AS MAIS
LIDAS!

Ronda da Semana #12

27/05/2016  •  Por Thereza  •  Celebridades, Moda, Pense, RDS

Semana de feriado e nossa Ronda é especial e vai se transformando, de papo leve, info de moda a um assunto sério, ok? Gosto da RDS justamente por poder abordar todos os tipos de assunto, afinal, nosso universo é enorme.

SUSHI COUNTRY Vocês sabem que eu tenho um crush no Blake Shelton de The Voice (e não é pelo motivo que muitas falam rsrs), mas por favor, assistam esse vídeo dele com o apresentador Jimmy Fallon.

O cantor, que tem toda a vibe country interiorana, foi a um japonês pela primeira vez e o resultado é hilário (não mais que o publi no final rsrs). Gwen, mulher de sorte rsrs!

rds kenzo

H&M + KENZO Ano passado o fervo promovido pela H&M foi com Balmain e uma parceria mais que desejada, agora seguimos na França e dessa vez o feat é com a Kenzo!

A marca super cool e que nos últimos anos recuperou seu fôlego e hype com os casacos de moletom, agora firma parceria com a rede sueca. O lançamento da coleção será em novembro e podemos esperar um streetwear modernete, releituras de animal print e moletons especiais, claro! Se animou?

rds divorcio

DIVÓRCIO DO ANO 2016 nem na metade e já temos o divórcio mais chocante e polêmico, o de Johnny Depp e Amber Heard. Depois de 15 meses de matrimônio, veio a notícia do fim.

No início da semana, Amber entrou com o pedido de divórcio alegando “diferenças irreconciliáveis”, junto a isso, a atriz pediu uma pensão de apoio, pois disse que teve sua vida transformada depois do casamento.

Eis que depois de muita especulação bizarras, muitas delas envolvendo o valor da fortuna de Depp, algo em torno de U$ 1.4 bilhões, e até mesmo questionamentos da Amber ter entrado com esse pedido na mesma semana que o ator perdeu sua mãe, acabou de vir a resposta.

Nessa tarde, o motivo: violência doméstica. Olha, o ídolo, o herói de muitos (eu adorava ele), batia em sua mulher. No final de semana, Amber relatou a agressão, informou à polícia, foi à corte, tem fotos e vídeos do momento e ainda disse que isso era algo comum. :(

Desde então, a atriz entrou com um pedido à justiça para que ele se mantenha afastado dela por questões de segurança. Enquanto do lado do ator, seus advogados negam todas as acusações. Tô chocada e bem triste por ela.

rds seja quem vc quiser caceta

SEJA QUEM VOCÊ QUISER Ano passado rolou por aí uma “meme” exaltando Lady Di e diminuindo as Kardashians, klaro. Uma comparação bem infeliz, afinal, num mundo cheio de Kardashian, SEJA QUEM VOCÊ QUISER, assim, gritando mesmo.

Logo depois, surgiu uma meme-resposta bem interessante mostrando o certo, algo como “seja o tipo de mulher que você quiser e pare de espalhar a misoginia insultando uma mulher, afim de elogiar outra. Comemore todas as mulheres em toda a sua gloriosa variedade! ” ponto final.

rds be

Tempos depois, a referência era outra, sai Lady Di, entra Helena Boham Carter. O lado triste é que a tal nova meme foi compartilhada por pessoas muito legais como Anne Hathaway e Monica Iozzi. Enquanto a primeira apagou, pediu desculpas e falou que não percebeu o tom, a segunda editou seu post e justificou (o injustificável).

Num momento que o feminismo tem ganhado mais força e se tornado assunto do dia a dia, por um lado é triste ver mulheres reproduzindo essa fala, mas também é bacana ver que cada vez mais as pessoas estão se conscientizando e se tornando quem elas quiserem.

rds c

#NAOACULTURADOESTUPRO O feriado chegou com uma notícia avassaladora que tomou nossos corações de tristeza, que logo foi transformada em força pra lutar por algo importante. Uma menina carioca de 17 anos foi estuprada por 33 homens. Não preciso falar mais nada, essa frase mostra a barbaridade do caso e como estamos vivendo numa sociedade cruel e que o estupro precisa ser falado e combatido.

Os 30 caras não eram doentes, não eram loucos, eram homens normais que com certeza já cruzamos na rua, já trabalhamos com ele, já entramos no mesmo elevador. Existem milhares desses por aí e é preciso fazer barulho, gritar, lutar e, acima de tudo, apoiarmos umas às outras.

Nesses dias, vi um apoio sem precedentes à menina vítima dessa barbárie e, mesmo que ainda é possível ler comentários absurdos (que nem irei reproduzir aqui), é importante ver a força cada vez maior do feminismo, da mais militante à que está aprendendo agora, é preciso falar sobre tudo isso. O Buzzfeed fez um compilado interessante sobre tudo que rolou a respeito, não deixem de ver!

Por fim, esse video resume um pouco a história e está em inglês pois o mundo precisa saber disso, até mesmo em tempos de Olimpíadas. Enquanto nossa imprensa não dá a devida importância ao caso, a gente faz barulho e busca ser ouvido. Ao menos essa semana tem dado certo, não vamos nos calar, muito menos esquecer o ocorrido.

Bom final de semana :)




Deixe seu comentário!
*Preenchimento obrigatório (seu email não será divulgado).
Quer que a sua foto apareça no comentário? Clique aqui e cadastre-se!

31 Comentários
  1. Samara - 27/05/16 - 15h28

    The,

    Gostaria de deixar aqui meu elogio sobre usar este espaço para abordar o tema de estupro. Amo o blog e moda, mas se da importância de abordamos este assunto em todo espaço que tivermos disponível. Muitas pessoas podem questionar que só falar/escrever sobre o tema não fará nenhuma diferença. Fará sim! Palavras mudam as pessoas. Eu mudei muito desde que comecei a acompanhar páginas feministas e empoderadas.

    Vamos falar sobre este assunto até que não seja mais necessário.

    Um grande beijo no coração.

    Responder
  2. Bruna - 27/05/16 - 15h32

    The, é por essas e outras que você é a melhor blogueira! Dá até borboletas no estômago ler essas notinhas empoderadoras por aqui, fico tão feliz :purple_heart: Obrigada! :cherry_blossom: :cherry_blossom: :cherry_blossom: :cherry_blossom:

    Responder
  3. Mayara Cordeiro - 27/05/16 - 15h34

    Arrasou The :clap: :clap: :clap: :clap: :clap: Tinha certeza de que você não deixaria de se posicionar, depois dessa semana tão emblemática para todas nós. Que tenhamos força e continuemos unidas pelo fim do machismo e da cultura do estupro . Ps. Esse vídeo do Blake alegrou meu dia :heart: :heart: :heart:

    Responder
  4. Rosana Maia - 27/05/16 - 15h39

    vc me mata de orgulho, mulher! <3 <3 <3

    Responder
  5. Camilla - 27/05/16 - 15h40

    Sua linda!

    Responder
  6. Tassia B. Sita - 27/05/16 - 15h40

    Obrigada por esse post, The. Quanto mais a gente falar, mais a cultura vai mudando, e um dia acredito que conseguiremos combater a cultura do estupro.
    Sejamos quem quisermos! <3

    Responder
  7. Mahyna - 27/05/16 - 15h46

    The, muito feliz (não é a melhor palavra pra definir o momento mas acho que vc vai entender) de acompanhar o fashionismo e ver que ele se tornou mais um espaço pra gente ler/entender/divulgar o feminismo. Muito orgulho de você e do melhor grupo, obrigada :facepunch: :purple_heart:

    Responder
  8. Luísa - 27/05/16 - 15h53

    Oi The, que bom que vc levantou este infeliz tema aqui! Justamente por isso continuo entrando diariamente no seu blog! Vc traz moda, kardashians, mas traz conteúdo! Parabéns!

    Responder
  9. Bruna Bueno - 27/05/16 - 15h58

    The, acho muito legal vc estar falando sobre feminismo. Eu sempre gostei do seu blog, agora está ainda mais maravilhoso. :purple_heart:

    Responder
  10. Vitória - 27/05/16 - 16h13

    Meninas, alguém sabe onde encontro esse vídeo do Blake legendado?

    Responder
  11. Caroline Santos - 27/05/16 - 16h17

    The, sou uma leitora do Fashionismo há uns 4 anos e faço parte do #melhorgrupo.
    É por posts como esse e posicionamento como esse que sou uma leitora fiel do seu blog. Você nos intera no mundo da moda, mas também mostra o quão importante é empoderar a mulher e ter mais empatia com a outra. Obrigada The, por fazer do Fashionismo mais do que um blog de moda.
    Ps.: AMO seus posts sobre as Kardashians, rs.

    Beijo!

    Responder
  12. MARIANA MARQUES DANTAS - 27/05/16 - 16h26

    Arrasou The!! Cada dia mais fã da blogueira, do blog, do Melhor Grupo! Tenho esperança que as próximas gerações serão mais felizes que a nossa, pois terão mães, avós, tias, incríveis, com a cabeças muito boa!!

    Responder
  13. Laura - 27/05/16 - 16h33

    Depois de todo esse absurdo, inaceitável e injustificável estupro…eis que vem Blake para trazer uma brisa para esse dia pesadíssimo!
    Bj., e obrigada pelo frescor!

    Responder
  14. Laura - 27/05/16 - 16h34

    Ah….triste, muito triste com o pirata!

    Responder
  15. ludmila - 27/05/16 - 17h09

    Parabéns pelo post, The! Sempre arrasando com o conteúdo!
    Tenho tantos comentários a fazer, amei a resposta ao meme anti-Kardashian, achei muito apropriada, estou chocada e revoltada com a notícia do casal e muito mais revoltada ainda com esse crime chocante no Rio. Tomara que isso dê muito pano para manga e todos os agressores sejam punidos.
    Para finalizar, também criei um crush pelo Blake, pena que ele não gosta de comida japonesa!

    Responder
  16. Alanna - 27/05/16 - 17h19

    The,
    Eu sigo o blog a anos e nunca comentei, mas preciso dizer que foi maravilhosos você tocar no tema aqui, por isso que eu admiro muito esse blog e tenho como meu favorito! A gente sente nos teus comentários como você é uma pessoa muito linda!

    Responder
  17. Márcia Rodrigues - 27/05/16 - 17h42

    Vamos nos unir, vamos gritar, vamos fazer barulho! Obrigado por esse post e por falar sobre! Não a cultura do estupro!

    Responder
  18. Fabine - 27/05/16 - 18h07

    Acompanho o blog desde que eu tinha 14 anos. Passou oitava série, passou ensino médio, passou a primeira faculdade (que eu deixei pela metade) e agora chegou meu curso novo. 6 anos lendo seu conteúdo. Muito orgulho de você, Thereza, e de ter crescido aqui onde não só a moda não é uma obrigação como também tem espaço pra crescer na vida, pra ser feminista e pra nos unirmos e nos empoderarmos. :heart: :heart: :heart:

    Responder
  19. Renata - 27/05/16 - 20h54

    The, sinto muito orgulho de ser sua leitora. E não acho legal o meme sobre as Kardashians, ainda que as considere figuras deploráveis. Não precisamos falar de uma mulher para exaltar outra. Bjs

    Responder
  20. Evy - 27/05/16 - 22h16

    Thê te acho maravilhosa!! Só tenho que te agradecer por ter me apresentado o Fashionismo :heart:

    Responder
  21. lia - 27/05/16 - 23h22

    Nunca vou entender como uma mulher aceita apanhar de homem quando tem outra opção. Deus que me livre, mas se acontecesse comigo era só uma vez, separava, denunciava e contava pra quem quisesse e pra quem não quisesse ouvir. Como diz a jout jout “vamos fazer um escândalo”!

    Responder
  22. Larissa Fernandes - 28/05/16 - 02h51

    Thê, obrigada por falar sobre isso!

    Responder
  23. Carla - 28/05/16 - 14h11

    The, vc é demais! Só não entendo sua defesa cega das Kardashians.
    Enfim, vou ser quem eu quiser inclusive bem diferente delas. ;)
    Nenhuma mulher está livre de violência, rica ou não, infelizmente.

    Responder
    • Thereza - 28/05/16 - 14h41

      Você pode até querer ser diferente delas, não há problema algum, mas o x da questão é desmerecer qualquer mulher pra exaltar outra, entende? Isso não é legal.

    • Vanessa Rodrigues - 29/05/16 - 16h23

      Sinceramente, também não vi nenhum problema naquele meme, apesar de não achar que a mulher tem que ser necessariamente uma “Diana”, logo, concordo que você deve ser quem quer ser. Na minha opinião, as Kardashians representam o retrato da futilidade que é esse mundo de hoje e são completamente irrelevantes, por isso a crítica do meme, na minha visão, é pertinente.

    • Denise - 31/05/16 - 16h40

      Oi, meninas! Como disse a Thê, todas têm o direito de não gostarem das Kardashians e as acharem fúteis (até porque elas não escondem isso de ninguém). Mas o cerne está na questão: qual o problema em ser fútil? Existem um abismo gigante entre você não querer ser algo ou ter um padrão de comportamento e desmerecer ou desvalorizar quem é diferente… Esse é o problema.
      AMEI o post, Thê! Maravilhosa :heart:

  24. Maira Luna - 28/05/16 - 16h37

    The

    Sou seguidora do Fashionismo a algum tempo e nunca comentei. Mas preciso deixar registrado aqui o quanto é necessario uma influenciadora como vc tratando de assuntos tao necessarios e mostrando a importancia do feminismo e da sororidade. Parabens pelo posicionamento e pelo blog incrivel <3

    Responder
  25. Flávia - 29/05/16 - 12h00

    Thê, sou sua fã hoje e sempre, exatamente por fugir do senso comum e se demonstrar engajada nas causas sociais. Porém, acho que você (e boa parte da mídia) deveriam ter cautela ao tratar do caso do Depp. É muito perigoso disseminar o que foi relatado como uma certeza… Não vi na internet nenhuma prova incontestável, como um vídeo, o qual, se existir, estará num processo em segredo de justiça. Caso haja sentença contra ele, aí sim, acho que poderemos e deveremos tratá-lo como um agressor não digno da nossa admiração como artista. Mas, até lá, é melhor aguardar… Infelizmente, existem pessoas que fazem acusações que depois se revelam mentirosas (onde eu moro há um ótimo exemplo) e o acusado, depois de comprovadamente inocente, não consegue mais retomar sua vida e sua reputação.

    Responder
  26. Fernanda - 30/05/16 - 08h59

    Achei muito legal usares teu espaço para tratar de assuntos tão relevantes como a violência contra a mulher e a conscientização da sociedade sobre isso. Fiquei dois dias mal, após saber que uma menina de 16/17 anos passou por aquilo, imagino ela, ou melhor, nem imagino. Acho que está faltando compaixão e empatia entre as pessoas, fico chocada com a relativização que estão fazendo, procurando achar uma justificativa para o que ocorreu em condutas e em comportamentos dela, expondo ainda mais quem foi vítima nessa situação.

    Responder
  27. Carolina - 31/05/16 - 18h08

    Thereza, parabéns por ser uma bloqueira fashion que fala de feminismo e propõe discussões sobre a terrível cultura de estupro. Fiquei feliz por ler esses temas aqui!

    Responder
  28. Tatiana - 03/06/16 - 16h23

    Thereza, acho que nunca gostei tanto do seu blog – e de você – quanto hoje. Obrigada. Obrigada por não culpabilizar a vítima, obrigada por mostrar que o feminismo é importante, obrigada por acreditar na palavra das mulheres do mundo todo, obrigada por não silenciar, obrigada por não se omitir num momento tão importante. Esse Ronda da Semana se tornou histórico para mim, de verdade. Parabéns pelo posicionamento, ainda que, infelizmente, tenha sido em decorrência de notícias tão tristes :(

    Responder