O novo monograma desconstruído da Yves Saint Laurent

20/04/2017  •  Por Thereza  •  Acessórios, Moda

Já fiz alguns posts aqui no Fashionismo falando da minha paixão pela Yves Saint Laurent. Adoro a marca, sua pegada super cool e ~alternativa, comparada às suas conterrâneas francesas, Chanel e Dior. E nos últimos anos ela tem vivido uma revolução a olhos vistos, percebeu?

Hedi Slimane foi estilista da marca de 2012 a 2016 e nesse período institui uma mudança que foi MUITO polêmica,  ele basicamente tirou o YVES e a marca se tornou Saint Laurent. A decisão fez muita gente torcer o nariz e, tempos depois, ele saiu da marca para a entrada de Anthony Vaccarello e o que ele fez?

Volta com o Yves! E na melhor forma, através de seu logo! Se estamos em momento de logomania, pra mim o YSL é a mais bonita e icônico e Anthony poderia simplesmente resgatar um clássico, mas ele foi além e desconstruiu, o resultado? Hit, mores! Seja na versão broche, brinco, sapato e bolsa… quero!

monograma-ysl

A primeira coleção do estilista foi a de verão 2017 e nas revistas gringas o que mais tenho visto são os tais brincos Y S L. Eles podem ser usados de diversas formas e dão aquela pegada cool parisian que define muito bem a marca.

Não satisfeito, o estilista foi além e transformou o icônico scarpin Opium em… YSL! Imagina um sapato pisando no logo? Pois bem, desejo atendido e o modelo já é soldout pelo mundo e desejo absoluto e incontestável. Eu, como nobre apaixonada pelo modelo, simplesmente desejo!

E sabe as bolsas monogramadas que também são sucesso da marca (já teve um post comparativo de preço delas aqui)? Alguns modelos também receberam upgrade e o YSL desconstruído. Eu amo esse modelo de bolsa, é uma das que mais uso e certeza que um clássico.

Muito bom ver uma marca se transformando assim a olhos vistos, ainda mais do calibre da Yves Saint Laurent, que retorna às origens, estando mais moderna que nunca!

Dionysus da Gucci, a nova bolsa sensação!

20/05/2016  •  Por Thereza  •  Acessórios, Tendência

dionysius gucci

Dionísio era o Deus grego do vinho, das festas, do lazer, do prazer, do pão, enfim, um Deus hein… agora representado em bolsa e igualmente desejada.

Mitologia grega à parte, você provavelmente já cruzou o olhar com a bolsa sensação do ano, a Dionysus bag, da Gucci. Muito linda, olha só…

dionysius gucci bag bolsa

A bolsa foi criada por Alessandro Michele, estilista à frente da marca e responsável por todo novo frescor e hype recuperado. “Ah, ok, onde é que o Dionísio entra nisso?” No fecho cabeça de tigre.

Os mais atentos saberão que, segundo a mitologia grega, ele teria se transformado no animal para conseguir atravessar o Rio Tigre levando uma jovem ninfa. Viu, blog de moda também é cultura!

Passado tudo isso, a bolsa! Linda, belíssima e favorita do streetstyle recente. É um modelo versátil, nem tão muito grande, nem pequena e que dá aquela incrementada esperta ao look. Tinha tempos que não ficava tão encantada por uma ~it bag.

dionysius elas usam

De Beyoncé à Rosie, Dakota às fashionistas, muita gente já desfilou com uma versão pra chamar de sua. Na realidade, a Gucci fez um bom trabalho de marketing e lembro que na época do lançamento era uma multiplicação nos feeds do insta e timeline do pinterest. Passada a empolgação, de fato é um modelo lindo e que celebra a volta do até então famigerado logo da marca.

bolsas dionysius

Às interessadas, são dezenas de modelos, sério, nunca vi tanta variedade sobre um tema só. Das versões clássicas, passando por estampas, aplicações e materiais, tem de tudo, inclusive sapatos!

Minha favorita é a mais compacta (a mais barata rsrs), mas tem pra todos os gostos, lá fora o preço varia de U$1.200 a U$5.800, por aqui nem me atrevi a fazer nossa tag ‘quer-pagar-como’, mas creio que a variação não é muita, pois a Gucci tem uma margem razoável de 10-15%!

E vocês, já tinham reparado no modelo? Usariam?!

 

BOLSA DESEJO: MÉTIS, DA LOUIS VUITTON

19/01/2016  •  Por Thereza  •  Acessórios, Compras, Estilo, Moda, Tendência

Com o dólar do jeito que tá e a crise em geral que assola qualquer tipo de bolso, é difícil planejar aquele próximo ‘investimento na bolsa’, mas ok… nosso coração fashionístico não é de ferro e vez ou outra sempre rola uma paixãozinha por uma bolsa esperta, atemporal (e que a gente garante que será uma herança pra nossa próxima geração). Estou assim por esse modelo:

METIS POCHETTE

Prazer, Pochette Métis, da Louis Vuitton! Na realidade eu estou obcecada por esse modelo, pois tem tudo que gosto numa bolsa: alça compridona, tamanho compacto e, de quebra, aquele monograma atemporal da LV, mas num modelo fresh e muito charmoso

As mais observadoras já notaram esse modelo pelos streetstyles mundo afora, pelos painéis dos Pinterest é super pinado e acho que a ideia da Métis vai nesse novo momento cool reservado, mas ainda com um belo toque de logomania à la anos 90!

MÉTIS LOUIS VUITTON

E é um tipo de modelo sofisticado, mas que funciona bem pra qualquer ocasião, do look basiquinho aos mais fashionistas. Sabe aquela bolsa que vai bem em qualquer ocasião? Essa. Mas ok, partiremos pra realidade e de volta com nossa tag ‘Quer pagar como’, afinal, quanto custa essa belezura?

METTIS LV

Ouch! Muito ruim pegar o dólar e multiplicar por R$4,20 e o Euro por R$4,60 e isso porque eu fui bem razoável, só de lembrar que no início da tag, lá em 2013, eu multiplicava o dólar por… R$2!

Mas ok, vida que segue e a gente vai trabalhar muito pra fazer a economia girar. E mesmo com essas oscilações, as marcas ainda não reajustaram a ponto dos EUA voltar a ser mais barato, por lá a Métis custa R$7.551 (valor final com taxas) e aqui no Brasil – com o benefício do parcelamento né – sai por R$6.750. Mas caso o desejo seja forte, na Europa, ela sai por R$5.023 (valor final, com detaxe)!

Voltando ao modelo em si, ótima sugestão pra quem curte uma bolsa contemporânea, mas com roupagem clássica que só a Louis Vuitton tem!.

E vocês, curtem esse tipo de modelo?

Página 1 de 812345Última »