AS MAIS
LIDAS!

Regra do dia… ou não.

02/09/2013  •  Por Thereza  •  Beleza, Publicidade

Quantas regras ouvimos ao longo da nossa vida? Muitas delas são fundamentais pra gente viver em sociedade, mas e aquelas regras que são frutos de pressões e que já surgem nos intimidando? Falando do nosso mundo fashion e de beleza, quantas vezes já ouvimos que “olho tudo, boca tudo” não pode e que “sombra verde combinando com olho verde”  muito menos?

São tantas amarras que nós mesmas muitas vezes mordemos a língua, mas a realidade é que no final das contas o fundamental é sempre nos questionarmos. Saber o que é adequado pra nós mesmas, cada uma no seu momento, estilo e biotipo e nada de viver unicamente em função de ninguém e quando eu digo isso, também incluo blogueiras, oi!

boneca_predios

Aqui no blog tento tratar com o máximo de delicadeza certas “regras da moda”. Na realidade, tento sempre exemplificar com cada realidade e acima de tudo justificar a cada meio e momento que vivemos. Dizer o que “tá na moda” ou o que é legal é uma coisa, agora enfiar goela abaixo sapato x ou batom y não é legal. E mais, não basta termos discernimento e cuidado na hora de repassar a informação, vai de vocês também não lerem no automático, mas assimilar o que é legal ou não e isso só você mesma pode dizer. Eu comento, vocêm se identificam… ou não (mas espero que sim hehe ;D)

Todo esse movimento que vocês já tem lido por aí, fala justamente do questionamento do padrão x e para nós, leitoras de blogs e mulheres vaidosas, vivemos cercadas deles! Muitas vezes seguimos tais regras sem pensar ou até mesmo induzidas, mas basta um estalo pra cairmos em si e seguirmos em frente. E o projeto Marianice representa justamente essa ideia, essa boneca que está se revelando aos poucos questiona justamente tudo isso, seja no Twitter, Instagram ou aqui no blog :)

Parece bobo, mas quantas vezes nos vemos reféns de certos estereótipos e ao mesmo tempo infelizes com essa condição? É uma pequena reflexão que vale a pena fazer vez ou outra, e certeza que transições assim fazem parte nosso amadurecimento.

Talvez seja utópico chegar aqui e falar pra cada um seguir sua regra e à sua maneira, mas que tal começarmos pelo simples? Seja moda ou maquiagem, são esses pequenos gestos que começarão a fazer toda a diferença. Porque hoje em dia o que vale é ter sensibilidade pra se adaptar e buscar um meio termo, mas sempre à sua maneira.

boneca_regras

E vocês, também notam que vez ou outra nos deixamos levar por pequenas regras que não fazem o nenhum sentido e muito menos temos a menor obrigação? De vez em quando bate o estalo, assimilamos o que vale e seguimos em frente ;)




AMARO Beachwear

Deixe seu comentário!
*Preenchimento obrigatório (seu email não será divulgado).
Quer que a sua foto apareça no comentário? Clique aqui e cadastre-se!

13 Comentários
  1. Gabriela Ganem - 02/09/13 - 17h12

    Ai The! Recebi uma caixa com essa cabeça e não entendi nada! rs
    Eu achei o perfil do Insta bem legal… Mas ainda não matou minha curiosidade!!!
    Hahahaha… Estou queimando a cuca!
    Beijosss

    Responder
  2. Nath Requena - 02/09/13 - 17h22

    Nossa The, que engraçado… parece que o texto foi feito pra mim! Tenho certeza que a maioria das suas leitoras se identificarão com ela, mas por coincidência, justo hoje, eu estava passando por uma auto reflexão, e o pior, auto depreciação, justamente pensando sobre essas regras que “devemos” nos encaixar, mas não conseguimos sempre… Estava pesando o que me faz mais feliz – me sentir pertencente a um padrão, ou me aceitar por não conseguir alcança-lo e ser feliz de qualquer maneira… Na teoria parece fácil, e mais, parece mesmo um absurdo nos sentirmos oprimidas por padrões tão altos de beleza e moda, mas na prática todo mundo gostaria de fazer parte deles e é muito difícil se libertar, por mais madura e resolvida que a garota seja… Enfim, trabalho constante, né? Obrigada por abordar esse tema num blog como o seu, esse é um dos motivos do Fashionismo ser tão diferenciado, adoro seu trabalho!

    Responder
    • Thereza - 03/09/13 - 04h10

      Nath, super te entendo e mais, afirmo que isso é normal! Faz parte do nosso auto-conhecimento, da nossa evolução então muitas vezes não devemos negar esse momento justamente pra valorizar o próximo.
      Não sei sua idade, mas sem dúvida isso vem de momentos da adolescência e até mesmo após ela, e passa viu! A gente amadurece, nem sente e acaba curtindo o que de fato nos indentificamos!
      Lógico que vez ou outra viramos refém de uma ou outra regra, mas no final das conta com o tempo nos encaixamos na nossa realidade!
      Espero que o blog te ajude sempre a encontrar seu caminho, mas principalmente ser uma fonte de diversão e relax ;)

      Bjs!!

  3. Marina Brito - 02/09/13 - 19h28

    The, p feed do blog no feedly não está funcionando corretamente O post não aparece por completo lá!

    Responder
    • Thereza - 03/09/13 - 04h07

      não sei o que aconteceu hoje com ele ;( mas já tá ok agora eu acho!
      bjs!

  4. Daniela - 02/09/13 - 22h00

    Sabe, ando com uma vontade enorme de usar um “olho tudo e boca também”, e dane-se! Com bom senso é tudo liberado (:

    Responder
    • Thereza - 03/09/13 - 04h06

      Daniela, eu to sempre por aí de sombra marrom e batom rosa, o que me coloca os pés no chão é justamente o tal do bom senso e que bom que cada um tem o seu!!
      bjss

  5. Aimêr - 02/09/13 - 23h39

    O que mais gosto no seu blog é que não tem o look do dia zzzz… Mostrando assim, como devemos nos vestir.

    Responder
    • Thereza - 03/09/13 - 04h05

      Obrigada Aimêr! Acho que look do dia em certos casos ajuda mais do que atrapalha, mas muitas vezes de fato nos deixamos levar por impulsos consumistas que muitas vezes são desnecessários! Por isso que aqui gosto mais de falar de gente (celebs e tal) do que de coisas ;)
      bjs!

  6. Isadora - 03/09/13 - 01h00

    Achei esse post bastante interessante e reflexivo, assim que terminei de ler, lembrei na hora do post (acho que era um trend alert) de bolsa amarela. E quando eu vi esse trend passei as 2 horas seguintes pesquisando bolsas amarelas. E a minha bolsa amarela chegou pelos correios semana passada. E essa semana voce me faz um post de trend alert de bolsa rosa. Juro que na hora que eu vi eu fiquei com raiva, isso mesmo, bateu aquela raivazinha e no minuto seguinte passou pela minha cabeça ”agora vou ter que comprar uma bolsa rosa?” puts, fiquei magoada comigo mesma, como fui impulsiva! não, não vou comprar bolsa rosa. vou curtir minha bolsa amarela, e parar de comprar sem refletir.

    Responder
    • Thereza - 03/09/13 - 04h04

      Isa, é super natural isso, seja via blogs, revistas ou até olhando pra outra pessoa na esquina!
      Vai da gente saber assimilar na hora certa e ver o que é legal pro nosso caso! Mas vez ou outra é sempre bom se levar por um impulso momentâneo e acho que o seu teve final feliz, diferente de regras que nos prende e fugimos da nossa personalidade!
      bjs!!

  7. Rayssa Pascoal * - 03/09/13 - 09h51

    Adorei tudo! Adorei o post, adorei o que você escreveu e é exatamente o que eu penso. E acredito que só com um certo nível de maturidade e auto-confiança as pessoas começam a pensar desse jeito. Querendo ou não a mídia faz de tudo para encutir um padrão… É como naquela música da Pitty… E temos que ser fortes e ousados para não seguirmos à risca. Acredito que essa seja uma das maiores causas de depressão – que vem aumentando ao longo dos anos: não nos enquadrarmos naquele modelo que esperam de nós e isso envolve muita coisa, muitas cobranças.
    E é o que você vive escrevendo: o segredo é o bom-senso, usar os blogs e a mídia como uma maneira de conhecer as coisas, se informar e não como um livro de normas. E apenas seguir o que você realmente se identifica.
    Eu costumo até pegar abuso e acabar não usando algo que eu quero usar porque vejo que está TODO MUNDO usando. Não gosto de sair e parecer que estou usando um uniforme!
    Enfim, muito importante essa reflexão…
    Dei uma olhada no instagram e as fotos são bem poéticas, gostei bastante.
    Agora, essa boneca parece de filme de terror, que sugaram a alma dela… hahahaha

    Responder
  8. July - 05/09/13 - 10h16

    Thê, esse post é muito importante, as pessoas tem que se conscientizar…
    Eu só leio o teu blog, e adoro… Pra me informar sobre moda vejo fotos de street style… Pq a maioria dos outros blogs são todos iguais! Basta ler um deles e já leu todos! Virou uma ostentação ao luxo sem freios! A grande realidade é que nao podemos ter tudo de marca gringa e caríssimas! Não podemos todas sair por aí de calça listrada e croped! Não podemos ser todas texanas (viu kim) … A vida normal é outra coisa! Temos trabalho, filhos, estudos e outras formas de cultura! Não só moda! Por isso que eu falo tanto sobre ( esse look já ta batido… Visto e revisto)
    O melhor da moda é que nos permite de ser únicas! Até com roupas e acessórios mais baratos e legais, e não esse monte de clones por aí! Um exemplo: Quando eu vou a Paris sempre fico impressionada com as mulheres normais, no metrô! Elas são tão fashions, simples, únicas e com uma feminilidade nata… Basta um acessório, um detalhe… Se vê de longe! E nao precisa ter tudo que está na moda pra isso! As vezes ser você mesma é a melhor coisa! Nao copiar e sim reenventar ! Por isso que olivia e duma estão ai! Dois estilos completamente opostos no mesmo mundo da moda! Ser único e belo ao próprio modo, é a coisa mais linda da moda que se está perdendo ultimamente!
    Continua assim The, te adoro! E sugestão pra novo post: diferenças entre olivia e duma! Bjo!

    Responder