The Ordinary, por uma pele menos ordinária

17/10/2017  •  Por Thereza  •  Beleza, Compras

Se tem uma coisa nessa vida de blogueira que eu sou é: influenciada pelas minhas próprias leitoras, pois é, isso é o jogo virando! E ainda mais vindo lá da nossa Comunidade no Face, eu convivo mais e aprendo muito, logo, vejo tanta gente legal e dando dica maneira e penso, peraí, eu preciso compartilhar isso com o ~mundo, aka, vocês!

Ano passado já tinha iniciado timidademente a tag #ColunistaConvidada (com a Ludmila falando sobre maquiagem e a Carmen sobre a SPFW), mas agora estaremos de volta em definitivo, trazendo gente legal e que influencia digitalmente com sucesso! A convidada de hoje é a Laíse! Ela  é advogada, professora e entusiasta de tudo que envolve beleza. No auge dos 27 anos, não acredita em anti-idade (quer viver muito!), mas em chegar lá na melhor versão possível! Vem que hoje o Fashionismo é seu!

the-ordinary

O mercado da moda está em constante mudança e o de beleza não fica atrás. O consumidor está cada vez mais exigente com qualidade e que ela venha acompanhada de um preço justo. Entre os vários segmentos de beleza, o de skincare certamente é um dos mais complexos e, por isso, os produtos devem ser mais caros, certo? Errado! Pelo menos, essa é a proposta da “The Ordinary”.

A marca pertence ao conglomerado canadense DECIEM (vale conferir as marcas-irmãs também), tem como proposta vender fórmulas já popularizadas a preços acessíveis (daí o nome ordinary = comum, trivial) e conta com uma gama considerável de produtos, para diversas necessidades.

the-ordinary-pele

Eles oferecem produtos à base de ácido hialurônico, vitamina C, retinol, vários outros tipos de ácido e óleos vegetais e até umas fórmulas menos ordinary, como um antioxidante diferentão chamado ethylbisiminomethylguaiacol manganese chloride EUK 134 disponibilizado recentemente.

Ainda, a marca é cruelty free, a maioria dos produtos são veganos e não contêm parabenos, sulfatos, óleo mineral ou animal, corantes à base de alcatrão, mercúrio, formol, oxibenzona e (intraduzíveis) methylchloroisothiazolinone, methylisothiazolinone, benzalkonium chloride.

A parte boa é que os preços dos produtos variam entre U$7,90 e U$19,90, entre tratamentos de pele e dois tipos de bases e primers (proteção solar e mais itens de maquiagem serão lançados em breve). Confiram algumas das rotinas de acordo com cada necessidade que o site sugere (consulte sempre seu dermatologista!):

O lado ruim das formulações, em relação às grandes (e caras) marcas, é que muitas delas são bem simples (afinal é a proposta!), com substâncias isoladas ou combinações não muito complexas (apesar de que o Hydrating B5 da Skinceuticals de U$82,00 tem os mesmos componentes do Hyaluronic Acid + B5 de U$10,90). Entretanto, acho legal também para identificar as químicas que melhor atendem às suas necessidades e até detectar mais facilmente possíveis alergias, o que é mais difícil em produtos que contam com várias substâncias.

Eu tenho três produtos da marca (mais dois a caminho e mais vários no carrinho imaginário): Hyaluronic Acid + B5 (apesar de ser ácido não é forte, não descama e pode ser usado durante o dia) que é uma substância hidratante (não confunda com o injetável!) e foi life skin changing para melhorar o ressecamento da minha pele; Natural Moisturizing Factors + HA que é um creme com mix de substâncias hidratantes muito digno e de toque seco (mas talvez as mais oleosas não curtam para uso durante o dia) e o Argireline Solution 10% que é uma substância poderosa para suavizar e prevenir linhas e rugas, mas como uso para este último fim não sou capaz de opinar sobre a eficácia.

Os produtos ainda não vendem oficialmente no Brasil mas ao menos o site entrega aqui! Infelizmente o frete não segue a mesma proposta da marca e custa U$38,00, mas vale ficar ligada nessa marca que ainda vai dar muito o que falar! Se alguém usa algum produto, compartilha com a gente!

melhor grupo fashionismo

Obrigada, Laíse! Espero que tenham gostado dessa super dica e pra quem quiser outras de insider, vale entrar no grupo do Fashionismo!! Eu não fazia ideia da proposta da marca e agora parece tentador!

Linha Pomegranate da Korres, na luta contra a oleosidade!

27/09/2017  •  Por Thereza  •  Beleza, Compras, Publicidade

Se tem uma marca de beleza que eu adoro, ela se chama Korres. Recentemente já falei sobre meus perfumes e cremes favoritos, agora trago uma novidade cremosa e cheirosa!

Pra quem não conhece, a Korres é uma marca grega que existe há 20 anos e, além de ter todo o dna e característica desse país incrível, eles tem outros diferenciais que valem o registro. Por exemplo, eles não testam em animais e todos seus produtos tem ingredientes orgânicos e naturais, ou seja, mais atual impossível.

Tudo isso seria um diferencial pra Korres ter léguas de vantagem entre outras que ainda não se atualizaram nesse universo cada vez mais exigente, mas a marca ainda tem de produtos incríveis, que vão do rosto ao cabelo, sem contar com a origem especial e o preço justo justíssimo.

Agora a melhor parte mesmo é que eles tem um e-commerce recheado de produtos e sempre com ótimas promoções, vale ficar de olho! E uma das linhas deles que mais acho bacana é a Pomegranate, aka, Romã! Uns podem achar que gosto por conta dessas embalagens adoráveis, rosa millennial rs, mas não, a linha vai além!

Antes de mais nada, afinal, quais são os benefícios da Pomegranate? A frutinha é excelente fonte de vitaminas C e B5 e  também taninos (alô, vinhos!), esse mix tem propriedades adstringentes que ajudam a proteger a pele e ainda controlar sua oleosidade e de quebra proporciona um acabamento matte natural. Ou seja, tem pele oleosa? Foca na romã.

Dito tudo isso, a linha Pomegranate tem 4 produtos pra você incorporar à sua rotina de cuidados com a pele. Eu tenho usado há algumas semanas na minha rotina matinal. Eu sempre gostei muito de passar cremes, mas sempre fui de passar à noite, agora nesse cuidado quando acordo, busco justamente cremes que aplaquem a oleosidade da pele, pra na hora de passar a make, meio caminho andado!

Aliás, muito dessa rotina da linha Pomegranate gosto de fazer antes da maquiagem caprichada pra uma limpeza completa, afinal, estamos carecas de saber que não adianta produtos de make potentes se a pele tá sujinha.

O que eu tenho usado no pré-maquiagem? O Sabonete em Barra e a Loção Tônico Facial, nessa ordem. E quando eu vou fazer uma maquiagem mais poderosa, na véspera adoro minha noite de SPA e o Creme Esfoliante é na medida e não sinto que minha pele sai agredida, sabe?

E ele ainda tem um diferencial que promete diminuir cravos, então tenho focado no cantinho do nariz rsrs, porque eu não uso aqueles adesivos malditos por nada nessa vida (já usei uma vez e quase saiu a pele).

Por fim e pra acalmar tudo, uso o Gel-Creme Hidratante Facial e o mais legal dele é a textura, como o nome diz é creme, mas com aspecto gel. Fica fresquinho no rosto e é absorvido rápido, até mesmo por se tratar de uma linha contra a oleosidade. Depois disso você sente de fato que a pele fica limpa e fresca e ainda tem um cheirinho muito bom, cheirinho de limpeza! E quem se lembra que outro dia falei da importância de estender os cremes pra área do pescoço e colo? Pois bem, esse é indicado para essa região também (nem todos são).

Sem exagero, mesmo com pouco tempo de uso, você já nota que de fato essa linha cumpre o que promete, ele não só combate a oleosidade, mas mantém no controle e pra mim não há prova mais cabal que uma boa maquiagem que faz hora extra. O legal é que tem um excelente custo x benefício, a embalagem mais linda e eu já disse… cheiroso?

Vocês tem alguma linha de tratamento da Korres favorita? E quem quiser adquirir esses ou outros produtos da Korres: temos código especial! 15% de desconto em todo o site (exceto sessão outlet) até o dia 31/10, show hein?! Só clicar aqui e digitar o código FASHIONISMO e coisas incríveis acontecerão!

Miniaturização capilar, do que se trata? Descubra se você tem e saiba como tratar!

27/09/2017  •  Por Thereza  •  Cabelos

Desculpa ser a portadora da más notícias, mas quanto mais vivemos, mais problemas descobrimos. E, quem diria, quando o assunto é cabelo, entraríamos na fase da miniaturização capilar. Oi, do que se trata? Bom, para homens é a famosa  queda de cabelo, mas para nós significa um encolhimento dos folículos capilares que produzem fios mais fracos e que já não conseguem alcançar seu potencial máximo de crescimento. Com isso, eles ficam mais flácidos, frágeis, com tendência a quebrar e com o diâmetro menor.

Li uma matéria ótima na Vogue que fala muito desse papo de que “cabelo envelhece” e que já foi tema de post aqui e a própria Gisele alerta em comerciais da Pantene. Essa é uma realidade que acomete 1/3 das mulheres próximo dos 40 anos e cada vez não apenas produtos, mas também cuidados dermatológicos tem surgido para tentar envitar a tal da miniaturização. Se você acha que essa questão vem atingindo seus belos fios cuidados com Moroccanoil e Kérastase, veja 6 dicas para cuidar/evitar.

miniaturização capilar

INCORPORE SUPLEMENTOS À SUA DIETA

Segundo especialistas, suplementos podem ser extremamente úteis, pois eles reforçam os fios de dentro pra fora. Nos EUA, dermatologistas já criam sob medida coquetéis com ingreditentes botânicos e antioxidantes que combatem o stress e melhoram o sistema imunológico, com isso, evita-se justamente a tal da Miniaturização.

Além disso, exames de sangue avaliam as deficiências nutricionais de cada paciente que sofre além da conta desses males. A Ouai (marca da Jen Atkin, cabeleireira bff das kardashians) tem seu Thin Pack, suplemento capilar que promove produção extra de queratina (que aumenta a espessura do fio) e é bestseller na Sephora.

ESFOLIE DO SEU COURO CABELUDO

Já falei aqui algumas vezes da necessidade de cuidado extra do cocuruto, pois ao esfoliar a região, aumenta o fluxo sanguíneo e ajuda a diminuir não só as células mortas da pele, bem como resto de produtos e ainda remove o excesso de DHT (hormônio que induz a perda de cabelo), ao mesmo tempo que a massagem promove o crescimento de novos folículos.

Uma receita diy de expert no assunto? Misture açucar bruto no seu shampoo e esfregue suavemente sobre seu couro cabeludo, depois lave bem. Agora se busca um produto específico, adoro e já recomendei aqui o Magic Elixir da Kiehl’s.

TERAPIA COM LASER

Lá fora essa questão da miniaturização é uma realidade e preocupa, com isso, surgem vários tratamentos mais específicos e até invasivos. Nas clínicas de beleza de NY, O LLLT – que é uma espécie de terapia com laser de baixa intensidade – usa a energia dos lasers para absorver as células dos folículos capilares, estimulando seu metabolismo e síntese protéica. O tratamento não só visa combater o envelhecimento dos fios, mas também gera um crescimento extra!

E ainda existem versões mais simples e até caseiras de laser, com uma ferramenta chamada NutraStim Laser Hair Comb da HairMax, que é uma espécie de tiara futurística pra usar durante 20 minutos por semana para aplacar o tal do envelhecimento capilar.

TERAPIA ALTERNATIVA

Fala-se muito de produtos livres de toxinas prejudiciais, parabenos e sulfatos. E esses ingredientes presentes na grande maioria de produtos, pode de fato ser fator de risco para muita gente, sabotando o ciclo de saúde dos fios.
Com isso, surgem mais e mais marcas alternativas, que buscam produtos naturais e rituais de aplicação para combater esse tipo de problema. Se miniaturização for o seu, vale evitar e até mesmo seguir famosas técnicas como Low e No Poo.

TERAPIA DA NOVA GERAÇÃO (INCLUI SANGUE!)

Sabe aquele tratamento que vez ou outra a Kim faz e consiste em agulhadas no rosto e com o sangue você renova seu pacto de beleza? Bom, o tal PRP consiste em reintroduzir o tal plasma na pele, garantindo benefícios rejuvenescedores que nenhum creme já viu.
E existe versão desse tratamento para a região do couro cabeludo, estimulando o crescimento dos folículos, revertendo a miniaturização capilar feminina e masculina. A empresa que aplica esse procedimento é a mesma que desenvolveu o uso de botox no couro cabeludo pra aplacar a transpiração excessiva e agora sai na frente com esse novo tratamento.

O VILÃO E O MOCINHO

O grande responsável pelo envelhecimento capilar dessa geração pode ser nosso queridinho, o shampoo seco. Enquanto ele disfarça uma raiz sujinha por um ou dois dias, ele também é responsável por “entupir” e obstruir justamente o local que precisa estar limpo e bem cuidado. Com isso, você pode até usar sem moderação, mas sabe o que ajuda a limpar e é tão baratinho quanto? Shampoo anti-caspa.
Segundo matéria da Allure, estudos realizados descobriram que existe um ingrediente nesse tipo de shampoo que limpa o couro cabeludo e ajuda a reverter um pouco dos problemas causados pelo dry shampoo e outras sujeirinhas mais.

miniaturização capilar

Resumindo, vale ficar ligada nessa região do cabelo que a gente cuida menos. E é importante ler essas dicas, descobrir tratamentos e experimentar novos produtos, mas numa próxima visita ao dermatologista também vale abordar esse assunto, afinal, também é coisa de pele!

Página 1 de 15912345Última »