Eurotrip final: Dica de dois restaurantes em Paris

30/12/2014  •  Por Thereza  •  Gastronomia, Viagem

eurotrip-paris

E 9 posts depois, cá estou com a saga final da minha #Eurotrip, onde vi uma forma de mesclar dicas de viagens, um roteiro diferenciado e minha visão bem pessoal de lugares incríveis pelos quais passamos durante 25 dias de agosto.

NÃO VIU TODA MINHA VIAGEM? CLICA AQUI QUE TEM MUITOS POSTS E FOTOS.

Pois bem, nem ia postar sobre Paris, pois já falei um tanto sobre a cidade aqui no blog, mas vou focar em duas experiências gastronômicas que tive. Nada de L’Avenue ou Ladurée, mas sim dois restaurantes relativamente conhecidos, onde um me decepcionei e outro me APAIXONEI.

 restaurante-em-paris

Vamos falar de amor? Vamos falar de Chez Julien. Quer um bistrô típico francês? Charmoso, badalado, sem muito turista brasileiro :]] e às margens do Rio Sena? Ah, e ainda serviu como cenário pra Gossip Girl!

Pois bem, o Chez Julien é tudo isso e mais um pouco. O restaurante é um achado! Quem lembra da cena de GG da Blair e Serena almoçando no ep 4×01? Então, a cena foi gravada no Louis Philippe, que fica do lado, mas no seriado elas destacam o Julien.

Já tinha ido no Louis, mas ele é meio “bagunçado”, tipo não tem aquele glamour e tal, daí dessa fui no Julien e UAU. Francês clássico (é do grupo Costes, mas menos ‘hypado’), mas sem aquela atmosfera ‘decadence’, sabe? Ele não é baratex, mas também não é nada exorbitante, entrada na faixa de €12, prato €28. A carta de vinhos é bem boa e variada e a comida? MUITO BOA. Comi um chateaubriand melhor da vida e a batata frita era a melhor da vida e o petit gateau? Melhor-da-vida.

Apesar de ser exagerada, não estou exagerando, sabe quando você entra no restaurante sem pretensão alguma e se surpreende? Por lá foi assim, do atendimento à atmosfera (decor art noveau incrível), passando pela comida e bebida, tudo perfeito. Não deixem de ir que vocês vão lembrar de mim :)

 restaurante-chez-juliemnn

Por falar em pretensão… guardamos o último dia da nossa longa viagem para irmos ao famoso restaurante de Joel Robouchon. Ele tem inúmeros restaurantes super aclamados e de quebra foi considerado o chef do século e seu L’Atelier, no coração de St. Germain, era um local que sempre quis ir, mas acabava não rolando, mas dado o cenário de despedida e cientes que íamos gastar bem, fomos.

Apesar de sofisticado, o restaurante é até descolado, a maior parte de suas cadeiras são num bar e assistindo o trabalho dos chefs. Acho esse formato bacana e fiz questão de sentar lá (melhor que na mesa, mas sempre com reserva). O local era apertado e estava quente, mas ok, É O JOEL.

Por lá tem opção do menu harmonizado e do jantar livre, mas como eu sou ligeiramente fresca (tipo não como camarão e etc) ficamos com o cardápio normal. Pedimos 2 entradas e 2 pratos e cada era na faixa de €40-50 (na foto dá pra clicar e dar zoom no cardápio).

A carta de vinhos? Rodrigo quase chorou no cantinho, é MUITO cara. Tipo muito mais caro que nas lojas, então quem bebe sabe que muitas vezes é um sofrimento, mas ok.

A comida? Nada demais, simples assim. Achei que ia comer absurdamente bem, que ia degustar coisas surpreendentes. Sabia que não estava lá pra me fartar, sabia que a comida ia ser pouca, mas ao menos o que pedimos nada de fato nos surpreendeu.

Podia ser cansaço da viagem (esqueci de falar que na hora de pegar o taxi na Rue de Rivoli,  fui tipo atropelada por uma van, poisé), podia ser super expectativa, mas sabe quando você aguarda um jantar e na hora h… era só isso?

1restaurante-joel-robuchon

Já fui em muitos restaurantes melhores – inclusive em Paris (inclusive o Chez Julien) – e esse não me encantou, podia ser coisa do dia, mas não sei se voltaria de novo, não sei sei recomendaria pra amigos (aka vocês). Sem dúvida que Joel é incrível, quero ir em todo e qualquer restaurante dele em próximas viagens, mas esse L’Atelier não valeu o preço e não foi nada assim surpreendente, daí decepcionou.

Gente, os posts da #Eurotrip não acabaram, aguentaí! É que eu tô muito imbuída no propósito de aprender a fazer vídeos, e tenho superado minhas diferenças com o imovie, daí o que eu usei pra testar? As dezenas de vídeos que fiz durante a viagem! Ficou um vlog haha diferenciado que mistura dicas e imagens da viagem que tanto falei aqui nos últimos meses. Vou subí-lo aqui no blog dia 1! Super ansiosa pra saber se vão curtir! 

3 dicas de Paris

10/11/2013  •  Por Thereza  •  Publicidade, Viagem

Desde a viagem de outubro pra Paris que estou com algumas dicas da cidade e que chegou a hora de compartilhar :) Vocês lembram que a viagem foi pra acompanhar a Paris Fashion Week e todo o roteiro e parte técnica da viagem foi organizado pela Olive Tree Tours que é uma operadora de viagem que faz pacotes específicos, para grupos ou qualquer coisa de acordo com sua criatividade (ou falta dela rs). Agora meus destaques da última visita.

DICA RESTAURANTE PARIS MISS KO

Um dos restaurantes mais legais que fui em Paris é zero francês, mas dica imprescindível e o point da vez! Vocês sabem que eu adoro um restaurante com decoração bacana e super descolado, daí quando meu muso, o designer Philippe Starck, inventa mais uma moda na cidade (ele projetou vários outros restaurantes e hotéis por Paris), é lógico que entra no roteiro!
O Miss Ko é restaurante japonês, com cardápio caprichado e decoração absurda de linda. É tudo meio tecnológico (as mesas tem várias televisões), com uma pegada kitch, irreverente e a cara do estilo Starckiano. Daquele tipo de decor que enche os olhos! O Miss Ko não é dos mais caros (mas não é baratinho hihi) e fica na George V bem perto do Champs Elysees.

DICA PARIS ASSOULINE

Agora uma dica cultural e muito legal! A Assouline é uma editora super prestigiada e famosa por publicar livros de moda, cultura e viagem. Eles tem uma loja gracinha em St German (ali perto do Cafe de Flore) que pra quem gosta de um bom livro (ou com uma bela capa) PRECISA conhecer!
Sério, eu fiquei fascinada pela loja toda, livros que nunca vi na vida, preciosidades, clássicos e novidades, só não levei mais coisas porque minha mala estava no limite. Foi lá que comprei aquele livro mara do Elie Saab. Além desse endereço, ela tem outras espalhadas pela cidade e uma também em NY no Plaza Athenée, vale muito visitar!

BLVDD

Finalizando o post com uma dica etílica e fundamental pra quem vai à Paris e quer beber e/ou comprar um bom vinho! A Lavinia é a meca dos vinhos na cidade, a loja que fica próximo à Madeleine tem uns 4 andares, milhares de vinho e ainda restaurante e enomatics (aquela máquina onde você degusta por taça). Pra quem sempre leva vinho pro Brasil (toda viagem eu aceito esse tipo de encomenda né Sr. Rodrigo) vale a pena ir à loja e se for com o marido, deixa ele se divertir por lá e você vai pra Chanel da Cambon que é logo do lado!

Gostaram das minhas dicas?! Quem tiver alguma novidade sobre a cidade, compartilhaí! E quem quiser conhecer mais sobre a Olive Tree Tours, visite o site deles!

O desfile de despedida do Marc Jacobs na Louis Vuitton

02/10/2013  •  Por Thereza  •  Fashion Week, Moda

Depois de meses de especulação finalmente foi confirmada a saída de Marc Jacobs da Louis Vuitton depois de 16 longos anos de longos. Mas antes disso, é claro, um desfile pra encerrar o ciclo. Desfile não, fashion SHOW mesmo! Se geralmente Marc faz apresentações mirabolantes, dessa vez não poderia ser diferente, foi um desfile apoteótico!

Louis Vuitton: Runway - Paris Fashion Week Womenswear Spring/Summer 2014

E eu não estou falando isso pelos adereços da cabeça apresentados, o desfile pra começar contou com a reunião de seus principais cenários dos últimos anos, entre eles o carrossel, a fonte, elevadores, escada rolante e outros, sinal que aquele desfile entraria para a história e encerraria seu ciclo de maneira impressionante.

Louis Vuitton : Runway - Paris Fashion Week Womenswear  Spring/Summer 2014

Assim que chegamos, já ficamos impressionadas não só com o cenário, mas com a riqueza de cada detalhe, das recepcionistas (com roupas de ‘french maid’) com meia-calça LV  até o assento dos convidados, que tinha o grafite do Stephan Sprouse (aliás foi minha primeira ~it bag~, a clutch “pichadinha” lá em 2001 hehe). E eis que pontualmente começa o desfle e uma música que misturava suspense, tensão, mas também delicadeza (no final tem um mini vídeo que eu fiz #eikevideomaker) e que embalava as modelos e os 41 looks finais de uma geração.

1mk

E foram todos os looks pretos! Salvo um jeans, transparência ou outra tonalidade da cor, foi um desfile que de longe parecia verão, mas de perto comentava-se que eram looks de luto com a sua saída, que até então ainda não tinha sido oficializada. Ao final do desfile saiu a notícia que sua saída da marca era pra cuidar exclusivamente da sua!

As peças eram fortes e, segundo Marc, uma homenagem às mulheres que sempre serviram como sua inspiração , como Miuccia Prada e Coco Chanel. Mas também vimos muito do dna do próprio MJ e até referências do que vemos por aí nessa temporada, como por exemplo o jeans como carro-chefe do look.

Olhando assim, parece tudo muito complicado, mas além do conceito, podemos observar muitas ideias individuais bem interessantes. Também aposto que alguma celeb logo logo vai usar esse longo preto e por falar nelas, vi muitas por lá!

LV FRONT ROW

Impossível não começar com Sabrina Sato, toda gata num look camisola feelings da última coleção. Sabrina está aqui em Paris para um projeto secreto com a Glamour. Além dela, dei de cara com Elle e Dakota Fanning no backstage (tirei uma foto fofa no Instagram, me segue lá!), as duas bem fofinhas!

Quem também estava por lá era a Hailee Steinfeld que está no filme recém-lançado Romeu & Julieta (ela é a própria), e quem está no filme é nada mais nada menos que Chuck Bass (aka Ed Westwick), assistam. Miroslava bonequinha russa como sempre, Princesa Charlene com batom roxo e por fim Sofia Coppola e sua homenagem, a bolsa SC!

LV BAGS

E falando de bolsas, o que vimos? Sacos, buckets… o nome que for, esse tipo de bolsa veio como tudo e vai pegar! A Louis Vuitton tem sua Noe bag que virou a bolsa queridinha do último ano e nessa edição ela vem revisitada e com inúmeros acabamentos, sem dúvida que é um formato de bolsa – Seja LV ou seja F21 – que é charmosa e bem interessante, curti!

Pra finalizar o desfile emocionante e que certeza que vai ficar pra memória, alguns registros da passarela!

Louis Vuitton : Runway - Paris Fashion Week Womenswear  Spring/Summer 2014

Louis Vuitton : Runway - Paris Fashion Week Womenswear  Spring/Summer 2014

Louis Vuitton : Runway - Paris Fashion Week Womenswear  Spring/Summer 2014

Louis Vuitton : Runway - Paris Fashion Week Womenswear  Spring/Summer 2014

 Louis Vuitton : Runway - Paris Fashion Week Womenswear  Spring/Summer 2014

em-paris-590x90

Au revoir, Marc Jacobs! Foi bom enquanto durou, um novo ciclo que se fecha e agora ansiosas pelo futuro das duas marcas!

Página 2 de 912345Última »