ABBCCEEDÁRIO CREAM!

17/11/2014  •  Por Thereza  •  Beleza, Compras, Maquiagem

BBS-CCS

Como era nossa vida de beauté antes desse abcedário – quase inteiro – de creminhos milagrosos? Bom, a gente vivia, mas agora os BB’s, CC’s, DD’s e EE’s (até o fechamento dessa edição não tivemos confirmação de FF’s) invadiram nossa rotina de beauté, as marcas não param de inovar e quero contar um segredo: eu nunca sei pra quê e pra quando serve cada um deles!!!

Passado o desabafo de #blogueirasincera, imagino que minha dúvida, seja sua dúvida! Então como nos últimos meses recebi bastante novidades e press kits de marcas compartilhando os lançamentos, resolvi reunir aqui um resumo das letras e suas funções!

identificando-bbs-ccs-cream

Sério, por mais que eu tivesse uma noção bem superficial, não fazia ideia de cada função tão específica, alguém tinha? Entre o BB precursor e o EE lançamento, tem um muuundo de possibilidades e, convenhamos,  não faz nada mal uma camadinha de creme a mais na nossa vida, né?

Como meu acervo pára na página 2 C, fiz uma seleção dos produtos que tenho por aqui. Uns são lançamento, outros  já grande clássicos, mas no final, vamos descobrir juntas suas funções e habilidades de beauté.

bb1

BENEFIT – Bigger Easy, Bigger Than BB: “É um multibalanceador com ingredientes que além de balancear a pele, controlam a oleosidade”, esse é um dos meus favoritos, pois deixa a pele MATTE! Ele se intitula maior que um BB e de fato é diferente, pois ao aplicar o líquido, ele logo fica com um aspecto seco e de quem aplicou pó. Esse é o que uso sempre e às vezes até como base, acho muito bom!

SMASHBOX – Camera Ready: “Minimiza a oleosidade sem aspecto carregado e ressecado e melhora a hidratação da pele em apenas 4 semanas”. O nome já diz muito, seguindo a linha clássica da marca, com foco nesse acabamento potente das câmeras HD’s da vida. Tem uma textura boa e é levemente oleoso.

bb2

MAYBELLINE – BB Dream Fresh: O Dream Fresh promete ajudar em 8 pontos: hidrata, FPS30, Ilumina, Oil Free, Disfarça imperfeições, se ajusta ao tom da pele, melhor a aparência da pele e suaviza. Acho ele super leve e agora a marca lançou a versão Oil Control (ainda tem 2% de ácido salicílico), que é melhor ainda pra mim, pois tenho pele oleosa.

L’ÓREAL – BB Creme milagroso Olhos: Mais uma novidade, a L’Óreal lançou um BB com foco pros olhos, “São 5 benefícios para uma pele perfeita imediatamente. Hidrata a pele, Ameniza olheiras, Uniformiza e ilumina, Suaviza imperfeições e Alisa a pele”. Tem uma cobertura mais densa e aplicado só um pouquinho já funciona bem. Além disso o cheiro é mais leve (muitos tem um cheiro de protetor mais acentuado).

cc1

CLINIQUE – CC Moisture Surge: Partindo pros CC’s, que é minha letra favorita #idades, adoro essa linha Moisture, “Sua fórmula leve corrige instantaneamente diversas preocupações (vermelhidão, opacidade, peles amareladas) para que a pele fique naturalmente luminosa e saudável.” O que mais me impressiona é que com uma camada você nota que as manchinhas da pele de fato se camuflam!

SMASHBOX – CC Camera Ready: Já essa versão da Smashbox promete “reduzir visivelmente o aparecimento de manchas escuras, manchas de sol e marcas pós-acne instantaneamente e ao longo do tempo”, ou seja, funciona pro agora e pro futuro. Gosto dela, pois seca rápido e tem um acabamento mais seco.

CC3

LANCÔME – CC City Miracle: Recebi da Lancôme num evento que fui da marca em NY e é o 1o CC deles e lançamento lá fora. Diz que foi testado nas cidades mais poluídas do mundo, então é uma boa vantagem pra quem sofre com isso. Ele garante funcionar como uma base (e a linha Teint Miracle é excelente), com toques de iluminador e hidratante. Ele tem fator FPS50.

GIVENCHY – Doctor White: Outro CC com fator 50 e super potência, “A combinação de pigmentos azuis, verdes, vermelhos e dourados corrige falhas e recria a aparência saudável e natural da pele”. Gosto pois ele tem uma textura bem leve e seca, com 2 gotinhas dá pra espalhar bem e acho que de todos os CC’s é o que tem o melhor cheirinho, de perfume bom, pra quem se incomoda com cheiro de protetor, essa é a melhor opção!

Muitos BB’s e CC’s, se alguém tiver alguma dúvida específica, pode falar! Ainda não entrei na 5a letra do alfabeto, mas certeza que agora aprendi um pouco mais sobre cada função e o que se adapta melhor ao meu momento e condição de pele vigente! Vocês também não faziam muita ideia da função desses produtos? Qual B ou C estão usando atualmente?

Investindo na bolsa: 15 modelos por até U$1.000 (vai que!)

12/11/2014  •  Por Thereza  •  Acessórios, Compras

bag-lover-omg

Acho que todas nós, mulheres trabalhadeiras e bem resolvidas, temos nossos desatinos consumistas e eles são mais que bem-vindos,  são até essenciais vez ou outra! Umas investem gastam com sapatos, outras com joias, ainda tem aquelas que guardam tudo pra viajar. Eu sou do time que gasta com bolsa (ok, e de vez em quando viagem), desde adolescente sempre admirei esse fantástico mundo das bolsas.

Gosto da bolsa x pela história que ela conta, seja pela costura do matelassê (lembram desse post aqui?), pelo formato que ela tem ou simplesmente pelo momento especial que comprei (afinal, tem certos investimentos que o dia do gasto merece se tornar um momento memorável).

Aqui no Fashionismo já falei diversas vezes sobre o tema investindo-na-bolsa, seja comparando preços Brasil x lá fora, trazendo modelos interessantes e um bem antiguinho que foi meio onde tudo “começou”: Bolsas grifadas por até U$1.000. Engraçado que hoje em dia tenho um certo ranço com essa palavra grifada hehe, mas a ideia era fazer uma seleção de bolsas gringas por até U$1.000 e lembro bem que várias meninas curtiraram e entraram nesse fantástico mundo consumístico bolsístico ;)

Volto com o tema, pois recebi um email pedindo uma nova fornada de bolsas por até U$1.000 e me empolguei fazendo uma espécie de wishlist imaginária com vários modelos BEM legais e de todos os preços! Ok, que naquele post o dólar valia R$1,70 e a Speedy custava U$690. Hoje o dólar tá R$2,55  e a Speedy U$950, mas também atualmente somos mais bem sucedidas #aquelas e o Natal taí e uma próxima viagem também, então por que não uma bolsinha nova pra gente colocar nosso dinheiro dentro hehe, vejamos meu TOP15!

BOLSA-PREÇO-MARCA

Fendi: Achei BEM gracinha esse modelo Pouchette, inclusive vi várias opções de cores, mas eu super ficaria com essa roxa. E hoje em dia é inegável que as bolsas pequenas são mais que úteis, afinal, fazemos uma curadoria mais precisa do que de fato necessitamos hehe. Diane von Furstenberg: Também adorei esse modelo, apesar de ser “ousado”, pode ser uma boa bolsa pro dia a dia, achei o preço bem bom!

Givenchy: Tenho amor verdadeiro, amor eterno por essa marca e olha a super famosa Antigona, versão clucth, acho bem chique e super cool. Alexander Wang: Por falar em cool, taí Alexander Wang e seu modelo Lia clássico, adoro que a maioria das bolsas dele tem essas tachas embaixo.

Louboutin: Agora pras ousadas (ou pra quem tem muita variedade!), achei divertida essa clutch em referência ao famoso Pigalle do Loubie. Miu Miu: Taí marca FOFA e cheia de opções legais e com preços, digamos, aceitáveis. Acho tão bonito o matelassê deles e essa Little é daquele tipo de bolsa que funciona bem pra balada ou viagem, e quem for compacta, pra vida real também.

1comprar-bolsa-preço

Gucci: A Soho bag se tornou um clássico recente e é daquelas bolsas com cara de compacta, mas que cabe a mãe dentro, acho um dos melhores investimentos nesse estilo. E seja a versão couro, nobuck e até com corrente, sempre gira na faixa U$800-950.

Tory Burch: Eu sou encantanda pela história e lifestyle da marca, em setembro fui à flagship da Madison ave. pra fazer um tour e ganhei <3 essa bolsa franjada azul escuro e não largo mais! Tô numa fase franja e ela é discreta, classicona, mas mais atual impossível. E acho um excelente preço pra uma bolsa de super qualidade.

Phillip Lim: O estilista também tem sua bolsa clássica e esse modelo Trapeze é visto pelos streetstyles mundo afora, acho super charmosa e coringa. Prada: Assim como as da Miu Miu, tô completamente apaixonada por essa de oncinha da Prada, gosto desse formato ‘box’ e se tem oncinha envolvida, mais amor ainda.

Agora outras pouches! O que é isso? São esses modelos tipo clutch, só que mais fininha e algumas vezes mais compridas. Lá fora a mulherada usa direto, sempre vejo editora de moda com a sua embaixo do braço, carregando o essencial, eu acho super chique! Adorei a versão clássica da Vuitton, a animal print de McQueen e a gracinha da Givenchy.

Chloé: Outro modelo que não sai de moda e tem sempre um preço razoável, a Marcie! Acho super  charmosinha essa bolsa e daquele tipo que cabe tudo. YSL: Por fim, meu amor vigente, as bolsas da Saint Laurent! Já postei aqui minha Cassandre, agora acho essas Candy Bags uma lindeza, vontade de colecionar hehe. Lógico que é tipo de bolsa que cabe só o celular-batom-cartão, mas são daqueles modelos imprescindíveis e provavelmente eternos :)

Gostaram da minha seleção, alguma favorita? Tem algum modelo <U$1.000 que vocês estão de olho?

Bolsas de investimento!

24/07/2012  •  Por Thereza  •  Acessórios, Compras, Moda, New York

Uma das dúvidas mais comuns que recebo das leitoras é: em qual bolsa investir? Sabe quando você viaja e quer gastar uns bons dólares numa bolsa? Mas quer fugir da básica, da óbvia, quer tentar uma nova, mas que já tenha cara de clássica e que não vá enjoar em 2 temporadas!?

Há um tempo atrás fiz um post falando sobre investimento em bolsas de até U$1.000, e se você calcular bem, deixando de gastar com meia dúzia de viscolycras na Forever 21 e um punhado de maquiagens na Sephora, dá sim pra incluir uma bolsa dessas no orçamento. Sou super a favor desse tipo de investimento e acho que no final das contas é o que sobra!

E lá em Nova York tem um modelo de bolsa que vi em tudo quanto é lugar, seja nas lojas ou nas mãos das new yorkers. As bolsas tipo shopper ou tote não são nenhuma novidade, mas cada vez mais inúmeras marcas tem seus modelos em diversas cores, materiais e estampas e as mais usadas e badaladas são essas da Givenchy!

É aquela bolsa prática, pro dia-a-dia, vai bem pro trabalho, pro shopping, pro jantar com as amigas. É um modelo grande e que cabe até a mãe dentro e pra nossa rotina não existe melhor! Esse modelo Antígona Shopper da Givenchy já se tornou um clássico e, o melhor, tem até precinho camarada se comparando com outras bolsas da marca, o preço médio é de U$1.200 (a do rotweiller é U$900 e as estampadas são um pouco mais).

O modelo super lembra a famosa Neverfull da Louis Vuitton, que é sempre a primeira opção pra quem quer ingressar nesse mundo de “it bags”, porém acho a versão Givenchy muito mais descolada, atual, sem aquela logomania gritante e com inúmeras opções de couro e cores. Estava seca atrás da laranja (amo a cor!), porém era uma edição limitada de verão e estava sold out! Mas os outros tipos são igualmente simpáticos, usáveis e ainda vem com o selinho Givenchy de charme e qualidade, quem não curte?

Pra mostrar como a onda das shopper bags está forte, fotografei (piratamente, por isso está tosco, relevem) algumas outras versões na Barney’s, que pra mim tem a melhor seleção de bolsas por metro quadrado de Nova York! Além da Givenchy, tem o modelo sacola da Balenciaga (também é bem lindona), Céline, Rochas (tem um brilho incrível), Proenza Schouler e muitas outras marcas com seus modelos grifados e preços relativamente acessíveis!

Curtem essa versão sacola – de couro – incrementada? Então fica a dica pra quem gosta de investir na bolsa, mas ainda quer ter um $$ pra colocar dentro heheh ;D