O novo monograma desconstruído da Yves Saint Laurent

20/04/2017  •  Por Thereza  •  Acessórios, Moda

Já fiz alguns posts aqui no Fashionismo falando da minha paixão pela Yves Saint Laurent. Adoro a marca, sua pegada super cool e ~alternativa, comparada às suas conterrâneas francesas, Chanel e Dior. E nos últimos anos ela tem vivido uma revolução a olhos vistos, percebeu?

Hedi Slimane foi estilista da marca de 2012 a 2016 e nesse período institui uma mudança que foi MUITO polêmica,  ele basicamente tirou o YVES e a marca se tornou Saint Laurent. A decisão fez muita gente torcer o nariz e, tempos depois, ele saiu da marca para a entrada de Anthony Vaccarello e o que ele fez?

Volta com o Yves! E na melhor forma, através de seu logo! Se estamos em momento de logomania, pra mim o YSL é a mais bonita e icônico e Anthony poderia simplesmente resgatar um clássico, mas ele foi além e desconstruiu, o resultado? Hit, mores! Seja na versão broche, brinco, sapato e bolsa… quero!

monograma-ysl

A primeira coleção do estilista foi a de verão 2017 e nas revistas gringas o que mais tenho visto são os tais brincos Y S L. Eles podem ser usados de diversas formas e dão aquela pegada cool parisian que define muito bem a marca.

Não satisfeito, o estilista foi além e transformou o icônico scarpin Opium em… YSL! Imagina um sapato pisando no logo? Pois bem, desejo atendido e o modelo já é soldout pelo mundo e desejo absoluto e incontestável. Eu, como nobre apaixonada pelo modelo, simplesmente desejo!

E sabe as bolsas monogramadas que também são sucesso da marca (já teve um post comparativo de preço delas aqui)? Alguns modelos também receberam upgrade e o YSL desconstruído. Eu amo esse modelo de bolsa, é uma das que mais uso e certeza que um clássico.

Muito bom ver uma marca se transformando assim a olhos vistos, ainda mais do calibre da Yves Saint Laurent, que retorna às origens, estando mais moderna que nunca!

Guccimania e suas bolsas desejo da temporada [3 dígitos edition]!

03/11/2016  •  Por Thereza  •  Acessórios, Compras, Moda

Na história recente da moda, está muito difícil superar a supremacia Gucci! Desde a chegada de seu novo diretor criativo, Alessandro Michele, é hit após hit, algo surreal num momento de entresafra criativa e uma transição mundial nos rumos e ideais fashion.

Bolsa Gucci

Já falei aqui sobre a bolsa sensação da marca, a Dionysus, mas eles foram além e tem uma dúzia, talvez dezenas de bolsas que foram vistas e revistas nas últimas semanas de moda e também na vida mais – ou menos – real!

Nessa minha última ida à Nova York, fiquei impressionada com a profusão de bolsas Gucci sendo carregadas sejam pelas mocinhas do Upper East Side, mas também nas descoladas de Downtown. Não era uma banalização, mas sim um desejo incontrolável de logomania, bordados e modelos indefectíveis.

No último dia de viagem, fui tão convencida a comprar um dos modelos que tanto via (o Marmont), que pena (ou não né $) que quando cheguei na loja, a cor que eu queria estava soldout.

 

gucci-elas-usam

Agora a parte boa de tudo isso! A Gucci é até parceira, enquanto marcas como Chanel e Dior crescem seus valores num piscar dos olhos, a italiana é razoável nos dígitos impressos na etiqueta. Na nossa tag #querpagarcomo também vemos que o valor convertido no Brasil é até razoável (1o-15%) e o melhor de tudo: eles tem vááários modelos de 3 dígitos!

Baseado nisso e na nossa alegria do dólar ter dado uma diminuida básica (semana passada eu vi a R$3,11 #esperanças), fiz uma seleção de modelos da Gucci por 3 dígitos (fui truqueirinha e não incluir a taxa, ok?! Vai que você vai pra New Jersey, lá não tem hehe). Nem todas tem aqui no Brasil ainda, segundo o pessoal da loja do Village Mall, mas hoje em dia esse gap anda cada vez menor, então até o Natal…

gucci-bolsa-3-digitos

Esse modelo Original é muito amor! Estou apaixonada pela abelhinha, aliás, esses dois modelos foram os que mais vi pelas ruas de NY e todas soldout na loja. Já a versão Signature e Icons, ambas em verniz, são modelos clássicos e perfeitos pra festa ou momentos sociais.

Outra febre vigente é a Marmont, ela tem em vários tamanhos (esse valor equivale ao P) e cores! Eu fiquei super apegada à preta (eu tenho tanta bolsa colorida, que resolvi variar), mas por lá vi num arco-íris de cores. Gosto dela, pois ela não tem o logo e é daquele modelo que a gente vai levar pra vida, assim espero.

Nessa faixa também tem versão escrita e com as estampas da temporada. Por fim, a Soho classicona numa versão bicolor (amo rosa + vermelho!) e a outra hit da vez, a Supreme, que segue esse estilo compacta.

Enfim, fim do ano chegando e se bater aquele desejo de se presentear com algo mais, digamos, de valor, vale ficar de olho na Gucci gringa e na Br, já que muitos desses modelos já estão por aqui e o valor não foge da margem!

10 dicas pra manter sua bag sempre it! :)

26/07/2016  •  Por Thereza  •  Acessórios, Moda

Crise política e econômica, transição de nossa sociedade, de como consumimos moda e até a forma sustentável como compramos e descartamos. Já tivemos esse papo e sabemos que o tempo do oba-oba ficou pra trás, se Deus quiser até teremos uma fase futura de pura ostentação, mas a vibe vigente é outra.

Tudo isso só pra contextualizar: cuide bem do que você tem. Ok que não precisamos de crise para tal, mas é nessa fase que a gente precisa de valorizar mais ainda, certo? O investindo na bolsa nunca fez tanto sentido e agora precisamos de meios para cuidar das que já temos!

Esse post é bem pessoal, porque senti que algumas das minhas bolsas que investi meu rico dinheiro tão meio desgastadas, sabe? Logo fiz um apanhadão de cuidados básicos, que pode servir pra vocês também, vamos lá?!

cuidados bolsa

1.  É importante identificar o inimigo (rsrs) para saber como agir. Manchas de comida podem ser removidas com giz branco, deixe-o agir por uma noite e no dia seguinte remova-o delicadamente com uma toalha.

Já para manchas de óleo, o clássico amido de milho (aka maizena) funciona se usado imediatamente após a mancha. Esfregue na região e ela absorverá o óleo.

Um clássico, mancha de caneta, se ela for recente, borracha branca usada levemente ajuda a apagar. Se for mancha antiga, é melhor levar pra um profissional, um bom sapateiro ajuda a tirar a mancha sem estragar a bolsa. Agora se a sua bolsa, sabe-se porque, estiver fedorenta, use bicarbonato de sódio! Coloque o produto num saco dentro da bolsa e feche-a bem, depois disso espere por 1 ou 2 dias, que o odor será absorvido.

2. Tenha um arsenal de cuidados! Escovinhas delicadas ajudam na manutenção de vários materiais. Mas especialmente borracha branca (veja bem, branca), papel toalha e lenços umedecidos de bebês colaboram pra tirar manchinhas e sujeiras básicas de certos modelos.

3. Crie um hábito. Não chegue com borracha, papel e tesoura quando ela já estiver no limite da beleza, tenha uma manutenção periódica para ela estar sempre bela. Eu tenho aquela Prada roxa que tinha uma cor belíssima e hoje ela parece que desbotou. Na loja eles me sugeriram justamente passar a borracha branca, mas não dá mais, desbotou generalizado :( #dramas.

cuidado bolsa

4. Todo e qualquer experimento que você fizer, seja com um produto novo ou alguma coisa de leve, faça um teste antes no interior ou fundo da bolsa, porque aí já previne de qualquer surpresa.

5. Mancha de jeans é um clássico e irrita muito! Se você anda muito tempo com ela colada no seu jeans fica manchado e um lenço demaquilante passado levemente ajuda a tirar a mancha de leve (exceto se a bolsa for de camurça).

6. Bolsa de camurça, item delicado e que uma mancha não passa despercebida. Ela não deve entrar em contato com água e muito menos óleo, em nenhum momento. Existem escovinhas pra esse tipo de material ou você pode pegar uma escova de dente suave para manutenção e imprevistos.

7. Não corra o risco do couro quebrar, se sua bolsa for muito antiga, isso pode acontecer. Existe um condicionador de couro (pode ser encontrado em loja de sapato), mas ele só funciona como prevenção, se você sentir que sua bolsa já está desgastada, use!

153b235b81a63adabed1170dff127b05

8. Não deixe sua bolsa exposta ao sol por muito tempo. Quem tem que bronzear é você e não ela. O sol desgasta e desbota a cor de um dia pro outro. Outro dia deixei um scarpin pink de camurça na varanda e no dia seguinte ele era rosé acinzentado, juro.

9. A maneira que você guarda sua bolsa não é frescura! Os saquinhos de pano não vem com ela à tóa, eles estão ali para serem usados. Se você perdeu o seu, uma fronha de algodão ajuda na proteção. Never nunca jamais guarde-as em sacos de plástico ou vinil! Ah, e quando for guardá-las por um tempo, enche-as com papel, encharpes, lenços para elas não perderem a forma (eu tenho uma Chanel MURCHA, murcha, porque eu não fiz isso ok).

10. Além disso, recorra sempre à marca que você comprou a bolsa pra tirar dúvidas de manutenção e até resolver algum probleminha, ela também é responsável pelo produto (e qualidade) que vende! Um sapateiro de confiança também funciona pra ajustes e correções, enfim, cuide bem da sua bolsa pra ela de fato passar de mãe para filha :)

cuidados bolsa

Se você tiver algum segredinho imperdível pra resolver problemas nesse quesito, contaí!

 

Página 1 de 612345Última »