10 dicas de restaurantes em Paris

13/02/2020  •  Por Thereza  •  Gastronomia, Viagem, Vinho

Tem três coisas que amo fazer em viagem, seja o destino que for: andar, ver gente e comer. Adoro me perder pelas ruas sem roteiro, amo comer em restaurantes legais, descolados, diferentes e que tenham gente interessante, local, enfim amo a parte cultural e consumista, mas gosto também dessa essência mais “simples” que te faz se sentir como um local, sabe?

Dito tudo isso, fiz uma mega lista atualizada de restaurantes imperdíveis em Paris! Dicas menos óbvias (veja bem, eu também adoro o L’Avenue e até passei o ano novo lá), novidades, achados, de um tudo! Não vou nem me prologar muito no assunto, mas quem tá de viagem marcada pra cidade luz, tome nota!

10 Dicas de restaurantes em Paris

Beefbar

Pense num trio perfeito: carne, gente bonita e art déco, é essa a mistura do Beefbar! Restaurante novo e da vez em Paris. Ele tem diversas casas em vários lugares, como em Monaco, Paris, Mykons e Dubai, em breve abre em São Paulo e pense naqueles hotspots descolados, pra ver e ser visto, mas com o melhor ingrediente: comida muito boa!

Aos amantes de carne vale muito a visita, não é dos mais baratos de todos, mas é uma programação imperdível. Vale também o almoço com menu mais em conta e ele fica bem próximo à Champs, então dá pra dar uma escapada das compras e comer bem off-turista.

10 Dicas de restaurantes em Paris

L’Avant Comptoir de la terre

Foi nossa 1a refeição da viagem, tamanho o desejo/recomendação e que delícia! Ele é micro, você come espremido numa bancada, mas come BEM! O L’Avant é super diferente, o cardápio fica pendurado no teto cheio de papéis, os vinhos são majoritariamente orgânicos e tem uma manteiga comunitária do tamanho de uma bola de basquete e toda essa despretensão faz o lugar ser imperdível.

Ele fica no lado esquerdo do Rio, bem próximo de outros rests badalados como Cafe de Flore e o próprio L’Avant Comptoir maior e original. O preço é muito em conta e a dica é ir num horário não muito chei, fomos mais pra 3 da tarde e foi super agradável, os atendentes são simpáticos e eles batem palma em coro quando você dá uma gorjeta boa (nós demos, afinal, ganhei uma taça de champagne kkk).

Frenchie

Badalado, descolado, zero turistada e com comida excelente de chefe sensação e da geração de novos talentos, assim posso falar do Frenchie! Ele não é tão novo, mas foi minha segunda vez nele, afinal, já disse que a comida é muito boa? É basicamente focado na gastronomia francesa moderna e sem frescura.

Ele fica numa rua bem discreta, mas nela tem outros 2 restaurantes/cafés do grupo, que estão crescendo muito. Vale reservar com antecedência, pois ele é bem concorrido e o preço é bem bom pro que serve. Nota da editora: é o restaurante favorito do Rodrigo na cidade.

10 Dicas de restaurantes em Paris

Monsieur Bleu | Giraffe | Loulou | Coco

Uma dica 4 em 1, pois são todos do mesmo grupo, o Paris Society, e tem propostas e cardápios parecidos, apesar de cada rest ter sua temática. Se ama um restaurante badalado e com gente bonita, mas quer fugir dos óbvios, como L’Avenue e Matignon? Esses são os restaurantes do momento em Paris, comida excelente e aquele lugar para ver e ser visto.

Dos 4 eu só fui no Monsieur Bleu (os outros 3 tudo lotado), mas garanto que a comida é excelente, não é barato, mas talvez a vista surreal da Torre Eiffel sobre seu prato justifique! É um dos restaurantes mais bonitos com vista da torre, pois ele fica na beira do Sena e de cara com ela.

Em relação aos outros, pense igual: boa comida e vista! O Girafe fica dentro do Trocadèro, ou seja, A vista! E dos 4, ele é o mais badalado. Já o Loulou fica dentro do Museu Arts Décoratifs no Louvre e boa sugestão pra quem está na região. Por fim, seguindo o mesmo estilo, o Coco fica basicamente dentro do Opera Garnier e tem decoração à la Great Gatsby.

O legal desses 4 restaurantes é que todos funcionam até 2 da manhã e tem música de fundo, pra quem gosta de um restaurante um pouco mais badalado.

10 Dicas de restaurantes em Paris

Pink Mamma

Outro restaurante super badalado e instagramável, ótima sugestão pra quem quer comer na região de Montmartre. O Pink Mamma é italiano, foco em carne boa, mas ele também é um ótimo destino para brunch final de semana, visto o fator luz e decoração.

10 Dicas de restaurantes em Paris

Willi’s Bar

Sempre dedicamos um dia da viagem pra um roteiro mais etílico e com restaurante que tenham foco em vinhos em taça! Dessa vez nosso escolhido foi o Willi’s Wine Bar, que fica ao lado do Palais Royal.

O restaurante é super aconchegante, romântico, discreto e zero turistada. Aos amantes de vinho, é roteiro certo, pois excelente carta, preço ótimo e ainda tação recheada! A comida é excelente também e no final um ótimo custo x benefício pra comer e beber bem!

10 Dicas de restaurantes em Paris

Citron – Galleries Lafayette

Outra novidade em Paris foi a inauguração de um galleries Lafayette em plena Champs-Ellysées! Se a rua é conhecida por restaurantes mais, digamos, pega-turista, agora o local reúne não só uma boa opção de mercado com corners gastronômicos no subsolo, mas no 2 andar tem o Citron, que é um feat bem sucedido do estilista-sensação Jacquemus com o tradicional Caviar Kaspia. O restaurante é uma graça e você ainda tem como vista a principal rua de Paris!

Ainda teremos mais posts sobre Paris e Lisboa!

DICA DE HOTEL EM PARIS: RENAISSANCE ARC DE TRIOMPHE

19/10/2015  •  Por Thereza  •  Viagem

Minha primeira vez em Paris foi aos 15 anos com meus pais e desde então fui à cidade algumas vezes e já fiquei em hotel de vários estilos, mas sempre na mesma região Madeleine/1er Arrondissement, porém nessa última viagem fiquei num bairro diferente e num hotel que é a cara de Paris, seja pela Rede, quanto pela arquitetura.

parwg_main01_r

Já imaginou ficar hospedada num hotel que foi projetado por um dos seus arquitetos favoritos? Pois bem, o Hotel em questão é o Renaissance Arc de Triomphe, que foi desenhado, nada mais nada menos, que por Christian de Portzamparc! Os arquitetos certamente sabem da sua importância e história (ele é vencedor do Prêmio Pritzker, o Nobel da arquitetura) e quem não está ligando o nome à pessoa, além de vários projetos pelo mundo, ele é autor da Cidade da Música aqui no Rio, também conhecido como meu último emprego antes de virar blogueira fulltime hehe

RENAISSANCE-PARIS-ENTRADAS

O Renaissance Arc de Triomphe fica localizado na Avenue de Wagram, uma das 12 ruas que ‘desembocam’ no Arco do Triunfo e a janela do meu quarto tinha vista desse memorável monumento. A localização do hotel é incrível, a poucos passos você está no Arco, logo, na Champs Elysées e indo pra outra direção você andava por um dos bairros residenciais mais charmosos da cidade e gosto justamente dessa localização por esse mix de se sentir um local, mas ao mesmo tempo estar na principal região turística.

Outro destaque da nossa estada, o atendimento! Nós sabemos que os parisienses podem ser bem blasés e formais, mas nunca vi um hotel com staff tão solícito e atencioso! Eles eram gentis, simpáticos e nos deram boas dicas da cidade, tão bom quando um serviço de concierge nos dá sugestões fora do óbvio.

RENAISSANCE-PARIS-REST

A parte gastronômica foi um caso à parte, nos dias que ficamos lá, estava rolando degustação de queijos franceses (pensa na delícia!), além disso o café da manhã era típico francês e com muita fartura. Falando das delícias locais, a carta de vinhos era ótima e o sommellier nos deu aula sobre o tema. Além do bar do hotel, o Renaissance conta com o restaurante Makassar, que à noite ficava bem badalado e tinha decor linda!

Sobre os quartos: um sonho! Amplos, novos, arejados. Hospedagem em Paris pode cair pro lado de hotéis antigos e carentes de reforma, esse não, é moderno (o hotel foi inaugurado há apenas 6 anos) e tem todas aquelas amenidades e funções que queremos num quarto de hotel, de tomada próxima a uma bancada de banheiro que caiba nossas makes & afins.

RENAISSANCE-PARIS-QUARTOS

Já tinha ficado no Renaissance São Paulo recentemente (postei aqui) e a rede só reforça o diferencial de excelente atendimento, estilo e sofisticação na medida, pois no final das contas só queremos uma cama macia e aconchegante pra dormir e a de lá foi o ninho perfeito pro final da viagem!

O fator design/arquitetura já é meio caminho andado, mas o hotel é pacote completo! Pra quem busca um hotel bem localizado, de grupo tradicional, mas com aspecto moderno, vale visitar o site do Renaissance Arc de Triomphe para ver mais fotos dos quartos e dependências gerais.

2 MARCAS DE BELEZA QUE VOCÊ PRECISA CONHECER NA SUA PRÓXIMA VIAGEM

06/04/2015  •  Por Thereza  •  Beleza, Compras, New York

Mesmo com o dólar oscilante do jeito que tá, ainda temos uma ligeira fé e ânimo pra pensar numa próxima viagem, certo? Bom, eu tenho! E ainda venho com duas dicas daquelas bem no capricho e que eu já estava há tempos querendo compartilhar com vocês.

MARCAS-DE-BELEZA

Depois que a gente vira blogueira, tentamos fugir do óbvio e buscar novos horizontes, logo dicas especiais e novas marcas que chamem a atenção e mereçam seus – agora mais do que nunca – sofridos dólares! E essas duas marcas se tornaram parte da minha rotina de beauté e eu recomendo pra qualquer um.

MALIN-GOETZ

Pensa num casal tipicamente nova iorquino, super antenado e de olho no mercado de beleza? Pois bem, foi assim que Matthew Malin e Andrew Goetz criaram em 2004 a Malin+Goetz, com a premissa de fazer produtos com ingredientes naturais, tecnologia de ponta e estética diferenciada. O que antes era uma pequena linha de itens para pele, hoje tem  produtos pra cabelo, corpo, casa, pet e além.

Eu conheci a M+G quando me hospedei no Mondrian de NY (postei aqui) e por lá surrupiei suas adoráveis miniaturas do banheiro (Ross feelings :D), depois disso dei de cara com um corner da marca na Bloomingdale’s e comprei a versão big do meu shower gel favorito: o de bergamota. Pensa numa coisa cheirosa e cremosa? <3

Além disso, seus produtos vão de shampoo, vela e até dog beauty e envolvem materiais como: coentro, bergamota, sálvia, rum, eucalipto, camomila, mojito, cannabis entre tantos outros. Daquele tipo de produto que é curioso de experimentar, conhecer novos ares, líquidos e também ótima opção de presente praquela pessoa descolada que ~acha~ que conhece tudo!

Tem loja própria da Malin+Goetz em NY e dá pra encontrar a marca em vários corners de lojas de departamento, aqui tem uma lista.

LE-LABO

Vocês sabem que só percebemos que um perfume é bom quando ele dura mais de 30 minutos na pele? Agora se ele durar mais de 1h, ele é muito bom e por aí vai! E proposta da Le Labo é justamente essa, criar uma experiência de alta qualidade na compra e produzir fragrâncias mais ricas e, principalmente duradouras. O preço disso? Não é dos mais baratos, mas vale cada centavo.

Conheci essa marca francesa (mais precisamente da Riviera) numa visita à sua loja – super charmosa! – no Soho e, desde então, é um dos meus perfumes favoritos! Por lá, é tudo feito sob medida, você experimenta as opções de fragrâncias e no final o perfume é montado na hora e na sua frente, ou seja, da forma mais natural possível, aliás, até com embalagem personalizada com seu nome.

A decoração da loja parece uma farmárcia antiga e o atendimento é mais que especial. Se você é uma pessoa que tem limitações com perfumes, vale conhecer pra te indicarem um melhor e se você acha que já experimentou todos, também vale conhecer essa opção.

Sobre $$$, eu comprei um mini de 15ml do Jasmin 17 e foi U$70 :ooo e o de 100ml custa U$240 OUCH! Eles acreditam que comprar na Le Labo não é uma experiência de consumo, mas sim que eles conquistam o cliente com o tempo e qualidade do produto. Eles não vão te vender algo no minuto 1, mas acreditam que depois você voltará pra comprar sempre.

E os produtos justificam o valor alto, por exemplo, a linha Rose 31 tem pétalas de rosa que são colhidas numa cidade do interior da França e por aí vai. Sei que perfume é um tipo de produto que sempre estamos disposto$ a gastar um pouco mais, então vocês precisam conhecer a Le Labo, aqui tem a lista com endereços. Além das lojas físicas, também tem corners em Sak’s e etc, mas vale muito ir em uma loja própria!

Gostaram das dicas, conheciam essas marcas? Alguém recomenda alguma outra marca não-mainstream e que merece ser compartilhada?

 

Página 1 de 912345Última »