2 MARCAS DE BELEZA QUE VOCÊ PRECISA CONHECER NA SUA PRÓXIMA VIAGEM

06/04/2015  •  Por Thereza  •  Beleza, Compras, New York

Mesmo com o dólar oscilante do jeito que tá, ainda temos uma ligeira fé e ânimo pra pensar numa próxima viagem, certo? Bom, eu tenho! E ainda venho com duas dicas daquelas bem no capricho e que eu já estava há tempos querendo compartilhar com vocês.

MARCAS-DE-BELEZA

Depois que a gente vira blogueira, tentamos fugir do óbvio e buscar novos horizontes, logo dicas especiais e novas marcas que chamem a atenção e mereçam seus – agora mais do que nunca – sofridos dólares! E essas duas marcas se tornaram parte da minha rotina de beauté e eu recomendo pra qualquer um.

MALIN-GOETZ

Pensa num casal tipicamente nova iorquino, super antenado e de olho no mercado de beleza? Pois bem, foi assim que Matthew Malin e Andrew Goetz criaram em 2004 a Malin+Goetz, com a premissa de fazer produtos com ingredientes naturais, tecnologia de ponta e estética diferenciada. O que antes era uma pequena linha de itens para pele, hoje tem  produtos pra cabelo, corpo, casa, pet e além.

Eu conheci a M+G quando me hospedei no Mondrian de NY (postei aqui) e por lá surrupiei suas adoráveis miniaturas do banheiro (Ross feelings :D), depois disso dei de cara com um corner da marca na Bloomingdale’s e comprei a versão big do meu shower gel favorito: o de bergamota. Pensa numa coisa cheirosa e cremosa? <3

Além disso, seus produtos vão de shampoo, vela e até dog beauty e envolvem materiais como: coentro, bergamota, sálvia, rum, eucalipto, camomila, mojito, cannabis entre tantos outros. Daquele tipo de produto que é curioso de experimentar, conhecer novos ares, líquidos e também ótima opção de presente praquela pessoa descolada que ~acha~ que conhece tudo!

Tem loja própria da Malin+Goetz em NY e dá pra encontrar a marca em vários corners de lojas de departamento, aqui tem uma lista.

LE-LABO

Vocês sabem que só percebemos que um perfume é bom quando ele dura mais de 30 minutos na pele? Agora se ele durar mais de 1h, ele é muito bom e por aí vai! E proposta da Le Labo é justamente essa, criar uma experiência de alta qualidade na compra e produzir fragrâncias mais ricas e, principalmente duradouras. O preço disso? Não é dos mais baratos, mas vale cada centavo.

Conheci essa marca francesa (mais precisamente da Riviera) numa visita à sua loja – super charmosa! – no Soho e, desde então, é um dos meus perfumes favoritos! Por lá, é tudo feito sob medida, você experimenta as opções de fragrâncias e no final o perfume é montado na hora e na sua frente, ou seja, da forma mais natural possível, aliás, até com embalagem personalizada com seu nome.

A decoração da loja parece uma farmárcia antiga e o atendimento é mais que especial. Se você é uma pessoa que tem limitações com perfumes, vale conhecer pra te indicarem um melhor e se você acha que já experimentou todos, também vale conhecer essa opção.

Sobre $$$, eu comprei um mini de 15ml do Jasmin 17 e foi U$70 :ooo e o de 100ml custa U$240 OUCH! Eles acreditam que comprar na Le Labo não é uma experiência de consumo, mas sim que eles conquistam o cliente com o tempo e qualidade do produto. Eles não vão te vender algo no minuto 1, mas acreditam que depois você voltará pra comprar sempre.

E os produtos justificam o valor alto, por exemplo, a linha Rose 31 tem pétalas de rosa que são colhidas numa cidade do interior da França e por aí vai. Sei que perfume é um tipo de produto que sempre estamos disposto$ a gastar um pouco mais, então vocês precisam conhecer a Le Labo, aqui tem a lista com endereços. Além das lojas físicas, também tem corners em Sak’s e etc, mas vale muito ir em uma loja própria!

Gostaram das dicas, conheciam essas marcas? Alguém recomenda alguma outra marca não-mainstream e que merece ser compartilhada?

 

THE LINE, HOTEL SUPER COOL EM LOS ANGELES

15/03/2015  •  Por Thereza  •  Viagem

Já tinha contado pra vocês que nessa temporada optei por não ir em nenhuma semana de moda com o pessoal do F*Hits e focar na California e fiquei feliz que eles gostaram da ideia e por lá criamos muito conteúdo e dicas turísticas legais com a hashtag #FhitsLA. Tão bom respirar novos ares e fugir muitas vezes de roteiros clássicos e óbvios, daí quando eles me falaram sobre o hotel que eu ia ficar, de cara me apaixonei!

THE-LINE-HTL-LA-1

Prazer, The Line Hotel! Pensa num hotel cool, modernete, super novo, MUITO bem decorado e cheio de atividades no próprio hotel? Pois bem, o The Line foi uma surpresa muito agradável e fora do roteiro Beverly Hills – Hollywood.

O hotel fica em Korea Town (no final eu já chamava de KTOWN!), entre Hollywood e Downtown e no bairro da vez de Los Angeles. A região é super descolada entre a comunidade asiática e também locais que querem fugir do meio turístico.

Eu adoro sul coreanos (quando estudei em NY fiz muitas amizades com o pessoal de lá e que falo até hoje!) e o hotel recebe muita gente de lá, mas também um mix muito bem globalizado (pra vocês terem ideia, até o Impostor do Pânico se hospedou lá, para sua saga no Oscar).

Conhecemos o The Line através do Hotelied, que é um serviço online que usa das experiências que você compartilha nas redes sociais pra te garantir acesso a destinos e experiências exclusivas. Quanto mais você usar suas redes sociais aka espalhar boas dicas, mais vantagens você ganha. Não conhecia esse tipo de serviço e achei bem inteligente, afinal, a consequência de boas viagens, são excelentes dicas. No site do  Hotelied tem mais infos!

Hotel fechado, antes de viajar, fui fuxicar sobre ele e de cara me apaixonei pela arquitetura pop-minimalista, ao vivo é mais incrível ainda, olha os quartos!

THE-LINE-HOTEL-LA-ROOMS
Fiquei apaixonada! Ficamos hospedados no quarto que tem vista pra Hollywood Hills, então foi bem charmoso acordar de cara pro Holly Sign. Além disso, ele é um quarto bastante funcional (tem muitas tomadas, THANK U!), charmoso e confortável. Adoro hotel tipo boutique e com esse toque descolado deixou tudo mais charmoso ainda.

Além dos quartos incríveis, por lá tem 2 restaurantes, bar, café, loja e uma baladinha rolando de leve no final de semana. É um hotel BEM jovem, com staff simpático e no geral muito eficiente.

THE-LINE-HOTEL-LA-RESTS
O The Comissary tem comida tipo comfort food e uma decoração maravilhosa, parece uma estufa de flores, muito legal, né? Já o Pot (sim, tem um duplo sentido no nome hehe) é um restaurante asian food de chefe super badalado e o que fomos uma noite. A comida é muito boa e mesmo pra quem não se hospedar lá vale visitar pra, não só conhecer o hotel, mas também conhecer a gastronomia coreana versão moderna.

THE-LINE-HOTEL-LA-LOBBY
No lobby, tem lojinha, café, bar e muito agito! Pra quem quer fugir do eixo BH-Holly, achei o The Line é uma opção bem charmosa, com uma ótima relação custoXbenefício (diária na faixa de U$200) e no point da vez na cidade.

Bônus! No ano passado, eles tiveram uma suíte temática decorada em homenagem à Hello Kitty, olha que incrível!

 

UMA VISITA À CARMEN STEFFENS DE LA

14/03/2015  •  Por Thereza  •  Publicidade

CSS
Vocês sabem que minha primeira visita à LA foi para a inauguração da Carmen Steffens em Los Angeles, mais precisamente em Hollywood, no quarteirão mais estrelado da cidade, entre Dolby e Chinese Theatre, ou seja, muito bem localizada!
Pra quem nunca foi pra LA e tem planos, por lá, além da badalada e instigante Calçada da Fama, tem também o shopping Highland Center, local de diversas lojas muito conhecidas como Sephora, Forever, LV e, também, CS, claro!
Pra mim é um dos locais mais legais de se fazer compra na cidade, pois você está no vuco vuco, mas ainda tem boas opções de lojas, seja de roupa, acessórios e até aquelas tranqueiras de souvenirs que é sempre bom comprar!
cs-los-angeles

E como eu estava por lá, lógico que passei na Carmen pra ver as novidades e compartilhar aqui no blog. Sobre a coleção, ela é praticamente a mesma vendida no Brasil simultaneamente. Como LA tem um inverno “menos invernal” dá pra acompanhar um pouco da coleção brasileira.
A loja em si segue o padrão brasileiro, mas, logicamente, bem globalizada pra atender aos clientes do mundo todo. Quando fui era época do Ano Novo chinês e a vitrine estava toda decorada para a ocasião (aliás, americano homenageia a sério, LA e Vegas estavam todos SUPER incorporados no espírito chinês e tudo muito incrivelmente caprichado).

CS-LA

E como o tempo tava meio lá, meio cá, entre uma rasteirinha clássica e uma bota mais poderosa, fico com minha boa and velha (quedize, novíssima!) sapatilha, pois vocês sabem que eu amo! Além da loja de LA, eles inauguraram uma loja em Vegas no ano passado, mas vou mostrar num outro post!

Página 2 de 712345Última »