uma brincadeira, que quem estava ao vivo viu que a intenção da dona foi APENAS essa.
      bjs

  36. Mariely - 02/07/12 - 22h02

    Que ideia legal hein, e o melhor, baratinha!! :)

    Responder
  37. Salão Virtual - 25/01/16 - 14h16

    Show de bola! :heart:

    Responder