O apartamento da Whitney Port

20/06/2010  •  Por Thereza  •  Decorismo, Moda

Todo mundo conhece a trajetória de vida da reality star Whitney Port, toda sua saga em busca da fama e sucesso em Hollywood New York. Mas enquanto as peças de sua coleção não nos despertam nenhum desejo em nossas lombrigas consumistas (porém adormecidas), andava mais interessada em oooutra coisa.

whitney-port-apartment Entre a primeira e segunda temporada de The City, Whitney entregou seu ap (lindo) no Gramercy e se mudou de mala e cuia pra um tradicional ap no coração de West Village. E como decoração alheia me desperta interesse, finalmente Whit abriu seu apartamento pra gente (leia-se alguma Us Weekly da vida)!apartamento-whitney-port Na entrevista a moça conta que seu apartamento tem decoração bem eclética. Tem peças de flea markets e antiquários, e segundo ela toda a decoração surgiu em torno do sofá da foto, seu xodó!

Seu estilo é romântico-detalhista e dá pra reparar que cada item tem a cara dela. A parede lavanda do quarto já vem sido meu desejo da maturidade-feminina (toda parede minha era rosa, rosa).

Gostaram? Agora meu próximo desejo é o novo ap da Olivia Palermo em…Williansburg! Upper East girl moves to Brooklyn!

Lojas que impressionam (e inibem?)

05/06/2010  •  Por Thereza  •  Decorismo, Moda

UPDATE: PARECE QUE ESSE POST TRAVOU, BASTA ATUALIZAR ALGUMAS VEZES ENQUANTO OS UNIVERSITÁRIOS NÃO SOLUCIONAM O PROBLEMA. GRATA!

Você viaja pro exterior, acha que vai entrar em todas as lojas hypadas que você só vê nos episódios de Gossip Girl, encaroçar a vendedora tailandesa e tocar em algum haute couture que você só vê em miniatura no style.com, ?

Mas chega lá nas ruas de NY (ou insira sua cidade aqui), e o máximo que tem coragem – e disposição – é entrar na H&M (ou um Marc by Marc) mais próxima, ? Eu confesso que sou um pouco assim. Aquelas lojas minimalistas, onde a vendedora te persegue achando que vai conseguir atingir a meta graças a sua compra de 4 dígitas, SUPER me inibe.

shopping-time

Eu sou bem prática, entro se for pra comprar. Pra imaginar e dar pinta, prefiro fazer em grande lojas, tipo uma Barney’s ou Bergdorf’s, onde não tem a-vendedora-da-vez. Tirando isso, só vendo por foto mesmo. E aliada a essa curiosidade, sou fissurada em entrar em site de arquitetos mundo à fora pra saber a concepção deles na criação dessas lojas lindas, que mais parecem um museu, ou galeria de arte.

stella-mccartney-ny

A loja da Stella McCartney é uma! Feita pela Universal Design Studio, tem uma proposta de um ambiente relaxante, onde fazer compras seja uma experiência única e inesquecível. A idéia é explorar os sentidos e que a ambientação seja um meio pro cliente percorrer toda a coleção, sem perder nenhuma peça.  Particularmente, adoro loja tipo clean e não ostentativa. Gosto quando a roupa é o foco.

jil-sander-ny

Essa loja eu entrei, e AMEI. Foi num tour de um curso que fiz por lugares bacanas no SoHo. A loja do Jil Sander é literalmente uma galeria de arte. Totalmente de acordo com seu design, a loja é a personificação do minimalismo. Os espaços (muitas vezes vazios) não são pra mostrar roupas e acessórios, mas sim pra pessoa absorver o conceito e se integrar à atmosfera. Eu amo!
vera-wang-store-ny

Recentemente a Vera Wang abriu uma flagship no SoHo onde ela apresenta sua linha ready-to-wear. A idéia era transmitir sua sensibilidade através da arquitetura (e eu captei). O resultudo foi um aspecto teatral, com níveis interligados e muita leveza nas formas. Os manequins suspensos são exemplo disso. É um lúdico orgânico e suave.

Vocês gostam desse tipo de post? São meus favoritos (hihi) porque aproxima a arquitetura da moda! Alguma sugestão? Curiosidade?

Decoração de quinta: Union Jack

28/05/2010  •  Por Thereza  •  Decorismo, Moda
Desculpa a repetição de tema, mas esse post estava guardado com carinho. E a partir de amanhã tem uma parceria e novidade super especial do blog no Fashion Rio, aguardem! Enquanto isso um pouquinho mais de decor!

Se você não tem muita afeição pelas combinações do verde e amarelo, azul e branco também, e muito menos curte externar seus sentimentos pela terra do Obama, talvez tenha uma bandeira que seja de seu agrado!

Image and video hosting by TinyPic

A bandeira da Grã-Bretanha é uma graça e super adequada pra uma decoração simpática e até irreverente. Conhecida como “Union Jack” e na moda eternizada por Alexander McQueen e nesse look FOFO da Mischa, a bandeira é super usada no aspecto decorativo. Serve de tema para vários ambientes e existem inúmeros objetos que a usam como inspiração, até vaso sanitário!

Image and video hosting by TinyPic

Com certeza na minha casa de newlywed terá um tapetão desse com a bandeira, acho tão moderno e ao mesmo tempo um clássico! Em suma, é contemporâneo e diferente. Com esse sofá de couro ficou modernoso! E o quadro da Rainha estilizada ficou bem simpático!

Image and video hosting by TinyPic

Agora se você não tem tanta ousadia, uma almofadinha que for já é um capricho! E se você for prendada dá até pra fazer em casa. Misturar cores, tecidos e estampas, dá um toque especial em qualquer ambiente.

Image and video hosting by TinyPic

E pra quem quer pegar um bandeirão ou tem um tecido com essa “estampa”, fica super bacana forrar um sofá ou poltrona com as cores da Rainha. Repare que esse detalhe até alegrou o último ambiente. Tô fascinada, overdose de Union Jack no blog!

Image and video hosting by TinyPic

Agora na versão mais básica e sem erro, a tradicional bandeira pendurada! E em época de Copa, quem quiser homenagear o time do Beckham (pena que ele não vai jogar), vale ir em qualquer 25 ou Uruguaiana e arrematar a sua. Aí vai da sua criatividade estilizar com paetê, degradê ou sabe-se lá o quê! E voilá!