Mais celebs na SPFW!

22/03/2013  •  Por Thereza  •  Celebridades, Fashion Week

CELEBS1

Já que vocês curtiram o post com papo sobre os looks da celebs no SPFW, vamos pra mais uma leva! Acho que nesse caso é bom analisar o contexto da ocasião e logicamente o pacote completo, como penteado, maquiagem e acessórios. Vamos às envolvidas!

spfw2

Acho a atriz Natália Rodrigues super bonita, bom vê-la de volta por aí. O vestido em si é absurdamente lindo, mas ele é muito de festa, muito formal pra ocasião, sabe? Ok que é SPFW, povo adora se montar, subir no salto, mesmo assim acho que a Bienal pede outro dresscode! Acredito que ela tentou quebrar a formalidade com o cabelo mais bagunçado, mas daí pareceu improvisado, sei lá. O que vocês acharam?

spfw3

Já Nivea Stelmann foi certeira na tendência da vez de look Lethicia Bronstein <3. A blusa cropped com estômago exibido está em todas e acho que no caso dela ficou na medida. Tipo a gente vê tantos casos onde ou aparece o umbigo ou a blusa é muito curta, que nesse caso ficou bem ajustado ao corpo. É uma tendência arriscada e que precisa ser balanceada com a proporção ideal. E no final das contas é um conjuntinho bem gracinha e feminino que ela complementou bem com o sapato nude meio mary jane (tem uma tira ali sim) e make bem marcada.

spfw1

Pra finalizar, Fernanda Pontes apostou na transparência e sutiã aparecido. Tipo muito literalmente falando. Tipo sutiã mesmo (pushup bra!). Pá! Acho até legal essa proposta do sutiã meio que aparecendo, porémcontudotodavia, de maneira discreta e sutil. Acho que no caso dela ficou muito marcado e a blusa é meio larga, meio caída, não ornou. No final das contas ficou chamativo e não harmonioso. Mas das 3 ela estava com a melhor maquiagem!

O que acharam dos looks? Qual foi o favorito de vocês?

A nova Nívea Stelmann

30/05/2012  •  Por Thereza  •  Celebridades, Estilo, Moda, Tendência

Na semana passada ocorreu um discreto fenômeno nos comentários de um post do Fashion Rio que me deixou intrigada e pensativa. O post era sobre o desfile da Ágatha e algumas leitoras comentaram sobre a Nivea Stellman. Nada pessoal, apenas o estilo. 

As meninas, em geral, criticaram a mudança drástica no estilo da Nívea. Como ela estava super (no sentido de muito) vestida, grifada da cabeça aos pés, com isso, o comentário de exagero e forçação foi quase unânime. Fashion victim. Nívea surpreendeu. É que na realidade, estávamos acostumadas a ver Nívea de viscolycra, vestidinho de algodão e sandália rasteira. Mas eis que do nada ela surge de Hermès, Prada, Chanel, OMG, não pode Arnaldo?

Bom, eu como blogueira, não poderia estar mais feliz, afinal, a idéia de criar um post é essa, fazer o leitor se sentir bem e vestir melhor. As revistas tem esse intuito, programas de moda estão aí pra isso, o mundo…é todo sobre isso, melhorar. Seja uma super Hermèzona ou qualquer bolsa que incremente o visual, que mal tem? Pensei que esse fosse o intuito da moda.

Também fiquei pensando até quando as pessoas tem pré-disposição a julgar outras (eu posso não ter com a Nívea, mas tenho com meia dúzia de outras, e todo mundo tem, fato), de classificá-las distantes do “metier” e da possibilidade – e permissão – de usar marca x ou y. Tem gente que chama de ranço, mas pode ser preconceito também.

No caso da Nívea ela mudou sim, bom pra ela. De uns 6 meses pra cá aprimorou o seu estilo e incorporou “grandes marcas” a ele.   Fiquei sabendo que ela está com um stylist (não sei se é um novo ou ela nunca teve), que mal tem nisso? Nenhum. Esses profissionais, seres abençoados, incrementaram o estilo de muitas (Olá, Sabrina e Grazi) e vai da gente se acostumar com a figura e, acima de tudo, “permitir” que ela evolua, fashionisticamente falando, é claro. Dinheiro não compra tudo,  mas quando tem força de vontade entre um look e outro, meio caminho andado.

Sobre o look em questão, ao vivo, era extravagante, mas mesmo com a quantidade de tendências juntas e misturadas, quem estava a sua volta ficou impressionado com a mudança. Pela foto, eu trocaria a camisa furadinha por uma lisa, tiraria o óculos, o casaco e soltava o cabelo, mas isso já opinião minha detalhada.

Por fim: não reclamamos que muitas (infelizmente, ainda, a maioria) das celebridades brasileiras não se vestem bem (ou apropriadamente) em eventos e aparições oficiais? Daí quando alguma se esforça (tenta, ué!), sai da zona de conforto, a gente ainda reclama?

Opinião minha é que acho louvável qualquer tentativa de melhorar o estilo. Se encher de marcas poderosas transmite segurança, ok. Misturar todas as tendências de uma vez só, acontece. Nesses casos, mudanças devem ser graduais, lentamente digeridas e transformadas em estilo próprio (e não reprodução exata da passarela), com isso, porque não? Ando numa fase que qualquer tentativa fashonística se torna admirável e vocês?