Como se vestir para uma balada em Los Angeles

03/06/2016  •  Por Thereza  •  Celebridades, Estilo, Moda

Sexta-feira taí, você já agitada com o final de semana e pensando: que roupa usar? As brusinhas estão cara, mas a gente é fashionista e não desiste nunca, vamos sair sim! Aceita sugestões?

Dos mesmos criadores da série {como se vestir para} um casamento em Miami, um aniversário em Los Angeles e umas férias em Cuba, vamos agora à mais uma edição trepidante, agora com looks baladinha!

Ontem foi dia de fervo na boite The Nice Guy e os sobrenomes mais badalados de Hollywood se reuniram pra celebrar a vida, quem nunca? Vamos à inspiração errrr….

balada kylie jenner

Kylie Jenner apostou num macacão nude reflexivo e adesivado no corpo e eu tô dizendo isso literalmene, esse decote inferior deve ter uns 3m de dupla face. O look é ousado, se não fosse pela barra da calça esgulepada (amo essa ~palavra, esgulepada), o look seria 100%, mesmo com toda a ousadia envolvida.

O detalhe da jaqueta é fim de festa, já que o zíper abriu todo e Kylie postou em realtime no Snap o dilema do fim da noite.

balada kendall jenner

Kendall Jenner claramente andou colocando o Fashionismo no Google Tradutor e botou nossa ideia de looks plissados em prática > brinks <. A top sempre busca uns looks fora da caixinha e esse look tem mais informação que o Jornal Nacional em dia de Lavajato: calça flare pantalona plissada √ calcinha aparecida Victoria’s Secret √ Cropped t-shirt √ sutiã de rendinha escapulido √

balada gigi hadid

Já Gigi Hadid foi afogar as mágoas num copo de cerveja, já que ontem foi anunciado o fim do namoro dela com o Zayn. A top apostou numa calça bem esquisita, tenho nem palavras. Já a brusinha cropped foi pra combinar o look com a Kendall e tentar nos empurrar goela abaixo essa trend, só que não podemos.

balada hailey baldwin

Por fim, a Hailey Baldwin com um look mais próximo da realidade de nós, meras mortais. Um vestidinho longuete nude, quem nunca? Com um Cheetos na mão? Sempre. A modelo essa semana andou na crista da onda e foi vista em companhia do maravideuso, Drake. Eu shippo, tu shippas?

E aí, o que acharam dos looks baladas, partiu?!

Badalando em Nova York

13/10/2009  •  Por Thereza  •  Celebridades, New York

Uma das coisas mais complicadas de Nova York, por incrível que pareça, é achar um restaurante perfeito, que agregue preço, bom atendimento (muito raro) e horário flexível. Aqui em Nova York o povo janta com as galinhas então se você quer ir em algum restaurante com clima de bar às 11h da noite, boa sorte!
Como meu excesso de idade e falta de paciência não me permite frequentar boites, sempre escolho um restaurante simpático com cara de bar e onde o garçom me faça o favor (e eu dê 20% a ele) de me servir uma cerveja (nem tô pedindo gelada) na minha mesa. Então selecionei uns points (!) onde você pode andar a partir de 10-11 da noite e escolher um bom lugar pra tomar uns drinks (porque não custa lembrar que lugar de turistas nas bandas do Times Square fecham cedo) e caminhar (com segurança!) pra ver o movimento local!

dsc00433

Lower East Side (carinhosamente apelidado de O Hype): É a Lapa nova iorquina! O povo é cool, lança tendências e tem aquela vibe de filmeB-underground-indie. Os bares  são descolados, mas o preço continua salgado. As boites tocam de Ramones a Oakenfload, de um vinil pra outro. O legal mesmo é ver esse mix de estilos. Super aconselho andar pela Rivington st., fazer uma “ceia” no Schiller’s e depois entrar no bar/boite do Rivington hotel.
les

Bleecker st.: Se você está na faixa dos 18 anos e só quer saber de garotos de Universidade, a região da Bleecker no Greenwich Village é o seu point pra balááda. Repleto de alunos da NYU fervendo os bares e clubes locais, você pode andar por essas redondezas e procurar seu hotspot. Além disso, os restaurantes italianos e asiáticos (maioria no local) tem comida boa e cerveja barata.

bleecker-st
Meatpacking District: Se você quer ver os fashionistas se arriscando com seus saltos pelas ruas cheias de paralelepípedos, o Meatpacking é o point! Gente bonita e restaurantes badalados, o bairro é moderninho e os wannabes e descolados se misturam em perfeita harmonia. Com o highline e o Standard Hotel a região se renovou e abriga os maiores hotspots da cidade. Super recomendo o tradicional Pastis, o asiático Sea e se quer ter uma vista legal da cidade, o rooftop do Gansevoort hotel é perfeito, meu lugar favorito de NY!

meatpacking

Continuando no assunto Nova York, a queridíssima Paula do Sweestest Person me convidou pra fazer um post com dicas de NY, vai lá ver! E pra completar a semana temática, amanhã o post sobre Woodbury e quinta um post com diquinhas baratinhas de NY e o endereço do tal sapato rosa!