2 Bases de farmácia (gringa) que eu tô amando!

21/06/2017  •  Por Thereza  •  Compras, Maquiagem

A minha última viagem renderá uma série de resenhas de beauté e anote essas que foram provavelmente minhas favoritas: bases! Como eu amo experimentar bases, porque eis o segredo de uma boa maquiagem!

E enquanto muitos dizem que base é o produto de maquiagem que mais merece o “investimento”, sigo firme e forte apoiando versões baratex de farmácia e essas duas são sensação! Eu geralmente costumo comprar uma base “investimento” em cada viagem, mas dessa vez nem precisei quebrar o cofrinho de beauté.

BASE-DE-FARMACIA

Infallible Total Cover da L’oréal

O que você faz quando a Blake Lively usa uma maquiagem x? Você vai lá e se influencia digitalmente, foi assim que fiquei impactada com a maquiagem que ela usou no Golden Globe no início do ano e teve post aqui. Até então a Infallible era lançamento e eu já estava 100% tentada. Depois disso, outras famosas também usaram e ela foi direto pra minha lista!

A base promete uma alta cobertura e ela entrega bem isso. Ela tem uma textura super mousse (me lembra o BB Blur da La Roche) e um acabamento impressionante, dizem que cobre até tatuagem e cicatriz. Só achei que precisa de muita quantidade pra cobrir todo o rosto, já que ela é mais “seca”, mas aplico no pincel uma sprayzada de Rose Water e ajuda bastante na hora de passar.

Eu dei sorte que na farmácia que comprei era possível experimentar as cores, que são muitas, então consegui achar meu tom. Ela custou U$12 e não vejo a hora de ter aqui no Brasil.

BASE-DE-FARMACIA

Maybelline Fit Me Matte + Poreless

No capítulo de hoje, fui impactada pela nossa própria Kim Kardashian! A sister revelou nesse post aqui que adora a base Fit Me Poreless da Maybelline e quem sou eu pra não copiar, fui lá, comprei e amei!

De fato a base tem uma excelente cobertura e ainda acabamento matte, do jeito que gosto. A linha Fit Me é o novo clássico da Maybelline e a versão Matte + Porelless é excelente pra quem busca esse acabamento extra. Aqui no Brasil acabou de chegar a versão “Efeito Matte e Poros Invisíveis” que foi desenvolvida exclusivamente para pele das brasileiras, parece promissor!

Ainda tenho um post com dicas de vários produtos pra comprar em farmácia gringa, mas esses dois mereciam post exclusivo, vale muito a dica!

Corretivo Nars Soft Matte Complete

15/06/2017  •  Por Thereza  •  Maquiagem

Se tem um produto de beleza que eu amo, gasto, pesquiso, invisto, é o corretivo. Não preciso nem dizer que tenho olheiras consideráveis e nada me deixa mais obcecada que um bom corretivo. Já fiz vários posts aqui no Fashionismo sobre o tema e talvez eu tenha um novo favorito!

corretivo-nars-soft-matte

Não tem muito tempo que falei do meu último amor (ainda namoramos), o corretivo da Anastasia, mas agora conheci outro, na realidade da mesma família de um já badalado! Com certeza vocês conhecem o Radiant Concealer da Nars, agora conheçam o Soft Matte!

corretivo-nars-soft-matte

É amor real, amor verdadeiro! Eu adoro corretivo com textura mais pastosa, pois eles são mais eficientes e cobrem mais e o Soft Matte é justamente assim. Mas o legal dele, em comparação ao da Anas, é que, apesar de cremoso, é mais sequinho e não craquela. Ele tem uma textura leve, mas obviamente eficiente.

Enquanto a versão líquida já é muito suficiente pra cobrir as temidas olheiras, a versão potinho chega pra superar no assunto e ainda vir com um acabamento matte, tem como não amar?! Comprei o meu na Sephora gringa, mas ele acabou de chegar aqui no Brasil na Sephora e vale cada centavo (infelizmente são muitos). Minha cor é a Custard e, meio que por milagre, ela não está soldout no site, porque taí uma cor democrática. Se você já conhecia a versão Radiant Liquid, vale testar o Soft Matte porque é boa cobertura no potinho!

E vocês, tem algum outro corretivo mara pra me indicarem?! Sou altamente influenciável!

Maquiagem vermelha, tem coragem?

07/06/2017  •  Por Thereza  •  Maquiagem

Ontem a Urban Decay deu um quentíssimo indício que de fato a maquiagem eighties voltaria com tudo! Se a moda já está flertando com esse momento glam, a maquiagem acaba de receber uma fortíssima e vermelhíssima aliada pra gente colocar em prático o que já temos visto nos editoriais mundo afora.

Depois de 2 anos sem lançar nenhuma palette de sombras, a Urban Decay lançou um daqueles seus  já incensados – e bestseller imediato – produtos que viram desejo instantâneo. Postei ontem no meu Insta sobre a Naked Heat e seu kit de sombras de tons vermelhos terrosos e ousados que promete ser a sensação pra quem busca sim uma maquiagem ousada à lá 1984!

maquiagem-vermelha

O movimento tem aparecido em editoriais de moda, já foi presença em passarelas que vão de Marc Jacobs a Chanel, que tal um olho vermelho?!

Bom, se você já é chegada a tons terrosos, uma cor mais puxada pro vermelho não é tão difícil e é bem essa a tonalidade da Heat, o resultado fica ousado, mas sem sair da cartela super clássica. Confesso que acho bem interessante um olho assim e se já tivemos um momento extraglitter no carnaval (ok, e além), uns 50 tons de vermelho podem ser bem-vindos, convenci?

maquiagem-anos-80

Se você acha que um olho vermelho (pálpebra) é básico, preparada para têmporas coloridas? Pois bem, eis a definição da maquiagem anos 80, nada como um blush exagerado e passando os limites do bom senso. Conceitual? Super, mas que as bochechas ultrapassaram os limites do contorno, isso é um fato!

Outro dia postei aqui sobre o blush tipo bronzeada de sol e taí uma tendência que eu torço muito, o exagero blushial, aquela coisa corada e com cara que saúde, nem que essa tal saúde seja da capa da Vogue 1987!

E vocês, curtiram a nova palette da Urban? Comprariam e apostariam no vermelhôô?!