Urgente: O comprimento agora é grato!

21/05/2018  •  Por Thereza  •  Celebridades

Esse é o post oficial e definitivo: decretamos o fim do comprimento ingrato! Explico, essa expressão CI é coisa nossa aqui do blog e surgiu muito que provavelmente na era que a Kim Kardashian adotava aquelas saias justas que paravam ali entre a canela e o joelho.

Não era oficialmente um midi e muito menos um longo, era um comprimento confuso que, aliado a embalagem a vácuo e o modelo de sapato, deixava a silhueta, digamos, esquisita. A gente tinha aquele desejo de pegar uma tesoura e cortar uns 4 dedinhos de pano.

Com o tempo, e muito pelo fato libertador da moda, de novos estilos e proporções, o comprimento foi ficando mais flexível, surgiu aí a calça culotte e parece que nossos olhos vão se acostumando, sabe? Não que a gente não veja por aí uns comprimentos feios quase pescando siri, mas hoje em dia esse comprimento “indefinido” é mais que grato, é elegante e fora da caixinha.

O casamento real nos premiou com quase uma dezena de looks assim e que nos atestam que é um comprimento grato e possível, veja só!

comprimento grato

Amal Clooney pra mim foi a mais elegante dentre as convidadas. O vestido amarelo-açafrão, o detalhe da mini-cauda, o scarpin dourado… o comprimento grato! Veja a definição de elegância no dicionário e teremos essa foto. Gosto desse ex-CI porque é uma saia bem afunilada e deixou o “espaço” entre a barra do vestido e o sapato não muito achatado, aliás, scarpin é o maior parceiro para esse tipo de comprimento ousado.

comprimento grato

Lady Kitty Spencer é a sobrinha da eterna Lady Di e ainda ouviremos falar muito dela. O look é um Dolce & Gabbana super romântico, o verde bandeira é lindíssimo e o comprimento… nem lá, nem cá! Gosto nesse caso que a saia é ampla, deixa o formato sino e fica numa pegada super clássica e com o bônus do scarpin facilitador de ex-CI.

comprimento grato

Carey Mulligan preencheu muito bem a cota hollywoodiana e o comprimento ex-ingrato ficou bem agradável pela fluidez do vestido. O tecido leve e as flores deixaram o resultado muito gracioso, elegante e sem precisar ser oficialmente longo.

comprimento grato

Gina Torres seguiu a mesma ideia de Carey, vaporosidade e muita elegância. Às vezes um comprimento assim traz muito mais informação de moda do que um “previsível” longo. E mais uma vez o scarpin arrematando o look.

comprimento grato

Poderia dizer que o look da Troian Belisario é um midi, mas vamos fingir que está 1 palmo abaixo do joelho, configurando assim um bom exemplo de ex-CI. Nesse caso o tecido fluido e leve, ajuda a deixar o visual bonito e a silhueta etérea.

Já Jacinda Barrett foi a definição da elegância com o tal do comprimento e a saia mais armada e com detalhes plissados. Bom exemplo de como é possível uma boa variação sobre o mesmo tema!

comprimento grato

E se tem uma pessoa que gosta desse tipo de modelo, o nome dela é Victoria Beckham. A estilista usou marca própria e foi com um ex-CI sequinho e super elegante. Peço um minuto da sua atenção para exaltarmos a mais plena existência masculina com David Beckham. Seguimos.

Por fim, Abigail Spencer e um ex-CI super simpático, fluido e aberto na frente, pronta para um casamento real em plena primavera. Ao seu lado, Priyanka Chopra, igualmente lindíssima, mas de comprimento midi, mas a pauta hoje é ex-CI.

E vocês, como se sentem com esse comprimento se tornando algo real e possível, sim ou ainda não?!