5 lojas de vinho que você precisa conhecer em Nova York

13/09/2019  •  Por Rodrigo  •  New York, Viagem, Vinho

Quem já acompanha o blog há algum tempo, deve saber da paixão que não só a Thereza, como eu também, possuímos por Nova York. Não apenas por Gossip Girl, ou por ser a cidade que a Thereza mais visitou na vida, mas principalmente pelo fato de já termos morado por lá em 2009. Foi um período mágico no qual tivemos a oportunidade de experimentar o estilo de vida frenético da cidade.
E o que isso tem a ver com #vinhodequinta? Pois bem, quando fomos morar em NYC, eu era apenas um iniciante no universo dos vinhos, e foi justamente na Big Apple, que o amor se consolidou. Quem já passou por lá e prestou atenção, deve ter se impressionado com a quantidade de lojas de vinho. Sério, é uma em cada esquina. Em frente ao prédio onde moramos, havia duas, só pra vocês terem uma idéia.

Em Nova York existe mais loja de vinho do que McDonald’s, KFC e Burger King juntos, é o paraíso para moradores e turistas entusiastas da bebida. O mais legal é que cada loja conta com sua seleção de rótulos, muitas vezes feita de acordo com o gosto particular do próprio dono, o que dá mais personalidade e charme para o comércio. Eu me lembro de ficar tão deslumbrado com a quantidade de opções, que chegava a demorar algumas horas indo de um quarteirão para o outro, só para entrar em todas as lojas.

Outra coisa, sempre que a Thereza vai pra lá sem mim, a saudade é docemente amenizada pela certeza de que ela vai voltar abarrotada de vinhos! E o melhor de tudo, os preços incrivelmente baixos em função do incentivo fiscal e da quantidade de oferta e demanda que movem a economia. Então, vou indicar algumas das milhares de lojas da cidade, que eu conheço, compro e aprovo.

Onde comprar vinhos em Nova York

Warehouse Wines and Spirits: A Meca dos vinhos quando se fala em qualidade X preço. Conheci essa preciosidade quando morava na cidade e nas últimas vezes que a Thereza foi pra NY, os vinhos foram todos de lá. Na verdade pode ser chamada de um mercado, pois você compra os vinhos com carrinho, isso mesmo.

A Warehouse, como o nome já diz, é um atacadista enorme e possui a seleção de vinhos com os melhores preços do mundo, sim, do mundo! É inacreditável e quase ofensivo o valor dos vinhos na loja, ainda mais quando falamos em Bordeaux.

Tem muitos achados de safras consagradas, a Thereza me trouxe vinhos de Margaux, Pomerol, Haut-Medoc, de grandes produtores que muitas vezes chegam aos 4 dígitos, por menos de $18, mas se você procurar, não se espante ao se deparar com deliciosos tintos e brancos por menos de $5. É o paraíso das pechinchas e todo mundo te atende super bem. Eles ainda colocam a descrição de vários vinhos com informações sobre a vinícola, pontuações da crítica e etc. Se você comprar mais de U$100 eles ainda levam no seu hotel! Fica na 735 Broadway, bem no início do Soho.

Onde comprar vinhos em Nova York

Sherry Lehmann: Localizada no início do Upper East Side, perto do Central Park, essa é a mais tradicional loja da cidade. Com importação direta de várias vinícolas, a Sherry tem um arsenal enorme de vinhos dos principais produtores do mundo. Se você estiver procurando pelos grandes Chateaux franceses, pelos Grand Crus da Borgonha ou pelos ícones italianos, esse é o lugar.

O atendimento é super atencioso e especializado pra te deixar o mais confortável possível para tirar dúvidas e acertar nas escolhas. Como o lugar é roteiro certo de muitos brasileiros, tem até um funcionário que fala a língua e isso ajuda bastante na hora da escolha. Fica 505 Park Ave.

Onde comprar vinhos em Nova York

Trader Joe’s:  Esse gigante das cadeias de supermercados está presente em quase todo território americano com quase 500 pontos de venda. É um tipo de mercado de baixo custo com diversas linhas de produto de marca própria.

Em Nova York, pode ser encontrado em vários bairros e é o endereço preferido de quem quer comprar mais por menos. Quanto aos vinhos, os preços são igualmente bons, entretanto é preciso dar uma garimpada. O ideal é ir com celular e pesquisar sobre o rótulo que quiser comprar. O melhor Trader Joe’s é o da Union Square, 142 E 14th street.

Onde comprar vinhos em Nova York

Crush Wines and Spirits: Linda loja com uma arquitetura moderna e sofisticada e que trabalha com um conceito super legal. Por lá você pode encontrar vinhos de regiões pouco conhecidas, a curadoria é minuciosa e qualidade dos vinhos indiscutível.

Tem um portfólio muito interessante de vinhos austríacos e alemães perfeitos para surpreender. Muito bem localizada, na 57th com a Madison. Ah, quase me esqueci, tem degustações de graça em alguns dias da semana!

Onde comprar vinhos em Nova York

Astor Wines and Spirits: Outra grande loja tradicional e enorme! Rótulos do mundo todo ficam expostos nas prateleiras, a seleção de franceses e italianos é maravilhosa e dá pra encontrar barganhas de até um dígito. Grandes vinhos de regiões quase esquecidas como as da Geórgia, Romênia e Bulgária também dão as caras com preços convidativos. Pra quem estiver fazendo umas comprinhas pelo Soho, vale dar uma passada, fica na 399 Lafayette st.

Então, se estiverem de viagem marcada para Nova York, recomendo que visitem algumas lojas de vinho. Como já disse, a cidade é repleta delas e muitas ainda entregam no hotel. Se tiverem alguma dúvida ou sugestão, é só deixar um comentário!

Dicas do Rio: Delfina e Aconchego carioca

06/09/2018  •  Por Rodrigo  •  Gastronomia

Como a nossa coluna Vinho de Quinta não se resume apenas ao universo dos vinhos, teremos também posts com dicas gastronômicas super legais de lugares que todo mundo precisa conhecer aqui no Rio. E não poderia deixar de começar por  2 restaurantes mais que especiais e que fizeram a alegria dos convidados no #fashionismo10anos.

Primeiro, o que vem à cabeça quando ouve-se falar de praça de alimentação? Fast food, correto? Na grande maioria dos shoppings é isso mesmo, mas no Village Mall, esse local tradicionalmente conhecido por quem quer um lanche rápido e despretensioso, ganhou uma pegada diferente e com gastronomia de qualidade!

O Delfina e o Aconchego Carioca, localizados na praça de alimentação do Shopping, oferecem opções gastronômicas incríveis, democráticas, num estilo gourmet, porém descomplicado, pra quem não abre mão de gastronomia de verdade tanto no almoço, jantar ou aquele happy hour.

O Delfina, já conhecido pelo seu food truck que roda nos principais eventos do Rio, tem como especialidade suculentas opções de carne de pato. A consagrada coxinha (que de inha não tem nada) de pato acompanhada de chutney de laranja e especiarias é de lamber os dedos! Já o sanduíche de pato  com mostarda Dijon e rúcula, no pão ciabatta artesanal, além de saboroso, vale como uma refeição!

Pra quem não é tão fã de pato, pode se deliciar com hamburger de contra filé, hot dog no pão de leite, pulled pork, batata rústica, pratos com salmão, omelete e várias opções de saladas preparadas no balcão, ali na sua frente. Menção honrosa pro prato (na realidade, acompanhamento!) favorito da Thereza: batatas rústicas trufadas, imperdível!

O Aconchego Carioca, famoso na Praça da Bandeira, premiado por sua gastronomia brasileira e frequentado por quem ama culinária de raiz, agora tem uma versão no Village Mall, onde serve os tradicionais bolinhos da renomada chef, Kátia Barbosa. O carro-chefe, o copiadíssimo bolinho de feijoada é um pedido quase que obrigatório, além do bolinho de carne seca, prensadinho de rabada e o meu preferido, bolinho de arroz com curry e queijo.

Como nem só de bolinho vive o homem, deliciosos petiscos, como a pipoca de aipim e o pastel de moqueca farão a alegria do povo, tudo fresquinho e preparado na hora! Uma boa dica é que o Aconchego também faz catering para eventos, assim como fizeram pro nosso #Fashionismo10anos.

Delfina e Aconchego Carioca são excelentes alternativas pra quem curte comida bem feita e de verdade. São perfeitos também para reunir a galera e tomar uma cervejinha pra acompanhar as delicias. E por falar em cerveja, além das opções tradicionais, os dois restaurantes tem rótulos de cervejas artesanais escolhidas a dedo! Vale muito dar uma conferida e mudar seu conceito sobre praça de alimentação.

 

Como harmonizar fondue e vinho [queijo, carne e chocolate]

10/08/2018  •  Por Rodrigo  •  Gastronomia, Vinho

Na sequência dos posts sobre harmonização de vinhos com pratos típicos de inverno, o que não pode faltar de forma alguma? Fondue, naturalmente. Não há nada no mundo gastronômico que combine melhor com a estação do que essa maravilhosa invenção dos suíços! É gostoso, reconfortante e a melhor opção para as noites frias de inverno. Aqui em casa, tem quase todo fim de semana! Se você também é fã dessa iguaria e quer saber qual o melhor vinho para as receitas mais tradicionais de Fondue, a hora é agora!

FONDUE DE QUEIJO

Fondue de queijo

Provavelmente o mais clássico, seja ele comprado pronto ou feito a sua maneira, é sempre uma delícia. A maioria das pessoas associa o fondue de queijo com vinhos tintos, mas se eu disser que um branco fresco e aromático pode fazer um casamento ainda mais gostoso? Os vinhos brancos, por possuirem uma maior acidez em relação aos tintos, farão uma harmonização por contraste com a untuosidade dos queijos do Fondue.

E como se dá esse contraste? A acidez do vinho vai estimular a salivação e “limpar” o paladar da gordura do queijo, que por sua vez vai suavizar qualquer adstringência que o vinho possa ter. Brancos frutados como Chardonnay, Torrontés e Sauvignon Blanc farão bonito!

Maycas Sumaq Chardonnay 2017: Esse delicioso branco chileno – do frio Vale do Limarí, vai elevar o Fondue a um outro patamar! Cheio de aromas de frutas tropicais, o que é perfeito para harmonizar com o sabor ligeiramente adocicado dos queijos do Fondue, geralmente emmental e Gruyere, e com ótimo frescor, ideal para suavizar a gordura. Macio e com mineralidade típica de vinhedos com influência oceânica, levemente amendoado, floral e ainda deixa um gostinho de abacaxi no final de cada gole. Não tem como não gostar, boa opção para fugir do óbvio também. Tem dele aqui na Wine por R$42, um ótimo preço!

Fondue de carne

Quem não gosta do som relaxante daqueles pedacinhos de filé mignon fritando? Nesse caso podemos escolher um tinto sem medo, porém devemos levar em conta que o filé mignon é uma carne magra, portanto um tinto de corpo médio e taninos suaves, é a melhor combinação. Uvas como a Merlot, Sangiovese e Tempranillo cumprem bem esse papel.

Terra d`Uro Finca la Rana Toro 2013: Elegante tinto espanhol com vocação gastronômica, principalmente quando se trata de carne. No nariz você sente aromas de carvalho tostado, ameixa madura, muitas especiarias e um toque de couro. Na boca, tem corpo médio, sabor de frutas negras maduras, boa acidez, taninos já amaciados pelos seus 5 anos de idade e um final amadeirado.  Tudo que uma boa carne de Fondue precisa.  Tem dele aqui por R$57.

Fondue de chocolate

Não poderia ficar de fora, né? Seja de chocolate ao leite, branco ou amargo, finalizar a noite com esse Fondue é uma dádiva! Tradicionalmente os vinhos de sobremesa ou do Porto, fazem uma bela harmonização, mas se você quiser se surpreender com um tinto, opte por vinhos mais doces, porém com boa acidez.

Essa combinação é incrível, pois a doçura dos dois é amenizada e o frescor do vinho não deixará o chocolate ficar enjoativo. E para isso, os vinhos do sul da Itália, feitos com a doce uva Primitivo são especiais, mas que tal um corte californiano bem parecido com os clássicos rótulos do sul da bota?

Apothic Winemakers Blend 2016: Da ensolarada California, esse blend de Cabernet, Syrah, Merlot e Zinfandel (versão americana da Primitivo) é ótimo para harmonizar com doces, mas também vai agradar quem ainda não está muito acostumado com tintos secos. Perfumado, com aromas de baunilha, geleia de cereja, caramelo e pimenta preta. Maduro, redondo e suculento, com taninos, doces e textura aveludada, ainda tem acidez ideal para deixar qualquer chocolate mais agradável, se é que isso é possível. Quando você notar, a garrafa já estará vazia. Ótimo preço para um californiano blockbuster com tanta maciez. Tem dele aqui por R$65.

 VINHO PARA FONDUE

E aí, gostou? E qual a sua combinação preferida pra Fondue? Qualquer dúvida, é só deixar um comentário.

 

 

 

 

 

 

 

 

Página 1 de 1512345Última »