Contour Kit da Anastasia

24/08/2017  •  Por Thereza  •  Compras, Maquiagem

Como era a vida de beauté antes do contorno?! Bom, essa técnica até então sem nome era comumente usada por profissionais da área, depois que caiu no gosto popular graças a você sabem quem (Kardashians! Kardashians!). 

Aqui no Fashionismo já contei minha experiência com 3 produto: o riquíssimo da Tom Ford, o classicão da Benefit e o baratex da Maybelline, agora chegou a hora de compartilhar o suprassumo dos kits de contorno, o Contour Kit da Anastasia!


Essa palettinha é favorita entre maquiadores, beauty gurus e a família toda de Calabasas e, finalmente, na última viagem que fiz, comprei uma pra chamar de minha!

O kit é muito bem recomendado por conta da sua variedade de tonalidades, o que ajuda a criar um contorno na medida, sem a mais ou a menos e o legal parece que você tá pintando um quadro, só que  um autorretrato.


O produto tem 3 opções de cores e eu tô ligeiramente desconfiada que comprei a errada pra mim risos nervosos (acho que eu ficaria melhor com a versão Light to Medium), mas eu te garanto uma coisa, vale cada centavo e no fechar-das-contas não é tão caro. O kit custa U$40 e com o tempo você pode comprar outras cores como refil.

O que é legal nele é que ele tem uma pigmentação na medida, não é muito exagerado a ponto de você errar no contorno, mas também não é leve a ponto de você ser ~enganada com as sombras. Ele tem um iluminador leve e cores claras que ajudam no “blend”. Também gosto que ele tem um acabamento 100% matte, o que facilita pra pessoas menos experts na área.

Se você gosta de um contorno, vale muito a pena ter esse kit. Infelizmente ainda não temos Anastasia aqui na Spehora (please, Sephorinha, traz!), mas acredito que o Contour Kit da Océane é uma boa versão tropicalizada!

E vocês tem algum produto de contour favorito?!

5 Segredos pros cílios postiços parecerem naturais

21/08/2017  •  Por Thereza  •  Maquiagem

Tem dois temas (ok, na realidade tem milhares) que eu jamais seria capaz de fazer um post de dicas aqui no Fashionismo. Um deles é como fazer uma mala de viagem (eu sou péssima nisso, eu preciso de ajuda #help) e outro é com dicas de cílios postiços.

ERA!

Eu vivi muito tempo achando que tinha cílios suficientemente longos e volumosos, sempre gostei de extra-rímel, mas nunca me vi necessitada por cílios postiços. Lembro até que na maquiagem do casamento nem queria colocar (fui rapidamente demovida da ideia), porque me dava aflição, eu via os cílios com olho aberto, sabe? Tipo uma marquise pesada.

Enfim, mudei, hoje em dia tenho até uma coleção razoável de cílios. Tudo começou no carnaval, eu peguei um tutorial pra aplicar e não é que acertei? Eu tenho tremor essencial nas mãos, ou seja, minha coordenação motora é menor que uma minhoca desgovernada na frigideira, mas eu venci, logo, viciei!

Pra vocês terem ideia da minha ignorância cilística, eu achava que todos os cílios eram descartáveis, rs, até um dia, na hora que fui comprar um na MAC e a vendedora me contou que não era rsrs (mas também não é pra usar pra sempre, tipo uns 8-10 usos).

Enfim estou aqui pra compartilhar 5 segredinhos que aprendi com esse novo momento postiço, vai que vocês tão ou querem entrar nessa!

 

LAVE OS CÍLIOS

Na minha ainda ignorância no assunto, achava que os cílios tinham validade e depois você jogava fora, mas eis que a Huda Kattan, expert no assunto, fez um vídeo ensinando como se lava e minha vida de beauté ganhou um novo sentido.

RÍMEL ANTES

Eu vi muitos vídeos de como aplicar (obrigada Camila, Bruna, Alice), a maioria dizia pra aplicar o rímel depois de aplicar os cílios, mas não, li uma matéria na Allure com a própria Huda e ela revelava que ao passar o rímel antes, os postiços se agrupavam melhor e não é que fez diferença? No final ainda passo uma camadinha extra e fica show.

COMECE DE LEVE

Quando a gente quer entrar no universo postiço, logo pensamos naqueles ousados, mas não, segundo experts, é melhor começar com calma pra se sentir confortável, vale busca um natural para você ir se familiarizando com a técnica.

Muita gente fala que é legal começar com os tufinhos individuais, mas comigo, honestamente, aquilo e nada é a mesma coisa, pouco vejo diferença. Lembro que a minha primeira interação – bem-sucedida – com o estilo foi uma dica da Olivia Palermo, que usou o adesivo da Revlon, ele é muito fácil de colocar. Atualmente aqui no Brasil já temos versões nacionais com a mesma proposta!

 

CÍLIOS EMBAIXO?

Essa eu ainda não tentei, mas eu fiquei tentada! Vi esse vídeo no Facebook e acho que faz sentido, ao aplicar os cílios na parte debaixo dos cílios, o aspecto fica mais natural e muito de impacto. Faz sentido.

CÍLIOS, QUALQUER UM?

Não! A medida que a febre aumenta, a variedade também. A própria Huda tem uma infinidade de modelos e é categórica ao escolher o seu, “encontrar os postiços certos pro seu tipo de olho é a parte mais importante! Cílios  adequados podem acentuar o que você mais ama no seu rosto e disfarçar o que você gostaria. Seja olhos mais fundos, espaço entre os olhos, aumentar ou diminuir, vale encontrar um cílio pro que você gostaria de fato!”.

 

Selecionei opções online pra quem gosta do tema. Lá fora comprei vários da Ardell (a Kim ama essa marca e vende em qualquer farmácia) e por aqui intercalo os da MAC com o da Kiss e sempre, sempre cola preta!

 

Teint Idole Ultra Wear, base sensação da Lancôme

07/08/2017  •  Por Thereza  •  Maquiagem

Ai como eu amo falar de base, é dos meus assuntos favoritos no quesito é maquiagem, pois uma boa base é meio caminho andado pra maquiagem sucesso. Outro dia postei sobre 2 queridinhas baratex que tenho amado e agora volto ao momento investimento, mas com um título de responsa.

As bases da Lancôme são certeiras no quesito qualidade, durabilidade e pele perfeita. Uso bases da marca há anos (talvez décadas) e fiquei muito feliz de conhecer em primeira mão sua nova Teint Idole Ultra Wear num evento aqui no Rio, com o maquiador oficial da label, Régis Sodré.

Na realidade a versã0 24h é um clássico que agora vem no novo nome Ultra Wear e junto a família ainda tem a versão Cushion. As bases de almofadinha são febre entre as orientais e Lancôme foi a primeira marca ocidental a desenvolver um produto de sucesso.

E na conversa com o Régis, ele começa com uma frase muito interessante, logo, adotei “maquiagem é alta costura, não é prét-à-porter”, ou seja, maquiagem é feita sob medida, precisa ser customizada, cada mulher tem um estilo, um tipo de pele, com isso, é preciso cuidado na hora de ser refém de alguma moda vigente.

E na conversa ele falou que a Teint Idole é a base da Lancôme mais vendida no mundo! A base, com novo nome, segue poderosa, com alta cobertura, sem craquelar e deixando aquele acabamento matte na medida.

E vamos falar de Cushion? Nunca tinha usado nada nesse estilo no dia a dia e já incorporei, pra mim ela parece um pouco mais leve, muito fácil de passar e esse estojo dourado rico? Dá até gosto de tirar da bolsa e dar um retoque rs.

Mas o que eu mais amei, e amei muito, da Cushion é que ela é FPS50! O quão maravilhoso é isso? Confesso que ainda não tenho 100% hábito de passar protetor antes da make (tenho usado um em pó), mas esse será o casamento perfeito pra necessidade e qualidade (e ainda um cheirinho efetivamente bom).

base-lancome

E o bom da Cushion, e essa foi uma mudança nessa nova fase, é que ela é refil, ou seja, a 2a compra vai ser mais barata e você garante o seu potinho dourado da riqueza. E, enquanto a tradicional tem uma textura um pouco mais densa, a versão cushion é um pouco mais fluida, e ainda com boa cobertura.

O que eu mais gosto das bases da Lancôme é que pra mim elas tem uma alta cobertura, mas sem parecer que você passou cimento na cara, além disso elas duram um dia inteiro e você fica com cara de pele de bonita, com viço e naturalidade, mas bem coberta.

A base já está à venda na Sephora e The Beauty Box, a Ultra Wear custa R$279 e a Cushion R$339, são 6 opções de cores, a minha cor é a 04, poderia ser a 03, mas eu gosto de uma corzinha extra!